You are using an outdated browser. For a faster, safer browsing experience, upgrade for free today.
Anuncios M
0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.
cardoso
  Art. DM: Um Derby Pintado de Vermelho
« em: 04 de Março de 2009, 22:07 »
O grande derby disputou-se na passada segunda-feira, dia de trabalho para os que têm de enfrentar a crise e as exigências da vida, ou seja, para a maioria dos mortais comuns. Pior que isso, em vésperas de outro dia de trabalho. Perante isto ainda há quem estranhe que o estádio não encha!
O Braga ganhou, mesmo sem necessidade de ter feito um grande jogo. Mas não vou aqui escrever sobre a qualidade da partida propriamente dita, ou sobre a justiça do resultado porque entretanto já quase tudo foi dito. Gostava de realçar alguns factores menos positivos que convém lembrar e sobre os quais é urgente reflectir.
Foi, de facto, um jogo pintado de vermelho. Vermelho do Braga mas também vermelho de paixão, de perigo e, em alguns aspectos, mesmo de vergonha. Fiquei feliz com a vitória do Braga, até gostei do habitual folclore da troca de “piropos” entre adeptos. Sempre defendi que esta rivalidade tem o seu lado bonito, como acontece com todas as tradições. Esta rivalidade é normal e necessária; somos vizinhos e os nossos verdadeiros adversários não estão em Guimarães mas um pouco mais a sul. Desta vez, os adeptos vindos do lado de lá das Taipas eram em muito menor número do que o habitual, porque se assim não fosse, o vermelho poderia ter sido também de sangue.
Entrei no estádio, como sempre, no “tribunal”, ao qual tenho muito orgulho de pertencer. Praticamente ao mesmo tempo, vejo entrar a claque do adversário e qual não é o meu espanto ao verificar que os adeptos vimaranenses passam pelos torniquetes a cem à hora, sem revista e são encaminhados para o “segundo anel”, praticamente por cima do lugar onde me encontrava. Como era de prever, passado pouco tempo começaram a cair objectos, como garrafas de água, sobre os sócios do S. C. de Braga. De vez em quando, como se fosse necessário quebrar a monotonia, “choviam” petardos sobre as cadeiras do sector onde noutros jogos se situa a claque visitante. Trata-se de objectos pirotécnicos que certamente provocariam danos graves se caíssem uns metros mais ao lado, onde se encontravam os associados e adeptos do S. C. de Braga.
Em Guimarães como em todos os outros clubes há adeptos destes, que usam o futebol como forma de descarregar emoções e instintos reprimidos; infelizmente, no futebol, isso é normal. O que não é normal é ver, como eu vi, as autoridades policiais, polícia de choque inclusive, a assistir passivamente a tudo isto, mãos atrás das costas como se estivessem ali a apreciar o espectáculo, embora a serem remuneradas com o dinheiro dos nossos impostos. Por outro lado, de quem é a responsabilidade pela colocação da claque visitante num local tão perigoso? 
Infelizmente, parece-me que só se pensará seriamente nestas questões quando morrer alguém num estádio. No final do jogo vi um adepto ser assistido a ferimentos na face. Não sei o que lhe terá acontecido; só sei uma coisa: podia ter sido bem pior.
Há uma certa tendência hoje em dia para associar a necessidade de ordem e de autoridade a ideologias autoritárias e repressivas, como se fosse preciso satisfazer saudosismos esclerosados com o velho e pacóvio argumento de que “isto só lá vai à bastonada”. Confesso que “não vou à bola” com este tipo de argumentação porque a verdadeira democracia também envolve o respeito pelos outros e a segurança das pessoas. Por isso, em democracia, as forças policiais são imprescindíveis e devem ter todo o nosso apoio e respeito. Mas o mínimo que lhes podemos exigir é que nos protejam dessas minorias de desordeiros. É para isso que pagamos impostos. E não foi isso que eu vi na passada segunda feira no estádio AXA.
« Última modificação: 04 de Março de 2009, 22:11 por cardoso »
joaobl03 Equipa Principal
  • *****
  • 1877
  • 100% SCB
  Re: Art. DM: Um Derby Pintado de Vermelho
« Responder #1 em: 04 de Março de 2009, 22:31 »
Se nós fizessemos o que eles fizeram os robotcops entravam à bastonada pelo nosso sector sem o minimo de piadade , agora com são estrangeiros ninguem lhes pode tocar .
"Muitos querem derrubar-te mas tua gente não quer"
Anuncios M
Anuncios M
spinto
spinto Equipa Principal
  • *****
  • 2237
  • Nascido, criado e vivido em Braga
  Re: Art. DM: Um Derby Pintado de Vermelho
« Responder #2 em: 04 de Março de 2009, 23:32 »
Rebeldes, desordeiros e vandalos, há em todo lado e em todas os grupos de pessoas, sabemos que basta 2 ou 3 para porem 100 ou 200 na confusão, agora, fazerem necessidades e outros actos como foram feitos só envergonha a bonita cidade que é guimarães e os seus habitantes leais e cordeais hospitaleiros que são.

Este povo que aqui veio é a vergonha da cidade de guimarães certamente, são aqueles que tornam a cidade suja e infestada. incluo o sr.cajuda e emilio macedo na lista pois eles no final do jogo foram desordeiros, malcriados e não foram exemplo para ninguém.

Não me confundam pois não tenho nenhuma ligação á cidade, muito raramente lá vou e quando vou sinto-me em casa, excepto no futebol claro que aí quando vou é sozinho e "sem identificação".

Sou e sempre fui a favor de claques, continuarei a ser por isso estou á vontade para falar e salutar quem está de bem no futebol e quem faz crescer o futebol.

Isenção e lealdade acima de tudo, quero ganhar sempre desde que haja espectaculo e profissionalismo e corram com aqueles que querem ganhar a todo o custo mesmo de forma ilicita como parecia que os 2 artistas do banco do VSC queriam.

Parabéns Cardoso, és um dos que faz falta, acredita que tens muitos seguidores e que quando falas todos respeitam.

SOMOS 4 EM CASA E TODOS SÓCIOS , FAZ O MESMO - JUNTA-TE Á LEGIÃO BRAGUISTA !!!
A.COSTA
A.COSTA Equipa Principal
  • *****
  • 12581
  • ALLEZ, ALLEZ, MÁGICO BRAGA ALLEZ
  Re: Art. DM: Um Derby Pintado de Vermelho
« Responder #3 em: 04 de Março de 2009, 23:43 »
O grande derby ...
... Por outro lado, de quem é a responsabilidade pela colocação da claque visitante num local tão perigoso? 
Infelizmente, parece-me que só se pensará seriamente nestas questões quando morrer alguém num estádio. ...


Boa Cardoso. Bateste nos pontos principais. Espero que leiam este teu escrito, pois ele merece reflexão.

Vou acrescentar às tuas reflexões o episódio, já descrito no assunto do jogo, de o meu filho de 9 anos, que viajou comigo desde Guimarães para ocupar a cadeira anual dele, ter chorado com medo dos petardos. Ora o lançamento reprovável e terceiro-mundista de petardos deveria ser severamente punido, pois um qualquer descontrolo pode matar 1 ou mais pessoas. Assim um dia destes deixarei de ir ao futebol, pois para mim o futebol deve ser um espectáculo seguro, onde não é preciso sorte para escapar à morte ou ao ferimento grave, em que possa dar razões aos mais novos para verem os jogos, em que possa ver bom futebol e que no fim o Braga possa vencer.

Não é admissível as pessoas terem medo de ir aos estádios numa altura de crise, em que os poucos adeptos que vão ver os jogos sejam empurrados para "outras bandas". Estão a matar o futebol com o argumento ignóbil de transformar a salutar rivalidade em violência gratuita e insegurança. Não pode ser. BASTA !!!!



Nota:

Devias estar perto de mim. Se eu soubesse ... felicitar-te-ia pelo teu braguismo e pelos teus escritos. Não te canses.
« Última modificação: 04 de Março de 2009, 23:48 por A.COSTA »
No S. C. BRAGA só nos baixamos para beijar o símbolo
cardoso
  Re: Art. DM: Um Derby Pintado de Vermelho
« Responder #4 em: 05 de Março de 2009, 00:37 »
Podes crer, Costa. Tenho uma filha com 9 anos e pensas que a levo? O rapaz tem 15 mas quando tinha essa idade sabe Deus o que eu passei para lhe explicar que o futebol não é bem aquilo que ele às vez via!

Obrigado, SPINTO ;)
Sérgio Juniores
  • ***
  • 422
  Re: Art. DM: Um Derby Pintado de Vermelho
« Responder #5 em: 05 de Março de 2009, 13:21 »
Cardoso tu vales mais que as vozes dos 2687 membros registados neste fórum. Mais até que muitos milhares de sócios. Pois tu és a nossa voz para todo a cidade para todo o Minho. Defendes o nosso clube na praça pública e és ouvido por todos, fruto da publicação dos teus artigos.

Continua a defender e a prestigiar o nosso Enorme. Não te canses nunca, como já disseram atrás.
Obrigado.
spinto
spinto Equipa Principal
  • *****
  • 2237
  • Nascido, criado e vivido em Braga
  Re: Art. DM: Um Derby Pintado de Vermelho
« Responder #6 em: 05 de Março de 2009, 15:08 »
Cardoso tu vales mais que as vozes dos 2687 membros registados neste fórum. Mais até que muitos milhares de sócios. Pois tu és a nossa voz para todo a cidade para todo o Minho. Defendes o nosso clube na praça pública e és ouvido por todos, fruto da publicação dos teus artigos.

Continua a defender e a prestigiar o nosso Enorme. Não te canses nunca, como já disseram atrás.
Obrigado.


Acho que te expressas-te mal, todos valemos muito, agora há pessoas que mereçem mais atenção e que são respeitadas de maneira diferente, pessoalmente concordo com quase tudo que o cardoso diz e outros membros que de facto quando falam acertam e não estão aqui só para destabilizar.
Há membros do superbraga que eu me revejo, não vou mencionar nomes para não ser injusto, mas o cardoso é um deles.

Todos temos valor e todos fazemos falta.


SOMOS 4 EM CASA E TODOS SÓCIOS , FAZ O MESMO - JUNTA-TE Á LEGIÃO BRAGUISTA !!!
1
1 Equipa Principal
  • *****
  • 3347
  Re: Art. DM: Um Derby Pintado de Vermelho
« Responder #7 em: 05 de Março de 2009, 15:11 »
Podes crer, Costa. Tenho uma filha com 9 anos e pensas que a levo? O rapaz tem 15 mas quando tinha essa idade sabe Deus o que eu passei para lhe explicar que o futebol não é bem aquilo que ele às vez via!

Obrigado, SPINTO ;)



Óbvio que temos de explicar certas coisas aos mais novos e temos de os ter sempre em segurança. É pena que não haja mais segurança (culpa 100% da policia) e que os horários dos jogos não sejam a horas decentes para crianças.

Outra coisa que queria referir mas não é discussão para aqui é a bolha de segurança em que os pais envolvem os filhos hoje em dia, deixem os putos viver quando éramos novos íamos brincar o dia todo fora de casa e fazer asneiras, não havia telemóveis nem o controlo que há hoje. Sinceramente temos pela nova geração porque chega a uma idade adulta sem ter contacto com o mau da sociedade e por isso ficam tão surpreendidos. É uma cultura que os media "impuseram". Óbvio que o jogo de 2ª nem foi seguro nem para crianças nem adultos da nascente. Eu na poente nem notei o que se passou mas realmente é incrível...
Anuncios M
Anuncios M
F.Show
  Re: Art. DM: Um Derby Pintado de Vermelho
« Responder #8 em: 06 de Março de 2009, 11:38 »
Parabens por mais um grande texto e tb pela subida há equipa principal.
GRANDE BRAGUISTA
 

Anuncios M
Anuncios M