Quantcast
mercado de verão 2022/2023
You are using an outdated browser. For a faster, safer browsing experience, upgrade for free today.
Anuncios M
mercado de verão 2022/2023
4954 Respostas
476193 Visualizações
0 Membros e 2 Visitantes estão a ver este tópico.
Barbraga
Barbraga Juvenis
  • **
  • 149
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #2960 em: 06 de Julho de 2022, 10:33 »
Desde que a Academia começou a ser construída o SCB já realizou cerca de 100M com miúdos lá formados...se já não está paga deveria estar (a parte da obra já realizada, até porque, se não estou em erro foi dito que seria paga sem recurso à banca mas através de capitais próprios). A lenga lenga da Academia não se pagar sozinha está esgotada e já não faz sentido algum para justificar a falta de investimento.. com um custo final estimado em aproximadamente €33M já só deve faltar pagar as obras que ainda não foram concluídas. O custo de manutenção é outro assunto mas assim por alto diria que não deverá ultrapassar os 2,5M ano (até poderá ser 3M) valor  que representa apenas 7% do actual orçamento.
Argumentar com os custos da Academia para justificar a falta de investimento é um grande logro.

O problema não é a construção da academia. A construção do edificio tem pouco impacto nas contas do Braga.

O grande problema do Braga (e que é o mesmo problema do Benfica, Porto e Sporting, ainda que com uma dimensão diferente) é que as receitas normais que o clube gera são muito reduzidas face à estrutura que o clube começa a ter. Ou seja, os direitos de transmissão + receitas de bilheteira + publicidade + merchandising, geram apenas cerca de 12M€/ano. Isto mal chega para pagar as despesas normais do clube, os chamados FSEs.

Depois, há ainda que ter em conta que o Braga está a gastar 27M€/ano em salários de atletas e de toda a estrutura que trabalha lá. É que a academia não é só a construção, ter uma academia significa também ter centenas de atletas, preparadores fisicos, treinadores, seguranças, pessoal da limpeza, manutenção, cozinheiros, olheiros, etc. Tudo isso tem impacto financeiro nos salários. E há ainda que contar com 8M€/ano em amortizações de passes de atletas e bónus por renovações contratuais.

CONCLUSÃO: Temos um buraco anual de 36M€ que temos que cobrir com receitas extraordinárias, ou seja com vendas de atletas e com receitas de participação das competições europeias. Em 2021, por exemplo, fizemos cerca de 34M€ em receitas extraordinárias, ficamos com prejuízo de 2M€. Portanto, quando dizem que o Salvador não reinveste no plantel, é verdade, não reinveste nem pode reinvestir pois o braga precisa dessas vendas para cobrir custos com salários e outras despesas operacionais.
Excelente análise. Gostaria que as pessoas, que criticam a falta de investimento, vejam isto e reflitam. É só reparar naquilo que os clubes abaixo tem feito para se manter, os graves problemas financeiros dos manolos, e consegue-se perceber que é mesmo dificil manter uma equipa minimamente competitiva. Não falo dos 3 do costume porque esses tem ajudas dos bancos e fazem empréstimos obrigacionistas como quem vai á Worten comprar uma máquina de café. A meu ver, e até posso estar enganado, assim como sucedeu com a situação do Covid, o clube está a ser cauteloso nos passos a dar porque os custos da construção da academia e outros custos inerentes deverão estar a aumentar consideravelmente com os preços das matérias a subirem diariamente. A título de curiosidade, conheço algumas pessoas que trabalham em áreas ligadas á construção e me comentaram que tem matérias como o ferro que neste momento custam 4 vezes mais do que custavam antes da pandemia. Posto isto, também gostaria de um bom investimento na equipa mas tenho de ser realista e perceber que a academia é o futuro, e o que trará mais receitas ao clube.
O ILUMINADO
O ILUMINADO Equipa Principal
  • *****
  • 3228
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #2961 em: 06 de Julho de 2022, 10:39 »
Na estrutura devem achar que vão conseguir fazer sempre uns 20/30 milhões de euros com jogadores da formação todos os anos, só pode.. para fazer face a estes custos é a única maneira, não sei até que ponto isto é sequer sustentável, veremos o que acontece em 5-10 anos.. Mas esse comentário do Jorge é elucidativo, é impraticável investir no plantel. 

Ainda querem fazer um estádio de 60 milhões de euros?
Anuncios M
Anuncios M
Magicobraga
Magicobraga Equipa Principal
  • *****
  • 9071
  • Saci Colorado
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #2962 em: 06 de Julho de 2022, 10:40 »
Até assusta olhar para este centro da defesa.
Assista os centrais, assusta os extremos...
SEMPRESCB
SEMPRESCB Equipa Principal
  • *****
  • 6224
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #2963 em: 06 de Julho de 2022, 10:43 »
Na estrutura devem achar que vão conseguir fazer sempre uns 20/30 milhões de euros com jogadores da formação todos os anos, só pode.. para fazer face a estes custos é a única maneira, não sei até que ponto isto é sequer sustentável, veremos o que acontece em 5-10 anos.. Mas esse comentário do Jorge é elucidativo, é impraticável investir no plantel.
E se é impraticavel investir no plantel é quase impossivel teres um plantel competitivo o que por inêrencia retira valor ao mesmo e como resultado disso não sei onde o Salvador está a pensar sacar dinheiro com um plantel sem qualidade diferenciada nenhuma. É que Carmos na formação e Musratis a custo 0 há poucos.

Espero que lhe tenham dito que os emprestados não os pode vender sem primeiro os comprar.
Kwanza99
Kwanza99 Equipa Principal
  • *****
  • 1209
  • Os Kwanzas do Dyego
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #2964 em: 06 de Julho de 2022, 10:50 »
Melhor só os 2,5M em objetivos:
- 500k por cada campeonato ganho pelo porto.

Mais valia não por ***** nenhuma.
Zauuu ⚔️🔴⚪️
darno Juniores
  • ***
  • 388
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #2965 em: 06 de Julho de 2022, 10:57 »
Melhor só os 2,5M em objetivos:
- 500k por cada campeonato ganho pelo porto.

Mais valia não por ***** nenhuma.
Por cada campeonato do Porto enquanto o Carmo lá estiver, ou seja em 1/2 anos deve sair e lhe melhor das hipóteses vemos 500k, se isto não foi um dar a mão claro ao Pinto não sei que mais foi, dos adeptos do porto que vejo estão todos em êxtase , dizem todos que é centralão e daqui a 2 anos sai pelo triplo fácil, e é verdade.
jorgeac Juvenis
  • **
  • 100
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #2966 em: 06 de Julho de 2022, 11:02 »
Na estrutura devem achar que vão conseguir fazer sempre uns 20/30 milhões de euros com jogadores da formação todos os anos, só pode.. para fazer face a estes custos é a única maneira, não sei até que ponto isto é sequer sustentável, veremos o que acontece em 5-10 anos.. Mas esse comentário do Jorge é elucidativo, é impraticável investir no plantel. 

Ainda querem fazer um estádio de 60 milhões de euros?

A questão é que vejo muita gente aqui no fórum a criticar que o Salvador tem feito milhões em vários negócios e depois não reinveste no plantel. Os valores que apresentei, todos retirados do relatório e contas, mostram o porquê de não haver contratações. A haver contratações, têm que ser muito criteriosas, nomeadamente jovens baratos com potencial de valorização, empréstimos com opção de compra, etc. Que é o que tem sido feito.
joelvm
joelvm Equipa Principal
  • *****
  • 1461
  • We are SCBraga!!!
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #2967 em: 06 de Julho de 2022, 11:03 »
Melhor só os 2,5M em objetivos:
- 500k por cada campeonato ganho pelo porto.

Mais valia não por ***** nenhuma.

Porquê? Por a estatística nos dizer que vamos receber mais 1.5M?
Anuncios M
Anuncios M
Kwanza99
Kwanza99 Equipa Principal
  • *****
  • 1209
  • Os Kwanzas do Dyego
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #2968 em: 06 de Julho de 2022, 11:04 »
Melhor só os 2,5M em objetivos:
- 500k por cada campeonato ganho pelo porto.

Mais valia não por ***** nenhuma.

Porquê? Por a estatística nos dizer que vamos receber mais 1.5M?

Estás a assumir que o puoto vais ser campeão 3 vezes ou que o Carmo vai ficar pelo menos 3 épocas lá?
Uma cláusula para encher chouriço e vir dizer à boca cheia que "é um negócio de 22,5M". Só para fazer número. Estatísticas.
Zauuu ⚔️🔴⚪️
Pé Ligeiro
Pé Ligeiro Equipa Principal
  • *****
  • 14525
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #2969 em: 06 de Julho de 2022, 11:08 »
Desde que a Academia começou a ser construída o SCB já realizou cerca de 100M com miúdos lá formados...se já não está paga deveria estar (a parte da obra já realizada, até porque, se não estou em erro foi dito que seria paga sem recurso à banca mas através de capitais próprios). A lenga lenga da Academia não se pagar sozinha está esgotada e já não faz sentido algum para justificar a falta de investimento.. com um custo final estimado em aproximadamente €33M já só deve faltar pagar as obras que ainda não foram concluídas. O custo de manutenção é outro assunto mas assim por alto diria que não deverá ultrapassar os 2,5M ano (até poderá ser 3M) valor  que representa apenas 7% do actual orçamento.
Argumentar com os custos da Academia para justificar a falta de investimento é um grande logro.

O problema não é a construção da academia. A construção do edificio tem pouco impacto nas contas do Braga.

O grande problema do Braga (e que é o mesmo problema do Benfica, Porto e Sporting, ainda que com uma dimensão diferente) é que as receitas normais que o clube gera são muito reduzidas face à estrutura que o clube começa a ter. Ou seja, os direitos de transmissão + receitas de bilheteira + publicidade + merchandising, geram apenas cerca de 12M€/ano. Isto mal chega para pagar as despesas normais do clube, os chamados FSEs.

Depois, há ainda que ter em conta que o Braga está a gastar 27M€/ano em salários de atletas e de toda a estrutura que trabalha lá. É que a academia não é só a construção, ter uma academia significa também ter centenas de atletas, preparadores fisicos, treinadores, seguranças, pessoal da limpeza, manutenção, cozinheiros, olheiros, etc. Tudo isso tem impacto financeiro nos salários. E há ainda que contar com 8M€/ano em amortizações de passes de atletas e bónus por renovações contratuais.

CONCLUSÃO: Temos um buraco anual de 36M€ que temos que cobrir com receitas extraordinárias, ou seja com vendas de atletas e com receitas de participação das competições europeias. Em 2021, por exemplo, fizemos cerca de 34M€ em receitas extraordinárias, ficamos com prejuízo de 2M€. Portanto, quando dizem que o Salvador não reinveste no plantel, é verdade, não reinveste nem pode reinvestir pois o braga precisa dessas vendas para cobrir custos com salários e outras despesas operacionais.

Se fosse assim como diz o forista jorgeac, que o Braga tem um buraco anual de 36 M e que precisa de 36 M € de receitas extraordinárias todos os anos, o Braga estaria mais que falido. Felizmente, a realidade é bem diferente daquilo que aqui é afirmado. É pena que não tivesse lido os R&C, embora se saiba que mesmo lendo os R&C, ainda ficam uma série de dúvidas, por haver rubricas mal explicadas. Também é habitual nos clubes haver contabilidade imaginativa...
BRAGA SEMPRE MAIS!
Kiki Iniciados
  • *
  • 74
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #2970 em: 06 de Julho de 2022, 11:10 »
O David, na época transacta, veio colmatar um problema sério que tínhamos no eixo defensivo. Uma grande parte do sucesso da segunda metade da temporada deveu-se à estabilidade que ele ofereceu à defesa.
Ora, se vendemos os activos que nos dão garantias, não descurando que 20 milhões são apetecíveis e os modelo de gestão dos clubes nacionais assentam (mal a meu ver) em receitas extraordinárias (e perdões de dívidas para alguns), a concorrentes directos aos lugares cimeiros onde -supostamente- queremos chegar, pelo menos exige-se que a administração da SAD/Clube seja transparente e assuma que não encontra soluções para ombrear com os 3 eucaliptos e que não têm competência/ambição para que o clube dê o próximo passo em termos de êxito desportivo.

Ficamos também a saber que os 3 eucaliptos têm 2 academias ao seu dispor. A deles quando têm capacidade para formar bons jogadores, e a nossa com preços bastante reduzidos face à clausula de rescisão, quando não têm capacidade para formar jogadores.

Em relação ao vídeo publicado, as felicitações entre colegas e restante estrutura são normais e devem ficar no "balneário". O que não é normal é esfregar na cara dos associados do clube, como os jogadores menosprezam esta instituição centenária.   
Anuncios G
SEMPRESCB
SEMPRESCB Equipa Principal
  • *****
  • 6224
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #2971 em: 06 de Julho de 2022, 11:12 »
Na estrutura devem achar que vão conseguir fazer sempre uns 20/30 milhões de euros com jogadores da formação todos os anos, só pode.. para fazer face a estes custos é a única maneira, não sei até que ponto isto é sequer sustentável, veremos o que acontece em 5-10 anos.. Mas esse comentário do Jorge é elucidativo, é impraticável investir no plantel. 

Ainda querem fazer um estádio de 60 milhões de euros?

A questão é que vejo muita gente aqui no fórum a criticar que o Salvador tem feito milhões em vários negócios e depois não reinveste no plantel. Os valores que apresentei, todos retirados do relatório e contas, mostram o porquê de não haver contratações. A haver contratações, têm que ser muito criteriosas, nomeadamente jovens baratos com potencial de valorização, empréstimos com opção de compra, etc. Que é o que tem sido feito.
Pois mas isso levar-nos-ia ao mesmo: má gestão, aliás, péssima gestão.
Em dois anos vendeu se praticamente toda a qualidade diferenciada que o Braga tinha face à concorrência (os que vem atrás) sobram 3 ou 4 que saindo deixam o Braga com um plantel banalissimo. Acham que é com emprestados e com jogadores a custo 0 que se voltará a garantir qualidade próxima daquela que se perdeu? E como serão suportados os mesmos custos no futuro sem as mesmas vendas? Se assim fosse caminharíamos para o abismo certamente,   
« Última modificação: 06 de Julho de 2022, 11:17 por SEMPRESCB »
SEMPRESCB
SEMPRESCB Equipa Principal
  • *****
  • 6224
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #2972 em: 06 de Julho de 2022, 11:15 »
Desde que a Academia começou a ser construída o SCB já realizou cerca de 100M com miúdos lá formados...se já não está paga deveria estar (a parte da obra já realizada, até porque, se não estou em erro foi dito que seria paga sem recurso à banca mas através de capitais próprios). A lenga lenga da Academia não se pagar sozinha está esgotada e já não faz sentido algum para justificar a falta de investimento.. com um custo final estimado em aproximadamente €33M já só deve faltar pagar as obras que ainda não foram concluídas. O custo de manutenção é outro assunto mas assim por alto diria que não deverá ultrapassar os 2,5M ano (até poderá ser 3M) valor  que representa apenas 7% do actual orçamento.
Argumentar com os custos da Academia para justificar a falta de investimento é um grande logro.

O problema não é a construção da academia. A construção do edificio tem pouco impacto nas contas do Braga.

O grande problema do Braga (e que é o mesmo problema do Benfica, Porto e Sporting, ainda que com uma dimensão diferente) é que as receitas normais que o clube gera são muito reduzidas face à estrutura que o clube começa a ter. Ou seja, os direitos de transmissão + receitas de bilheteira + publicidade + merchandising, geram apenas cerca de 12M€/ano. Isto mal chega para pagar as despesas normais do clube, os chamados FSEs.

Depois, há ainda que ter em conta que o Braga está a gastar 27M€/ano em salários de atletas e de toda a estrutura que trabalha lá. É que a academia não é só a construção, ter uma academia significa também ter centenas de atletas, preparadores fisicos, treinadores, seguranças, pessoal da limpeza, manutenção, cozinheiros, olheiros, etc. Tudo isso tem impacto financeiro nos salários. E há ainda que contar com 8M€/ano em amortizações de passes de atletas e bónus por renovações contratuais.

CONCLUSÃO: Temos um buraco anual de 36M€ que temos que cobrir com receitas extraordinárias, ou seja com vendas de atletas e com receitas de participação das competições europeias. Em 2021, por exemplo, fizemos cerca de 34M€ em receitas extraordinárias, ficamos com prejuízo de 2M€. Portanto, quando dizem que o Salvador não reinveste no plantel, é verdade, não reinveste nem pode reinvestir pois o braga precisa dessas vendas para cobrir custos com salários e outras despesas operacionais.

Se fosse assim como diz o forista jorgeac, que o Braga tem um buraco anual de 36 M e que precisa de 36 M € de receitas extraordinárias todos os anos, o Braga estaria mais que falido. Felizmente, a realidade é bem diferente daquilo que aqui é afirmado. É pena que não tivesse lido os R&C, embora se saiba que mesmo lendo os R&C, ainda ficam uma série de dúvidas, por haver rubricas mal explicadas. Também é habitual nos clubes haver contabilidade imaginativa...
Isto!
São os chamados tapa buracos que vêm para deitar um pouco de areia. Os custos que à um ano eram necessários 15M (palavras do Salvador), ontem agluém falou em 17M e hoje já vão em 36M amanha temos de demolir a academia que o dinheiro do Carmo só chega para pagar as água luso do refeitório. 
jorgeac Juvenis
  • **
  • 100
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #2973 em: 06 de Julho de 2022, 11:23 »
Desde que a Academia começou a ser construída o SCB já realizou cerca de 100M com miúdos lá formados...se já não está paga deveria estar (a parte da obra já realizada, até porque, se não estou em erro foi dito que seria paga sem recurso à banca mas através de capitais próprios). A lenga lenga da Academia não se pagar sozinha está esgotada e já não faz sentido algum para justificar a falta de investimento.. com um custo final estimado em aproximadamente €33M já só deve faltar pagar as obras que ainda não foram concluídas. O custo de manutenção é outro assunto mas assim por alto diria que não deverá ultrapassar os 2,5M ano (até poderá ser 3M) valor  que representa apenas 7% do actual orçamento.
Argumentar com os custos da Academia para justificar a falta de investimento é um grande logro.

O problema não é a construção da academia. A construção do edificio tem pouco impacto nas contas do Braga.

O grande problema do Braga (e que é o mesmo problema do Benfica, Porto e Sporting, ainda que com uma dimensão diferente) é que as receitas normais que o clube gera são muito reduzidas face à estrutura que o clube começa a ter. Ou seja, os direitos de transmissão + receitas de bilheteira + publicidade + merchandising, geram apenas cerca de 12M€/ano. Isto mal chega para pagar as despesas normais do clube, os chamados FSEs.

Depois, há ainda que ter em conta que o Braga está a gastar 27M€/ano em salários de atletas e de toda a estrutura que trabalha lá. É que a academia não é só a construção, ter uma academia significa também ter centenas de atletas, preparadores fisicos, treinadores, seguranças, pessoal da limpeza, manutenção, cozinheiros, olheiros, etc. Tudo isso tem impacto financeiro nos salários. E há ainda que contar com 8M€/ano em amortizações de passes de atletas e bónus por renovações contratuais.

CONCLUSÃO: Temos um buraco anual de 36M€ que temos que cobrir com receitas extraordinárias, ou seja com vendas de atletas e com receitas de participação das competições europeias. Em 2021, por exemplo, fizemos cerca de 34M€ em receitas extraordinárias, ficamos com prejuízo de 2M€. Portanto, quando dizem que o Salvador não reinveste no plantel, é verdade, não reinveste nem pode reinvestir pois o braga precisa dessas vendas para cobrir custos com salários e outras despesas operacionais.

Se fosse assim como diz o forista jorgeac, que o Braga tem um buraco anual de 36 M e que precisa de 36 M € de receitas extraordinárias todos os anos, o Braga estaria mais que falido. Felizmente, a realidade é bem diferente daquilo que aqui é afirmado. É pena que não tivesse lido os R&C, embora se saiba que mesmo lendo os R&C, ainda ficam uma série de dúvidas, por haver rubricas mal explicadas. Também é habitual nos clubes haver contabilidade imaginativa...

Todos os valores acima citados foram retirados do R&C de 2021. Portanto, a realidade é mesmo esta. Obviamente que pode haver variações e em vez de 36M€ serem 34M€ ou 33M€... Basta por exemplo o Ricardo Horta sair que haverá uma diminuição relevante nos custos salariais. Também haverá mais receita de bilheteira que em 2020 / 2021 sofreu forte impacto do Covid 19. De qualquer forma, contaria sempre com um buraco superior a 30M€...
gvrreiro_96
gvrreiro_96 Juniores
  • ***
  • 369
  • Braga sempre!
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #2974 em: 06 de Julho de 2022, 11:23 »
Melhor só os 2,5M em objetivos:
- 500k por cada campeonato ganho pelo porto.

Mais valia não por ***** nenhuma.

Esta clausula é de rir. É só mais uma razão para pôr em causa a nossa imagem...
Digamos que o Porto joga com o Braga na última jornada e precisa de ganhar para ser campeão. Como ficará a imagem do Braga, que já é fraca no país, se perder esse mesmo jogo? Acho que é um exercício fácil de fazer.
GverreirodoMinho
GverreirodoMinho Equipa Principal
  • *****
  • 2797
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #2975 em: 06 de Julho de 2022, 11:31 »
Na estrutura devem achar que vão conseguir fazer sempre uns 20/30 milhões de euros com jogadores da formação todos os anos, só pode.. para fazer face a estes custos é a única maneira, não sei até que ponto isto é sequer sustentável, veremos o que acontece em 5-10 anos.. Mas esse comentário do Jorge é elucidativo, é impraticável investir no plantel. 

Ainda querem fazer um estádio de 60 milhões de euros?

A questão é que vejo muita gente aqui no fórum a criticar que o Salvador tem feito milhões em vários negócios e depois não reinveste no plantel. Os valores que apresentei, todos retirados do relatório e contas, mostram o porquê de não haver contratações. A haver contratações, têm que ser muito criteriosas, nomeadamente jovens baratos com potencial de valorização, empréstimos com opção de compra, etc. Que é o que tem sido feito.
Três perguntas então:

1) Como, repito, como é que alguém acha isto "sustentável"? Se essa é mesmo a realidade do Braga, basta um ano mau e fechamos as portas (é que não vamos ter a sorte de outros, de perdões ao banco ou de jogadores em saldos do eterno 4°). E alguém justificar os gastos no pessoal? É que de onde devia vir a maior porção (equipa sénior masculina), o que mais faz sentido é o valor ser cada vez menor (olhando há uns anos atrás, tínhamos os Hortas, Novais, Fransergio, Galeno, Esgaio, Bruno Viana, Tormena, Matheus, Castro, Paulinho, Sequeira, Abel, Rolando, Gaitan e por aí fora. Agora desses 15 sobram apenas 7, o treinador deve receber menos, e não entrou ninguém a receber ordenados chorudos (a maior parte vem da academia). Como é distribuído esse dinheiro, e como é que cada vez é mais, se o plantel cada vez é mais jovem?

2) E quando não sair ninguém particularmente talentoso da academia? Quem é que vamos vender? É que o talento extra academia já foi todo vendido. Transferências acima dos 20M já as esgotamos. Aliás, a avaliar o Carmo em 20M, duvido que alguém ultrapasse os 15M (mesmo os 10M só o Horta e o Musrati, porque o Vitinha, o Moura e o Abel não devem sequer chegar aos 10M agora). E depois? É o Roger que vai dar dinheiro? Suspeito que para termos conseguido assinar com ele tivemos que dar mão de uma boa percentagem do passe (mais uma prenda do Carvalhal, que fez questão de o mostrar ao mundo quando nem contracto tinha ainda. Ganha o Carvalhal que o lançou, perde o Braga use por ter um treinador precosse provavelmente perdeu um bom dinheiro);

3) Se temos muitos custos, se não há sequer dinheiro para investir (que, convém relembrar, dá sempre algum retorno, provavelmente maior retorno do que gasto), porque é que o presidente fala em estádios de 60M?
Se não há dinheiro para investir em jogadores que depois se vendem pelo dobro vamos injectar quantidades megalomanas num projecto que não dá retorno?
Em que mundo é que isto faz sentido? Até aceitava essa premissa da falta de dinheiro e do crescimento sustentável pela academia (que nos moldes actuais não concordo, mas pronto, seria um plano) se eu não visse o presidente cheio de vontade de ajudar os amigos de betão e tendo isso como muito maior prioridade do que o sucesso desportivo do clube.

Enviado do meu MI 8 Lite através do Tapatalk

Sócio 2669.
José Soares Equipa Principal
  • *****
  • 1894
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #2976 em: 06 de Julho de 2022, 11:33 »
Desde que a Academia começou a ser construída o SCB já realizou cerca de 100M com miúdos lá formados...se já não está paga deveria estar (a parte da obra já realizada, até porque, se não estou em erro foi dito que seria paga sem recurso à banca mas através de capitais próprios). A lenga lenga da Academia não se pagar sozinha está esgotada e já não faz sentido algum para justificar a falta de investimento.. com um custo final estimado em aproximadamente €33M já só deve faltar pagar as obras que ainda não foram concluídas. O custo de manutenção é outro assunto mas assim por alto diria que não deverá ultrapassar os 2,5M ano (até poderá ser 3M) valor  que representa apenas 7% do actual orçamento.
Argumentar com os custos da Academia para justificar a falta de investimento é um grande logro.

O problema não é a construção da academia. A construção do edificio tem pouco impacto nas contas do Braga.

O grande problema do Braga (e que é o mesmo problema do Benfica, Porto e Sporting, ainda que com uma dimensão diferente) é que as receitas normais que o clube gera são muito reduzidas face à estrutura que o clube começa a ter. Ou seja, os direitos de transmissão + receitas de bilheteira + publicidade + merchandising, geram apenas cerca de 12M€/ano. Isto mal chega para pagar as despesas normais do clube, os chamados FSEs.

Depois, há ainda que ter em conta que o Braga está a gastar 27M€/ano em salários de atletas e de toda a estrutura que trabalha lá. É que a academia não é só a construção, ter uma academia significa também ter centenas de atletas, preparadores fisicos, treinadores, seguranças, pessoal da limpeza, manutenção, cozinheiros, olheiros, etc. Tudo isso tem impacto financeiro nos salários. E há ainda que contar com 8M€/ano em amortizações de passes de atletas e bónus por renovações contratuais.

CONCLUSÃO: Temos um buraco anual de 36M€ que temos que cobrir com receitas extraordinárias, ou seja com vendas de atletas e com receitas de participação das competições europeias. Em 2021, por exemplo, fizemos cerca de 34M€ em receitas extraordinárias, ficamos com prejuízo de 2M€. Portanto, quando dizem que o Salvador não reinveste no plantel, é verdade, não reinveste nem pode reinvestir pois o braga precisa dessas vendas para cobrir custos com salários e outras despesas operacionais.

Se fosse assim como diz o forista jorgeac, que o Braga tem um buraco anual de 36 M e que precisa de 36 M € de receitas extraordinárias todos os anos, o Braga estaria mais que falido. Felizmente, a realidade é bem diferente daquilo que aqui é afirmado. É pena que não tivesse lido os R&C, embora se saiba que mesmo lendo os R&C, ainda ficam uma série de dúvidas, por haver rubricas mal explicadas. Também é habitual nos clubes haver contabilidade imaginativa...

Todos os valores acima citados foram retirados do R&C de 2021. Portanto, a realidade é mesmo esta. Obviamente que pode haver variações e em vez de 36M€ serem 34M€ ou 33M€... Basta por exemplo o Ricardo Horta sair que haverá uma diminuição relevante nos custos salariais. Também haverá mais receita de bilheteira que em 2020 / 2021 sofreu forte impacto do Covid 19. De qualquer forma, contaria sempre com um buraco superior a 30M€...
Este discurso parece encomendado.e o conformismo que carrega tem os seus custos obvios. Vergonha de quem apoia este tipo de gestão ,  que nao acautela a qualidade da equipa e espera que o porto seja campeão.  Mas nem deviamos estar surpreendidos. Dragao desde sempre e admirador de adeptos acefalos como os dos nossos vizinhoa , é este o presidente que temos.
GverreirodoMinho
GverreirodoMinho Equipa Principal
  • *****
  • 2797
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #2977 em: 06 de Julho de 2022, 11:33 »
Pomo-nos a jeito

https://twitter.com/goncalocvale/status/1544395743477334018?t=hjMvTXIH5QQe6EbkUbgFQg&s=19

Enviado do meu MI 8 Lite através do Tapatalk

Sócio 2669.
GverreirodoMinho
GverreirodoMinho Equipa Principal
  • *****
  • 2797
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #2978 em: 06 de Julho de 2022, 11:41 »
Pomo-nos a jeito, Pt. II

https://twitter.com/OFuraRedes/status/1544624029755183105?t=cEoYLDlgXCjM2lJHCY0LYA&s=19

Enviado do meu MI 8 Lite através do Tapatalk

Sócio 2669.
bruce Equipa Principal
  • *****
  • 2247
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #2979 em: 06 de Julho de 2022, 11:43 »
Pomo-nos a jeito

https://twitter.com/goncalocvale/status/1544395743477334018?t=hjMvTXIH5QQe6EbkUbgFQg&s=19

Enviado do meu MI 8 Lite através do Tapatalk

Ninguém quer saber o que os outros pensam, são casos diferentes, percentagens de lucro diferentes, jogadores diferentes, etc.
Os lampiões é que estão habituados a querer, posso e mando, e que saem pelo preço que eles querem. Para eles o Horta vale uma mini e uns tremoços.
 

Anuncios M
Anuncios M