Quantcast
mercado de verão 2022/2023
You are using an outdated browser. For a faster, safer browsing experience, upgrade for free today.
mercado de verão 2022/2023
4887 Respostas
564567 Visualizações
0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.
Enorme_Guerreiro
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #4060 em: 10 de Agosto de 2022, 13:26 »
Companheiro. A discussão toda inicia-se quando pedi jogadores top para substituir os nossos que estão de saída.
Tu consideras que Niakaté é este jogador top, eu não.
Digo-te que és incoerente pois acusas-me de especulativo no que diz respeito ao AL Musrati quando quem especula sobre Carmo és tu. És tu quem diz (mais ou menos isto) 'e quem te diz que o Carmo não estava já vendido?'. Ninguém me diz isso. Tal como ninguém te diz a ti que o Carmo estava mesmo vendido aquando da contratação do Sikou.
De todas as formas e voltando ao mundo dos factos volto a reforçar: Sikou é contratado com Carmo ainda no plantel.
Exatamente, estou completamente de acordo contigo! Nem eu posso dizer que foi de certeza para substituir o Carmo, nem tu podes dizer com certeza que não foi... Mas isto começou contigo a dizeres que o Niakaté NÃO FOI para substituir o Carmo, porque caso contrário o Musrati já tinha substituto porque VAI SAIR. Ou seja, tu vieste com duas certezas absolutas. E a minha resposta foi: o Niakaté PODE TER SIDO para substituir o Carmo, e o Musrati PODE NÃO TER SIDO cobiçado. Percebes a diferença? Eu não tenho certeza de nada, eu só disse é que tu não podias ter essas certezas.

Eu tenho como exemplo a época de 08/09 como um dos mercados de verão mais excitantes. Precisava-se de jogadores? Contratou-se jogadores que entraram de caras no 11 e que ninguém (nem adeptos) duvidavam.
O próprio histórico do jogador conta. Sikou fez 12 jogos pelo Metz em 21/22.
Não é verdade isso que dizes... Tirando o Alan, quase nenhum dos outros era uma certeza! O Moisés tinha feito meia época no Boavista, qual é a diferença entre esta contratação e a do Tormena ou do Pablo? São jogadores de meio da tabela do nosso campeonato que às vezes pegam e outras vezes não. Qual a diferença entre um Luis Aguiar e um Chiquinho? Um dispensado do Porto que se destacou em meia época na Académica ou um dispensado do Benfica que brilhou no Moreirense e na Académica... Um Mossoró ou um João Novais? O Novais até chegou com melhores números, por exemplo... O Paulo César era um ponta-de-lança razoável do Leiria que aqui foi adaptado à ala, onde explodiu. Ainda assim, diz muito do teu argumento quando tens de recuar 14 anos para provar o teu ponto... Se calhar é um sinal de que isto está muito mais dentro da média.

Quanto ao Niakaté, fez poucos jogos porque também esteve lesionado bastante tempo, isso não diz tudo. Para mim, o Braga contratou 4 jogadores para chegar e jogar: Gomez, Niakaté, Banza e Lainéz. Prova disso é que os 3 primeiros foram titulares no 1º jogo oficial, o 4º chegou mais tarde, naturalmente demorará mais um bocado. Se isto não são jogadores para chegar e jogar, quem é que seria?

Misturas de forma demasiado conveniente o conceito de jogadores para entrar rapidamente na equipa por jogadores da equipa B.
Vandinho era coisa. Mauro outra. Consegues perceber a diferença? Eu sou apologista da aposta nos jovens desde que devidamente suportados com uma envolvencia favorável.
Um exemplo: Amorim apostou em Carmo e Trincão. Tudo bem pois existia Esgaio, Fransérgio, Paulinho, R Horta, Sequeira, etc. Tudo jogadores experientes.
Ver sair AL Musrati para subir Gorby e Schurrle na hierarquia  seria ao nivel de perder Galeno e apostar em Rodrigo Gomes.
A minha mistura foi apenas para mostrar que a nossa equipa se tem reconstruído sem precisar de ir buscar nomes fortes e jogadores feitos! Também podias ter dito que o Mauro era uma coisa e o Vukcevic outra, tendo vindo ambos da equipa B, mas convenientemente também escolheste o elo mais fraco. O meu ponto era: nenhum destes jogadores chegou à equipa com pompa ou com rótulo de grande reforço, e não foi por isso que a equipa se ressentiu ou deixou de ter qualidade. Aliás, o reforço com mais pompa para aquela posição acabou por ser o maior barrete de todos: Assis. Volto a dizer: se a estrutura do Braga acredita que o Gorby pode ser um craque, porque razão é que não pode ser ele o substituto do Musrati só porque não tem nome?

Depois, cais no ridículo com essa do dizer que não houve problema em apostar no Trincão e no Carmo porque havia jogadores experientes. E agora??? Não há o Matheus, o Tiago Sá, o Tormena, o Paulo Oliveira, o Sequeira, o Borja, o Castro, o A. Horta, o Iuri, o próprio Abel que já está na equipa há 2 anos e meio? São todos miúdos? O nosso 11 de domingo tinha UM jogador da formação, não tinha cinco ou seis...

Em termos de terrenos calcados aquilo que eu disse continua válido.
A ver se percebes desta forma. Jovane foi testado na ala esquerda longe da baliza, não resultou. Jovane, sempre que jogou no último terço, resultou (daí eu ter dito que no esquema de AJ acabaria por contar para o duo da frente). E isto independentemente de ser um 3x5x2 ou um 3x4x3. Refiro-me apenas aos terrenos que se lhe iria pedir para pisar.
Não, não continua válido! Os terrenos calcados pelo Nuno Santos no Sporting não são os mesmos do R. Horta no Braga!!! Como é evidente! E isso é extremamente dependente do sistema. Volto a repetir, que tu continuas a ignorar: o Jovane aparece na equipa do Sporting e começa-se a destacar, a jogar a extremo esquerdo no 4-2-3-1 do Keizer, em terrenos muito mais parecidos com os que lhe seria pedido para pisar aqui. Nessa altura, o Sporting jogava com Raphinha na direita, Jovane na esquerda e Bruno Fernandes atrás do Bas Dost. Aliás, o Jovane foi utilizado pelo Amorim como ponta-de-lança várias vezes, e para mim foi por isso que desapareceu da equipa, porque não é ali o lugar dele...

O RH sim o Iuri não. Repara que na tal metamorfose da equipa de CC, o RH era muitas vezes o 2º avançado da equipa. Já o Iuri raramente entrava dentro da área.
Nem sequer é preciso ser um Mourinho do SB para ver que o RH este ano iria andar muito longe da baliza o que é um passo atrás em relação ao ano passado. Já vários foristas deram essa opinião e revejo quando dizem que talvez seja o timing certo para o vender dado o expectável baixar do rendimento em termos de participação em golos.
Não, não era! Vocês insistem nisto, e não é verdade! O Braga atacava em 3-4-3! Assim:

                    Matheus
       Oliveira    Carmo    Tormena
Yan     Musrati    A. Horta     Galeno
          Iuri      Vitinha    R. Horta

Era assim que o Braga jogava, não tenhas dúvidas absolutamente nenhumas! O sistema era híbrido entre ataque e defesa, mas o ataque organizado do Braga era SEMPRE feito em 3-4-3, SEMPRE!

A defender sim, o R. Horta era o "segundo avançado" na pressão, porque o Braga defendia maioritariamente assim:

                       Matheus
Yan       Oliveira        Carmo      Tormena
Iuri         Musrati    A. Horta        Galeno
              Vitinha     R. Horta

Mas isto era a defender, é diferente!

https://www.youtube.com/watch?v=ZP6nAQjnT9Q

Quanto à questão do Horta jogar mais longe da baliza neste sistema, eu nunca discordei, apesar de não ter bem a certeza disso (preciso de ver mais jogos, mas no domingo vi o Ricardo e o Iuri/Rodrigo a virem muito para dentro e darem as alas aos laterais). Jogar no trio da frente dum 3-4-3 não é o mesmo que ser extremo dum 4-4-2, isso não é novidade para ninguém, porque, supresa, o sistema é relevante, ao contrário do que tu disseste antes...

Tu dás exemplos de 5 ou 6, eu dou-te exemplos de sólidas dezenas de jogadores que vieram e contribuíram imediatamente para a equipa sem empréstimos associados.
Mas eu posso estar enganado e tu descobriste uma nova forma, completamente disruptiva, para o mundo do futebol negociar os craques.

Além de que dás a entender que foram os clubes que impuseram essa clausula quando é mais que óbvio que foi o Braga pela centelha de dúvidas que possa existir no rendimento do jogador. Um ponto mais: esta abordagem faz ainda menos sentido quando hoje nos negócios se programam pagamentos ao longo dos anos. Podias dizer-me 'é uma questão de R&C e o Braga não quer ter no exercicio actual a despesa com os jogadores' mas nem assim. Vemos que Carmo foi vendido em 3 ou 4 tranches.

Aqui acho que estás mesmo a fingir que não percebes... É óbvio que há milhares de jogadores por esse mundo fora que são pagos a pronto e rendem, onde é que eu disse alguma coisa que contrarie isso? Eu não descobri fórmula nenhuma, porque obviamente que o Aston Villa não iria aceitar o Grealish ou o Liverpool ia aceitar emprestar o Coutinho, etc. Mas nestes casos, aparentemente os donos dos passes aceitaram estas condições... E se eles aceitaram, porque raio nós não haveríamos de aproveitar??? O que eu disse não foi que os negócios iam passar a ser assim, o que eu disse foi: se o City tivesse a oportunidade de testar o Grealish durante um ano antes de o comprar, ia dizer que não???

E é óbvio que não foram os outros clubes a impor estas cláusulas, eu não dei a entender isso em lado nenhum, porque isso faz zero sentido! O maior beneficiado deste modelo de negócio é o Braga, como é óbvio, e por isso certamente terá sido o Braga a pedir que o negócio fosse feito assim. E não tem nada a ver com R&C e prestações... Tem pura e simplesmente a ver com: por maior que seja a minha convicção no valor de um jogador, se o vendedor me deixa emprestar de borla primeiro, porque raio eu não haveria de aceitar? É só esta a minha posição... E tu ainda não me deste nenhum bom motivo para o Braga não fazer o negócio assim. A lógica destes empréstimos com opção fixada é sempre a mesma: o clube que recebe o jogador não quer correr o risco de pagar e depois sair furado e então convence o clube que detém o jogador a deixar experimentar primeiro, parece-me óbvio. Não esquecer que para os clubes de onde eles vêm, pôr um jogador no Braga também significa pô-lo na montra... Se o Braga o quiser no fim, eles já têm o negócio feito, se não, pode ser que mais alguém os queira.
Enorme_Guerreiro
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #4061 em: 10 de Agosto de 2022, 13:31 »
Devo ser o único que tenho gostado do Sequeira.

Ok sofreu um pouco no 1para1 mas também apanhou o porro, Trincão e Edwards pela frente, não são propriamente o salvador Agra.

Então quando dizem que cruza mal é que não consigo entender mesmo, tanto em livres como em bola corrida é dos melhores jogadores a cruzar em Portugal, sabe combinar, sabe sair de situações apertadas com tranquilidade etc

Está longe de ser um problema.

Não, não és o único  ;D

Basta ires ver as minhas respostas a quem pede laterais esquerdos por serem bons no cruzamento. O livre do segundo golo é qualquer coisa, e ele tem mais um par de cruzamentos fantásticos no jogo, um deles então, na segunda parte, é três quartos de golo...

Defensivamente, estou contigo... Defesas capazes de suster o Porro não são para qualquer equipa, e o Sequeira não cometeu propriamente grandes erros, simplesmente não é tão rápido como o Porro e o Edwards, que é uma frase que se aplica a 95% dos jogadores da liga portuguesa...
Anuncios M
Anuncios M
Enorme_Guerreiro
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #4062 em: 10 de Agosto de 2022, 13:41 »
Também acho que nossa principal preocupação são os laterais sinceramente, de centrais aceitava mais um, médios também se se colocar o Mineiro que infelizmente não parece render cá, ataque estamos mais do que servidos.

Agora, laterais, na esquerda Sequeira está muito abaixo do que era muito lento a defender, espero que não aconteça como Moura e Éder em que depois das lesões nunca mais foram aos mesmos, suplente Borja não entusiasma. Na direita fomos despachar Zé Carlos dos melhores do Gil a época passada vá-se lá saber e buscar o Espanhol em que já no Celta me tinha deixado de pé atrás e no jogo contra o Sporting, muito mau não conseguia acompanhar uma vez os alas ficava sempre para trás, muito lento e deixava sempre um buraco, 2 golos do Sporting muito por esse motivo, quando fabiano entrou passámos a jogar muito melhor, era necessário mais um LD para rodar com Fabiano na minha opinião.

Prioridade deviam ser 1 LE e um LD de qualidade.

Onde é que os 2 primeiros golos do Sporting surgem pelo facto do Gomez ser lento e deixar buracos? Gostava que me explicasses, sinceramente... O primeiro golo é culpa dele, sim, mas por mau posicionamento a recuperar da bola parada, não tem nada a ver com lentidão ou buracos ou algo do género. Já no segundo, eu gostava de saber o que é que era suposto ele fazer, sinceramente... Ele está a marcar, e bem, o Pote, sendo que o Nuno Santos aparece sozinho nas costas dele. Que culpa tem o moço de estar sozinho contra 2? Como, aliás, aconteceu o tempo quase todo que ele esteve em campo...

Nós não melhorámos com o Fabiano coisa nenhuma, basta ver o terceiro golo do Sporting, onde o Fabiano erra duas vezes e é o maior culpado do golo sofrido... Nós melhorámos foi com a entrada do Rodrigo para o lugar do Iuri, porque o Rodrigo ajudou muito mais atrás e acompanhou sempre o Nuno Santos, fazendo com que o Fabiano, ao contrário do Gomez, nunca tenha sido apanhado num 2 para 1.

Eu juro que gostava de perceber os elogios ao Fabiano, mas não consigo! Como é que alguém que faz contenção à entrada da pequena área, que é uma coisa do mais básico que há num defesa, pode ser considerado um bom defensor? Ele tem uma grande velocidade e é muito raçudo, e com isso muitas vezes disfarça, mas tem falhas tão graves em coisas que deviam ser tão básicas num jogador de futebol, que eu fico estupefacto às vezes...
easy_scb
easy_scb Equipa Principal
  • *****
  • 6760
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #4063 em: 10 de Agosto de 2022, 14:13 »
Companheiro. A discussão toda inicia-se quando pedi jogadores top para substituir os nossos que estão de saída.
Tu consideras que Niakaté é este jogador top, eu não.
Digo-te que és incoerente pois acusas-me de especulativo no que diz respeito ao AL Musrati quando quem especula sobre Carmo és tu. És tu quem diz (mais ou menos isto) 'e quem te diz que o Carmo não estava já vendido?'. Ninguém me diz isso. Tal como ninguém te diz a ti que o Carmo estava mesmo vendido aquando da contratação do Sikou.
De todas as formas e voltando ao mundo dos factos volto a reforçar: Sikou é contratado com Carmo ainda no plantel.
Exatamente, estou completamente de acordo contigo! Nem eu posso dizer que foi de certeza para substituir o Carmo, nem tu podes dizer com certeza que não foi... Mas isto começou contigo a dizeres que o Niakaté NÃO FOI para substituir o Carmo, porque caso contrário o Musrati já tinha substituto porque VAI SAIR. Ou seja, tu vieste com duas certezas absolutas. E a minha resposta foi: o Niakaté PODE TER SIDO para substituir o Carmo, e o Musrati PODE NÃO TER SIDO cobiçado. Percebes a diferença? Eu não tenho certeza de nada, eu só disse é que tu não podias ter essas certezas.

A mim faz-me mais sentido que o Niakaté tenha entrado para suprir uma saída do que o contrário. Eu apenas me baseei no facto de ele ter entrado num plantel onde existia Carmo. Tudo o resto são devaneios teu sobre a POSSIBILIDADE de ter sido contratado para substituir Carmo.
Com os dados que temos em cima da mesa, não foi pura e simplesmente.

Eu tenho como exemplo a época de 08/09 como um dos mercados de verão mais excitantes. Precisava-se de jogadores? Contratou-se jogadores que entraram de caras no 11 e que ninguém (nem adeptos) duvidavam.
O próprio histórico do jogador conta. Sikou fez 12 jogos pelo Metz em 21/22.
Não é verdade isso que dizes... Tirando o Alan, quase nenhum dos outros era uma certeza! O Moisés tinha feito meia época no Boavista, qual é a diferença entre esta contratação e a do Tormena ou do Pablo? São jogadores de meio da tabela do nosso campeonato que às vezes pegam e outras vezes não. Qual a diferença entre um Luis Aguiar e um Chiquinho? Um dispensado do Porto que se destacou em meia época na Académica ou um dispensado do Benfica que brilhou no Moreirense e na Académica... Um Mossoró ou um João Novais? O Novais até chegou com melhores números, por exemplo... O Paulo César era um ponta-de-lança razoável do Leiria que aqui foi adaptado à ala, onde explodiu. Ainda assim, diz muito do teu argumento quando tens de recuar 14 anos para provar o teu ponto... Se calhar é um sinal de que isto está muito mais dentro da média.

O Mossoró não era uma certeza? Nem o Luis Aguiar? Nem o Evaldo? Nem Meyong? Só para quem não o tenha visto jogar.
O facto de ter de recuar 14 foi puramente um acaso e ao mesmo tempo tem uma explicação. Um acaso pois  desde aí para cá foram vários os jogadores contratados nos mesmos moldes e uma explicação pois nos ultimos anos os grande têm vindo ao nosso mercado o que interfere a nossa capacidade de agarrar estes jogadores.

Quanto ao Niakaté, fez poucos jogos porque também esteve lesionado bastante tempo, isso não diz tudo. Para mim, o Braga contratou 4 jogadores para chegar e jogar: Gomez, Niakaté, Banza e Lainéz. Prova disso é que os 3 primeiros foram titulares no 1º jogo oficial, o 4º chegou mais tarde, naturalmente demorará mais um bocado. Se isto não são jogadores para chegar e jogar, quem é que seria?
Eles podem ser para chegar e jogar, daí a serem as pedras certas para substituir os nossos melhores jogadores vai uma diferença.
Entende uma coisa: do que vi, e tal como tu, gosto do Niakaté. Acho que tem caracteristicas para ser um bom central. Vou mais longe e digo que comparando com o Diogo Leite saímos a ganhar com a troca. Daí a considerá-lo o digno sucessor do David Carmo vai mais longe. Quanto mais não seja porque trocamos um futuro titular da selecção por um desconhecido. É aqui que reside o meu ponto: as contratações efectuadas podem reverlar-se em cheio mas terão de crescer ao longo da temporada enquanto que as nossas perdas exigem jogadores que dêem garantias imediatas.

Misturas de forma demasiado conveniente o conceito de jogadores para entrar rapidamente na equipa por jogadores da equipa B.
Vandinho era coisa. Mauro outra. Consegues perceber a diferença? Eu sou apologista da aposta nos jovens desde que devidamente suportados com uma envolvencia favorável.
Um exemplo: Amorim apostou em Carmo e Trincão. Tudo bem pois existia Esgaio, Fransérgio, Paulinho, R Horta, Sequeira, etc. Tudo jogadores experientes.
Ver sair AL Musrati para subir Gorby e Schurrle na hierarquia  seria ao nivel de perder Galeno e apostar em Rodrigo Gomes.
A minha mistura foi apenas para mostrar que a nossa equipa se tem reconstruído sem precisar de ir buscar nomes fortes e jogadores feitos! Também podias ter dito que o Mauro era uma coisa e o Vukcevic outra, tendo vindo ambos da equipa B, mas convenientemente também escolheste o elo mais fraco. O meu ponto era: nenhum destes jogadores chegou à equipa com pompa ou com rótulo de grande reforço, e não foi por isso que a equipa se ressentiu ou deixou de ter qualidade. Aliás, o reforço com mais pompa para aquela posição acabou por ser o maior barrete de todos: Assis. Volto a dizer: se a estrutura do Braga acredita que o Gorby pode ser um craque, porque razão é que não pode ser ele o substituto do Musrati só porque não tem nome?

A resposta é simples: porque não temos uma estrutura que acomode a entrada de Gorby na equipa como acomodou a entrada de Carmo e Trincão.
Tu és o adepto de sonho para o Salvador. Baixa exigência e 'se a estrutura acredita é porque está bem'. Se a estrutura acreditar devemos ter 11 miudos da formação como titulares?
Vandinho, Custódio, Fransérgio, Tiba, Luiz Carlos, tudo exemplos de jogadores feitos que vieram cá parar e deram contributo.
Dir-me-ás Vuk e Mauro como soluções que subiram da B. Acrescento Loum e Samu que representaram encaixe e nunca calçaram. O ponto não está em jogadores feitos vs equipa B (até porque eu sou um defensor acérrimo das camadas jovens) O ponto está no enquadramento da aposta e voltando ao primeiro post: a aposta em jogadores incontestáveis frente à saída de outros que também o eram.
Depois, cais no ridículo com essa do dizer que não houve problema em apostar no Trincão e no Carmo porque havia jogadores experientes. E agora??? Não há o Matheus, o Tiago Sá, o Tormena, o Paulo Oliveira, o Sequeira, o Borja, o Castro, o A. Horta, o Iuri, o próprio Abel que já está na equipa há 2 anos e meio? São todos miúdos? O nosso 11 de domingo tinha UM jogador da formação, não tinha cinco ou seis...
Não é ridiculo e é uma questão de numerologia. Analisa quantos jogadores da formação o Braga tinha quando lançou Carmo e Trincão. Analisa quantos jogos europeus tinham aqueles jogadores no seu conjunto; quantos jogos da 1ª Liga e quantos jogos com a camisola do Braga.
Faz as mesmas contas para o plantel actual e tira conclusões.

Em termos de terrenos calcados aquilo que eu disse continua válido.
A ver se percebes desta forma. Jovane foi testado na ala esquerda longe da baliza, não resultou. Jovane, sempre que jogou no último terço, resultou (daí eu ter dito que no esquema de AJ acabaria por contar para o duo da frente). E isto independentemente de ser um 3x5x2 ou um 3x4x3. Refiro-me apenas aos terrenos que se lhe iria pedir para pisar.
Não, não continua válido! Os terrenos calcados pelo Nuno Santos no Sporting não são os mesmos do R. Horta no Braga!!! Como é evidente!
Mas comparando com que Braga? Com o novo Braga de AJ posso concordar. Já com o Braga de CC não concordo.

E isso é extremamente dependente do sistema. Volto a repetir, que tu continuas a ignorar: o Jovane aparece na equipa do Sporting e começa-se a destacar, a jogar a extremo esquerdo no 4-2-3-1 do Keizer, em terrenos muito mais parecidos com os que lhe seria pedido para pisar aqui. Nessa altura, o Sporting jogava com Raphinha na direita, Jovane na esquerda e Bruno Fernandes atrás do Bas Dost. Aliás, o Jovane foi utilizado pelo Amorim como ponta-de-lança várias vezes, e para mim foi por isso que desapareceu da equipa, porque não é ali o lugar dele...

O Jovane apareceu a jogar a extremo esquerdo, tudo certo. O problema é que Horta no esquema actual de AJ tem de ser mais médio que extremo. Tem de jogar numa linha muito mais recuada do que os dois da frente e aqui está o busilis da questão. Jovane tem de jogar no ultimo terço do terreno tal como Horta.
O RH sim o Iuri não. Repara que na tal metamorfose da equipa de CC, o RH era muitas vezes o 2º avançado da equipa. Já o Iuri raramente entrava dentro da área.
Nem sequer é preciso ser um Mourinho do SB para ver que o RH este ano iria andar muito longe da baliza o que é um passo atrás em relação ao ano passado. Já vários foristas deram essa opinião e revejo quando dizem que talvez seja o timing certo para o vender dado o expectável baixar do rendimento em termos de participação em golos.
Não, não era! Vocês insistem nisto, e não é verdade! O Braga atacava em 3-4-3! Assim:

                    Matheus
       Oliveira    Carmo    Tormena
Yan     Musrati    A. Horta     Galeno
          Iuri      Vitinha    R. Horta

Era assim que o Braga jogava, não tenhas dúvidas absolutamente nenhumas! O sistema era híbrido entre ataque e defesa, mas o ataque organizado do Braga era SEMPRE feito em 3-4-3, SEMPRE!

A defender sim, o R. Horta era o "segundo avançado" na pressão, porque o Braga defendia maioritariamente assim:

                       Matheus
Yan       Oliveira        Carmo      Tormena
Iuri         Musrati    A. Horta        Galeno
              Vitinha     R. Horta

Mas isto era a defender, é diferente!

https://www.youtube.com/watch?v=ZP6nAQjnT9Q
 

A atacar, o Iuri e o Horta não estavam na mesma pseudo linha que podemos imaginar a atravessar o campo. Uma coisa é no papel, outra coisa era o que efectivamente se passava em campo. E o que acontecia em traços muito gerais era o Iuri a ligar sectores e o Horta a marcar golos partindo da esquerda para o meio juntando-se ao PL.
Prova disso está o elevado número de assistências do Iuri e no número de golos/oportunidades do Horta.

Digo-te mais: o Braga sofreu com a lesão de Iuri exactamente por isto. Foi buscar Piazon que é muito mais Horta do que Iuri (na questão da relação com a baliza e na necessidade de estar perto dela) e a prova está nos golos que marcou naquela meia época em detrimento de alguma espetacularidade do nosso futebol. Na nova época e quando o CC lhe começa a pedir para jogar longe da baliza e mais por dentro (porque o Iuri estava de volta e a equipa voltava a formatar-se ao jogo interior), Piazon flopou e acabou por sair.

Quanto à questão do Horta jogar mais longe da baliza neste sistema, eu nunca discordei, apesar de não ter bem a certeza disso (preciso de ver mais jogos, mas no domingo vi o Ricardo e o Iuri/Rodrigo a virem muito para dentro e darem as alas aos laterais). Jogar no trio da frente dum 3-4-3 não é o mesmo que ser extremo dum 4-4-2, isso não é novidade para ninguém, porque, supresa, o sistema é relevante, ao contrário do que tu disseste antes...
O sistema é irrelevante para a análise que estava a fazer ao Jovane e ao Horta: são mais fortes e decisivos no último terço do terreno seja jogando em 4x4x2, 4x3x3 ou 3x5x2, etc,

Tu dás exemplos de 5 ou 6, eu dou-te exemplos de sólidas dezenas de jogadores que vieram e contribuíram imediatamente para a equipa sem empréstimos associados.
Mas eu posso estar enganado e tu descobriste uma nova forma, completamente disruptiva, para o mundo do futebol negociar os craques.

Além de que dás a entender que foram os clubes que impuseram essa clausula quando é mais que óbvio que foi o Braga pela centelha de dúvidas que possa existir no rendimento do jogador. Um ponto mais: esta abordagem faz ainda menos sentido quando hoje nos negócios se programam pagamentos ao longo dos anos. Podias dizer-me 'é uma questão de R&C e o Braga não quer ter no exercicio actual a despesa com os jogadores' mas nem assim. Vemos que Carmo foi vendido em 3 ou 4 tranches.

Aqui acho que estás mesmo a fingir que não percebes... É óbvio que há milhares de jogadores por esse mundo fora que são pagos a pronto e rendem, onde é que eu disse alguma coisa que contrarie isso? Eu não descobri fórmula nenhuma, porque obviamente que o Aston Villa não iria aceitar o Grealish ou o Liverpool ia aceitar emprestar o Coutinho, etc. Mas nestes casos, aparentemente os donos dos passes aceitaram estas condições... E se eles aceitaram, porque raio nós não haveríamos de aproveitar??? O que eu disse não foi que os negócios iam passar a ser assim, o que eu disse foi: se o City tivesse a oportunidade de testar o Grealish durante um ano antes de o comprar, ia dizer que não???
Voltamos ao mesmo companheiro. Há dois tipos de jogadores, Aqueles que metem os adeptos a meia haste, que são concorridos por meio mundo e nos quais se acredita que podem render imediatamente. Depois há outros que andam meios perdidos e que precisam de uma oportunidade para singrar.
Nada contra o Braga olhar para este mercado desde que se tenha noção de que perdendo um David Carmo, um Al Musrati e um Ricardo Horta, devemos por principio tentar contratar um jogador onde as duvidas sobre se vão singrar ou não sejam menores.

E é óbvio que não foram os outros clubes a impor estas cláusulas, eu não dei a entender isso em lado nenhum, porque isso faz zero sentido! O maior beneficiado deste modelo de negócio é o Braga, como é óbvio, e por isso certamente terá sido o Braga a pedir que o negócio fosse feito assim. E não tem nada a ver com R&C e prestações... Tem pura e simplesmente a ver com: por maior que seja a minha convicção no valor de um jogador, se o vendedor me deixa emprestar de borla primeiro, porque raio eu não haveria de aceitar? É só esta a minha posição... E tu ainda não me deste nenhum bom motivo para o Braga não fazer o negócio assim. A lógica destes empréstimos com opção fixada é sempre a mesma: o clube que recebe o jogador não quer correr o risco de pagar e depois sair furado e então convence o clube que detém o jogador a deixar experimentar primeiro, parece-me óbvio. Não esquecer que para os clubes de onde eles vêm, pôr um jogador no Braga também significa pô-lo na montra... Se o Braga o quiser no fim, eles já têm o negócio feito, se não, pode ser que mais alguém os queira.

O único ponto que tenho é que não deveriam ser este tipo de jogadores os substitutos dos nossos franchise players. Esses, custam dinheiro imediato e estão nas luzes da ribalta assediados por meio mundo (se é que já não foram transferidos tipo Franco, Lincoln ou Morita). Victor Gomez, Niakaté, etc são jogadores com potencial futuro e serão úteis? 100% de acordo e oxalá excedam as tuas melhores expectativas e da nossa estrutura.
100%SCB Equipa Principal
  • *****
  • 8054
  • Quando o erro for só erro o SC Braga será campeão!
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #4064 em: 10 de Agosto de 2022, 14:25 »
Também acho que estão a exagerar relativamente ao Sequeira. Teve algumas dificuldades a nível defensivo principalmente contra um jogador muito explosivo como o Porro, mas é perfeitamente normal que, em velocidade, o Sequeira não consiga acompanhar o Porro.
E também é normal o Esgaio não ter pernas para o Djaló, mas no caso foi “burro” porque naquela altura do jogo e com o Edwards a fechar o lado de dentro não devia ter feito contenção e ou roubava a bola ou fazia falta. Mas o Esgaio sempre foi isto… usa e abusa da contenção e depois, nestes casos, não tem pernas para acompanhar o adversário. Já agora, o Fabiano no terceiro golo fez-me lembrar o Esgaio com tanta passividade.

Voltando ao Sequeira e já disse isto muitas vezes: sempre foi um jogador que demora a atingir o seu melhor nível. É o problema dele… lesiona-se algumas vezes e depois precisa de 4/5 jogos para voltar ao melhor nível, acho que desta vez não vai ser diferente.

O Victor deixa-me algumas duvidas, mas também não me parece um cepo como estão a fazer dele (e acho que o Zé Carlos neste modelo também teria dificuldades a nível defensivo e até em fazer o corredor todo 90 minutos). A única coisa que me deixa de pé atrás em relação ao Victor é a sua capacidade fisica que, neste modelo, é indespensável num lateral.

Concluindo, no geral, acho que não estamos com um mau plantel, mas deviamos rever a situação do centro da defesa (trocar o Bruno por um central superior), da lateral direita (neste caso, talvez um jogador polivalente como o Diogo Gonçalves) e do meio campo (o que foi falado ontem). Se o Horta sair é preciso um bom substituto.
FORÇA BRAGA
Hucry
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #4065 em: 10 de Agosto de 2022, 14:28 »
Já vi o Sequeira a fazer performances bem piores do que no Domingo e a não ter metade das críticas.. eu até acho que esteve bem, então ao nível da definição, esteve mesmo muito bem.
easy_scb
easy_scb Equipa Principal
  • *****
  • 6760
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #4066 em: 10 de Agosto de 2022, 14:34 »
O pior ali foi mesmo a forma desengonçada como cobre Edwards e permite a bola passar.

Se fôssemos capaz de trazer um lateral tipo Mangas ou Hamache trocando-o por Borja seria interessante enquadrava-se numa perspectiva de melhoria contínua do plantel.
Anuncios M
Anuncios M
Rui Silva
Rui Silva Juvenis
  • **
  • 203
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #4068 em: 10 de Agosto de 2022, 14:58 »
O pior ali foi mesmo a forma desengonçada como cobre Edwards e permite a bola passar.

Se fôssemos capaz de trazer um lateral tipo Mangas ou Hamache trocando-o por Borja seria interessante enquadrava-se numa perspectiva de melhoria contínua do plantel.

Também acho que poderia ter feito melhor, mas o passe do Rochinha sobre um desvio, o que dificulta claramente a sua ação.
Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 27928
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #4069 em: 10 de Agosto de 2022, 14:59 »
Não estou a ver que LE melhor que o  Sequeira poderíamos contratar na I Liga, para o imediato não estou a ver nenhum...o nosso problema não reside na LE mas sim na LD e no centro da defesa, DC. (claro que se o Sequeira se lesionar poderemos vir a ter problemas mas isso é válido para várias outras posições).
« Última modificação: 10 de Agosto de 2022, 15:03 por Lipeste »
BRAGA.COM
BRAGA.COM Equipa Principal
  • *****
  • 1819
  • BRAGA ATÉ MORRER
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #4070 em: 10 de Agosto de 2022, 15:13 »
António Salvador sobre Ricardo Horta: "Não há nada fechado"

https://www.ojogo.pt/futebol/1a-liga/braga/noticias/antonio-salvador-sobre-ricardo-horta-nao-ha-nada-fechado-15083345.html?fbclid=IwAR3VZOHA6j40Z9A08AjIExGpvcanfxsTtvXae8vGBJs8mqwXsVw9xoN5YeQ

O Salvador e Mendes chegaram a acordo, Malaga também ( acordado com o Mendes) mas pelos vistos o Benfas e Mendes ainda não.....e cheira-me que ainda vai cair tudo por agua abaixo.
Neste momento apenas está tudo entre as mãos do Mendes e Lampiões que parecem não chegar ao valor pretendido pelo Mendes + Gil Dias e falado nos jornais e acertado com o Salvador.

Vamos ter fé que os lampiões não chegem lá.
Confirmas Observador?
NASCI BRAGUISTA, MORREREI BRAGUISTA
Anuncios G
Hucry
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #4071 em: 10 de Agosto de 2022, 15:23 »
António Salvador sobre Ricardo Horta: "Não há nada fechado"

https://www.ojogo.pt/futebol/1a-liga/braga/noticias/antonio-salvador-sobre-ricardo-horta-nao-ha-nada-fechado-15083345.html?fbclid=IwAR3VZOHA6j40Z9A08AjIExGpvcanfxsTtvXae8vGBJs8mqwXsVw9xoN5YeQ

O Salvador e Mendes chegaram a acordo, Malaga também ( acordado com o Mendes) mas pelos vistos o Benfas e Mendes ainda não.....e cheira-me que ainda vai cair tudo por agua abaixo.
Neste momento apenas está tudo entre as mãos do Mendes e Lampiões que parecem não chegar ao valor pretendido pelo Mendes + Gil Dias e falado nos jornais e acertado com o Salvador.

Vamos ter fé que os lampiões não chegem lá.
Confirmas Observador?

E percentagens? Quanto chove?
Kwanza99
Kwanza99 Equipa Principal
  • *****
  • 1299
  • Os Kwanzas do Dyego
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #4072 em: 10 de Agosto de 2022, 16:00 »
António Salvador sobre Ricardo Horta: "Não há nada fechado"

https://www.ojogo.pt/futebol/1a-liga/braga/noticias/antonio-salvador-sobre-ricardo-horta-nao-ha-nada-fechado-15083345.html?fbclid=IwAR3VZOHA6j40Z9A08AjIExGpvcanfxsTtvXae8vGBJs8mqwXsVw9xoN5YeQ

O Salvador e Mendes chegaram a acordo, Malaga também ( acordado com o Mendes) mas pelos vistos o Benfas e Mendes ainda não.....e cheira-me que ainda vai cair tudo por agua abaixo.
Neste momento apenas está tudo entre as mãos do Mendes e Lampiões que parecem não chegar ao valor pretendido pelo Mendes + Gil Dias e falado nos jornais e acertado com o Salvador.

Vamos ter fé que os lampiões não chegem lá.
Confirmas Observador?

Porra e o RHorta ia-se despedir com aquele circo todo, sem saber que está tudo fechado? Não brinquemos.
Zauuu ⚔️🔴⚪️
Magicobraga
Magicobraga Equipa Principal
  • *****
  • 10564
  • Saci Colorado
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #4073 em: 10 de Agosto de 2022, 16:46 »
Ainda vamos ter o Horta em Famalicão
BRAGA.COM
BRAGA.COM Equipa Principal
  • *****
  • 1819
  • BRAGA ATÉ MORRER
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #4074 em: 10 de Agosto de 2022, 17:04 »
António Salvador sobre Ricardo Horta: "Não há nada fechado"

https://www.ojogo.pt/futebol/1a-liga/braga/noticias/antonio-salvador-sobre-ricardo-horta-nao-ha-nada-fechado-15083345.html?fbclid=IwAR3VZOHA6j40Z9A08AjIExGpvcanfxsTtvXae8vGBJs8mqwXsVw9xoN5YeQ

O Salvador e Mendes chegaram a acordo, Malaga também ( acordado com o Mendes) mas pelos vistos o Benfas e Mendes ainda não.....e cheira-me que ainda vai cair tudo por agua abaixo.
Neste momento apenas está tudo entre as mãos do Mendes e Lampiões que parecem não chegar ao valor pretendido pelo Mendes + Gil Dias e falado nos jornais e acertado com o Salvador.

Vamos ter fé que os lampiões não chegem lá.
Confirmas Observador?

Porra e o RHorta ia-se despedir com aquele circo todo, sem saber que está tudo fechado? Não brinquemos.

Neste momento os lampeões estao a falhar com o Mendes, foi o que me disseram. Está tudo acertado conosco, Mendes e Horta mas o Benfas estão a recuar nos 17,5 euromendes pedidos mas andam la perto. Agora isto está fora da orbita do Salvador mas o que ficou acertado e prometido com o Mendes é que ele sairia apenas por 17,5 + Gil Dias.

O Horta fez uma especie de despedida pois lhe disseram que estava tudo mas ou menos alinhavado e com o BRAGA estava resolvido.
Agora a qualquer momento os lampeoes podem aceitar os 17,5 milhões acertados e pedidos pelo Mendes

Gostava apenas que o Observador confirma-se pois ele anda bem informado....
NASCI BRAGUISTA, MORREREI BRAGUISTA
bracarense23
bracarense23 Equipa Reservas
  • ****
  • 857
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #4075 em: 10 de Agosto de 2022, 17:12 »
Ainda vamos ter o Horta em Famalicão

Que vergonha
Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 27928
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #4076 em: 10 de Agosto de 2022, 17:24 »
Ainda vamos ter o Horta em Famalicão

Que vergonha
Se Salvador a tivesse, vergonha seria não honrar a palavra e deixar cair a exigência dos €20M.
« Última modificação: 10 de Agosto de 2022, 20:24 por Lipeste »
Enorme_Guerreiro
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #4077 em: 10 de Agosto de 2022, 17:40 »
A mim faz-me mais sentido que o Niakaté tenha entrado para suprir uma saída do que o contrário. Eu apenas me baseei no facto de ele ter entrado num plantel onde existia Carmo. Tudo o resto são devaneios teu sobre a POSSIBILIDADE de ter sido contratado para substituir Carmo.
Com os dados que temos em cima da mesa, não foi pura e simplesmente.
Ok, fica na tua que eu fico na minha, não há muito mais a discutir aqui...

O Mossoró não era uma certeza? Nem o Luis Aguiar? Nem o Evaldo? Nem Meyong? Só para quem não o tenha visto jogar.
O facto de ter de recuar 14 foi puramente um acaso e ao mesmo tempo tem uma explicação. Um acaso pois  desde aí para cá foram vários os jogadores contratados nos mesmos moldes e uma explicação pois nos ultimos anos os grande têm vindo ao nosso mercado o que interfere a nossa capacidade de agarrar estes jogadores.
O Luis Aguiar ANTES de vir para o Braga fez 14 jogos a titular no campeonato, divididos por Estrela da Amadora e Académica. Um jogador que não era indiscutível nestas equipas, era uma certeza porquê? O Mossoró fez uma grande época no Marítimo, tal como o João Novais fez uma grande época no Rio Ave antes de vir cá parar, ou tal como o Mário González fez no Tondela. Eram apostas sérias, certamente, mas certezas? Jogar o euromilhões ao sábado de manhã é sempre mais fácil...

Eles podem ser para chegar e jogar, daí a serem as pedras certas para substituir os nossos melhores jogadores vai uma diferença.
Entende uma coisa: do que vi, e tal como tu, gosto do Niakaté. Acho que tem caracteristicas para ser um bom central. Vou mais longe e digo que comparando com o Diogo Leite saímos a ganhar com a troca. Daí a considerá-lo o digno sucessor do David Carmo vai mais longe. Quanto mais não seja porque trocamos um futuro titular da selecção por um desconhecido. É aqui que reside o meu ponto: as contratações efectuadas podem reverlar-se em cheio mas terão de crescer ao longo da temporada enquanto que as nossas perdas exigem jogadores que dêem garantias imediatas.
Mas tu conheces o clube que apoias? Querias o quê? Trocar um futuro titular da seleção por outro titular da seleção, é? O Braga não contrata jogadores que dêem garantias imediatas, quanto muito contrata jogadores que pensa poderem dar essas garantias. E eu mais uma vez pergunto: quem te diz a ti que o Niakaté não foi contratado com essa convicção? Percebe uma coisa: eu não estou a dizer que EU tenho essa convicção, eu estou a dizer é que alguém como eu que nunca tinha visto um único jogo do Niakaté não pode saber julgar se é para pegar de estaca ou não. Quanto a substituir um dos melhores centrais que alguma vez passou pelo Braga, obviamente que será sempre muito difícil, senão impossível manter a qualidade. E o que tu estás a dizer basicamente é: como TU não conheces o Niakaté, ele não dá garantias...

A resposta é simples: porque não temos uma estrutura que acomode a entrada de Gorby na equipa como acomodou a entrada de Carmo e Trincão.
Tu és o adepto de sonho para o Salvador. Baixa exigência e 'se a estrutura acredita é porque está bem'. Se a estrutura acreditar devemos ter 11 miudos da formação como titulares?
Vandinho, Custódio, Fransérgio, Tiba, Luiz Carlos, tudo exemplos de jogadores feitos que vieram cá parar e deram contributo.
Dir-me-ás Vuk e Mauro como soluções que subiram da B. Acrescento Loum e Samu que representaram encaixe e nunca calçaram. O ponto não está em jogadores feitos vs equipa B (até porque eu sou um defensor acérrimo das camadas jovens) O ponto está no enquadramento da aposta e voltando ao primeiro post: a aposta em jogadores incontestáveis frente à saída de outros que também o eram.
Estas respostas idiotas deixam-me tolo! Já não és o primeiro com este tipo de raciocínio, que não percebem (ou não querem perceber) o que um gajo lhes está a dizer...  Eu não estou a dizer que foram as melhores contratações do mundo ou que o Gorby chega e sobra para substituir o Musrati. Em relação à formação, tenho-me fartado de "bater" em vários jogadores aqui (R. Gomes e Fabiano à cabeça, mas também B. Rodrigues e até o Vitinha), e acho que os nossos jovens espremidos até dão bem menos sumo do que a maioria acha. O que eu digo é apenas levantar a hipótese que a visão da estrutura seja diferente. Eu não digo que concordo ou que vá dar certo, isso é muito diferente! Eu simplesmente vejo atentamente as suas decisões (concordando ou não), e depois cá estarei para julgar como corre. Na época passada fiz isso duas vezes: quando todos criticavam o nosso plantel e diziam que a culpa era da direção por não ter substituído quem saiu, eu discordei. A direção, no mercado de verão passado, substituiu os jogadores que saíram... Substitui foi mal, com jogadores que se revelaram apostas falhadas. O que eu não concordo é que as pessoas digam que não se reforçou a equipa, porque é mentira. Fiz a mesma coisa em Janeiro, quando se mandou embora vários jogadores e se ficou com os miúdos. Eu aí disse que não concordava, mas que a opção fazia sentido, porque já não havia muito por que lutar, e é isso que parece que vos custa a entrar: não é por eu discordar, que deixa de ter sentido. Na altura disse várias vezes: foi um risco da direção e a avaliação dessa decisão era fácil de fazer: mantendo o 4º lugar, tinha sido uma decisão ganha, perdendo o 5º lugar, tinha sido péssima.

Quanto ao resto do que dizes, podias bem ter escolhido melhores exemplos. O Custódio foi dispensado do Vitória e acabou aqui, do Vitória, não foi do Barcelona nem sequer dum estarola... O Tiba chegou aqui com UMA época de primeira liga, o Luiz Carlos chega aos 28 anos com 2 épocas de primeira liga no Paços. O Vandinho chega do Rio Ave, depois duma época onde nem titular absoluto foi, fez apenas 19 jogos a titular no Rio Ave. Óbvio que depois de eles jogarem e renderem, é fácil elogiar, mas o que eu digo é que eles chegaram com tanto ou menos estatuto que um Mineiro, um João Novais, um Mário González, um Chiquinho, etc.

Não é ridiculo e é uma questão de numerologia. Analisa quantos jogadores da formação o Braga tinha quando lançou Carmo e Trincão. Analisa quantos jogos europeus tinham aqueles jogadores no seu conjunto; quantos jogos da 1ª Liga e quantos jogos com a camisola do Braga.
Faz as mesmas contas para o plantel actual e tira conclusões.
O facto daquele conjunto de jogadores ter mais experiência (não vou confirmar, dou de barato), não significa que este não tenha experiência suficiente... Volto a dizer: o Braga no domingo entrou em campo com UM jogador da formação, apenas e só. O Gorby não caiu de paraquedas na equipa agora, já faz parte do plantel há um ano, já teve tempo e mais que tempo para crescer e se habituar. O contexto não o fez tremer quando nos deu a vitória em Alvalade no ano passado, por exemplo... E atenção, eu não estou convencido ainda, não sei se ele é bom o suficiente, a única coisa que digo é que pode ser ele a escolha para substituto do Musrati, se o treinador entender que ele está pronto, e se isso acontecer, não é nenhum escândalo ou falta de ambição, é apenas o Braga a ser como sempre foi: um clube vendedor que tem de se reinventar e encontrar novas soluções constantemente. Se eu preferia um Morita a um Gorby? Preferia! Agora eu não sei se ele chegou a ser uma hipótese real ou não, se o motivo porque alegadamente o deixámos fugir se confirma, estou de acordo com a decisão tomada. Mas se o treinador entende que o Gorby está preparado, então se calhar compensa apostar nalguém que já cá está e a receber menos, do que contratar alguém por 4M€. E este é o desafio de ser dirigente dum clube, basicamente. É analisar estes riscos, o deve e o haver, e decidir. E nós cá estamos a concordar ou a discordar das decisões e a julgar os resultados. O meu ponto continua a ser o mesmo: não é porque a decisão do clube é diferente da que eu tomaria, que passa a ser estúpida, sem sentido ou o que quer que seja. Porque se às vezes lhes corre mal, outras corre muito bem, como quando recebemos o "dispensado de Al-Qochete" porque o Abel só queria os afilhados do "Alvalixo" e depois todos choraram pela saída do Palhinha... Ou quando não havia ambição nenhuma porque só contratámos emprestados e jogadores a custo zero e depois ganhámos uma taça de Portugal...

Mas comparando com que Braga? Com o novo Braga de AJ posso concordar. Já com o Braga de CC não concordo.
E o Jovane viria jogar para o Braga do Artur Jorge ou do Carvalhal?  :o
E já agora, tu achas que o Nuno Santos no domingo pisou os mesmos terrenos do Horta no Braga do Carvalhal???

O Jovane apareceu a jogar a extremo esquerdo, tudo certo. O problema é que Horta no esquema actual de AJ tem de ser mais médio que extremo. Tem de jogar numa linha muito mais recuada do que os dois da frente e aqui está o busilis da questão. Jovane tem de jogar no ultimo terço do terreno tal como Horta.
Mau... Então primeiro o Jovane não servia porque não podia jogar na ala, agora já é porque tinha de ser médio? Em que é que ficamos? O Horta e o Iuri, neste novo modelo de jogo, vêm para dentro e fazem uma espécie de um quadrado com os médios, dando a largura aos laterais, com os avançados também a fazerem diagonais para fora. Ou seja, aparecem numa posição parecida onde jogavam na época passada. Basta ver no domingo o lance da primeira parte em que o Horta aparece isolado a rematar por cima, ou na segunda parte que aparece na entrada da área a rematar, para ver que ele continua a pisar terrenos parecidos, ainda que parta duma posição mais aberta e que tenha de defender mais atrás. Ainda assim, continua a haver zero simetria com a posição do Nuno Santos, que é a posição onde tu dizes que o Jovane foi testado e falhou.

A atacar, o Iuri e o Horta não estavam na mesma pseudo linha que podemos imaginar a atravessar o campo. Uma coisa é no papel, outra coisa era o que efectivamente se passava em campo. E o que acontecia em traços muito gerais era o Iuri a ligar sectores e o Horta a marcar golos partindo da esquerda para o meio juntando-se ao PL.
Prova disso está o elevado número de assistências do Iuri e no número de golos/oportunidades do Horta.

Digo-te mais: o Braga sofreu com a lesão de Iuri exactamente por isto. Foi buscar Piazon que é muito mais Horta do que Iuri (na questão da relação com a baliza e na necessidade de estar perto dela) e a prova está nos golos que marcou naquela meia época em detrimento de alguma espetacularidade do nosso futebol. Na nova época e quando o CC lhe começa a pedir para jogar longe da baliza e mais por dentro (porque o Iuri estava de volta e a equipa voltava a formatar-se ao jogo interior), Piazon flopou e acabou por sair.
O Horta e o Iuri estavam na mesma linha sim, até a thumbnail do vídeo mostra bem isso. Eles jogavam exatamente na mesma posição, um no lado direito, e outro no lado esquerdo, por muito que tu continues a dizer que não... Agora o número de golos é que diz tudo, está certo! O Musrati também marcou mais golos que o A. Horta e fez menos assistências, se calhar também joga mais perto da baliza... O Iuri marcou 10 golos, não é coisa pouca. A diferença nos números vem da diferença de características e de qualidade dos jogadores. O Horta é mais incisivo e tem melhor capacidade de finalização, mas isso não significa que a posição base não fosse a mesma.

Voltamos ao mesmo companheiro. Há dois tipos de jogadores, Aqueles que metem os adeptos a meia haste, que são concorridos por meio mundo e nos quais se acredita que podem render imediatamente. Depois há outros que andam meios perdidos e que precisam de uma oportunidade para singrar.
Nada contra o Braga olhar para este mercado desde que se tenha noção de que perdendo um David Carmo, um Al Musrati e um Ricardo Horta, devemos por principio tentar contratar um jogador onde as duvidas sobre se vão singrar ou não sejam menores.
O Braga só tem é de olhar para o mercado desse segundo tipo porque o primeiro tipo de jogadores, as certezas, não são para o nosso bico. Ainda assim, fomos buscar o Banza (excelente época no Famalicão) e o Lainéz (um jogador bastante promissor). Não são estas contratações do tipo que tu queres? Ou nem estes são?

O único ponto que tenho é que não deveriam ser este tipo de jogadores os substitutos dos nossos franchise players. Esses, custam dinheiro imediato e estão nas luzes da ribalta assediados por meio mundo (se é que já não foram transferidos tipo Franco, Lincoln ou Morita). Victor Gomez, Niakaté, etc são jogadores com potencial futuro e serão úteis? 100% de acordo e oxalá excedam as tuas melhores expectativas e da nossa estrutura.
Se estão nas luzes da ribalta e são assediados por meio mundo, não são alvos para o Braga, ponto final! O Franco custou 4M€ por 90% do passe e foi ganhar certamente mais do que o R. Horta ganha aqui, como é que podes exigir ao Braga que lute por jogadores assim? O Morita foi parecido, e o Lincoln foram 3,5M€ para um clube que deve pagar 5 vezes mais que nós. Sim, nós podemos mostrar interesse nesses jogadores, mas não conseguimos fazer ofertas competitivas com o que esses clubes oferecem. Por isso que temos de andar à procura de restos e de tesouros escondidos, porque é assim que desencantamos as pérolas e fazemos os grandes negócios que um dia nos permitirão, esperemos, competir por esses jogadores com esses clubes. Exigir ao clube que consiga estes jogadores é ridículo... Ou os apanhámos antes de chegarem às luzes da ribalta ou só se os outros estiverem todos a dormir...
Somos Braga! Equipa Principal
  • *****
  • 2700
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #4078 em: 10 de Agosto de 2022, 17:44 »
Ainda vamos ter o Horta em Famalicão

Que vergonha
Se Salvador a tivesse vergonha seria não honrar a palavra e deixar cair a exigência dos €20M.

Inicialmente, Rui Costa disse que não dava mais de 10 milhões.  Salvador disse que queria 20! Obviamente que o acordo será algures entre um valor e outro.
Chama-se negociação! Haverá cedências de ambos os lados.
Em teoria até será possivel o Braga ceder zero e fazer na mesma a venda abaixo dos 20M - neste caso seria o Mendes ou Málaga a abdicar de parte do valor que têm a receber.

De qualquer forma, não tendo qualquer inside info, disse desde inicio e mantenho que a ser verdade a distribuição do passe que se falou nas escutas, Horta irá sair do Braga como e quando o Mendes quiser.

O Braga tem 100% dos direitos desportivos. Em teoria (apenas teoria!),  não tem que vender, mas, havendo uma parceria no investimento inicial de "compra" do passe, os interesses de todos os "investidores" tem que ser respeitado sob pena de não se fazer mais negócios com eles. Não vejo que AS tivesse qualquer interesse em prejudicar o Mendes.




Enviado do meu SM-A025G através do Tapatalk

O verdadeiro adepto vê-se nas derrotas!
GverreirodoMinho
GverreirodoMinho Equipa Principal
  • *****
  • 3764
  Re: mercado de verão 2022/2023
« Responder #4079 em: 10 de Agosto de 2022, 18:05 »
"Chama-se negociação! Haverá cedências de ambos os lados."


Até porque nós temos uma necessidade enorme de ceder o que quer que seja, queres ver. O mais importante é mesmo a venda...............

Enviado do meu MI 8 Lite através do Tapatalk

Sócio 2669.
 

Anuncios M