Quantcast
UEFA Europa Conference League
You are using an outdated browser. For a faster, safer browsing experience, upgrade for free today.
Anuncios M
UEFA Europa Conference League
55 Respostas
8827 Visualizações
0 Membros e 2 Visitantes estão a ver este tópico.
Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 18754
  UEFA Europa Conference League
« em: 03 de Dezembro de 2020, 10:47 »

UEFA Europa Conference League: tudo o que precisa de saber

A UEFA Europa Conference League irá arrancar na temporada 2021/22.

Dez equipas eliminadas no "play-off" da UEFA Europa League qualificam-se para a nova fase de grupos da UEFA Europa Conference League a partir de 2021/22

O que é a UEFA Europa Conference League?

A UEFA Europa Conference League será a terceira competição de clubes da UEFA e decorrerá em paralelo com a UEFA Champions League e a UEFA Europa League. Foi aprovada pela primeira vez pelo Comité Executivo da UEFA em Dezembro de 2018.

Quando é que começa?

A competição está prevista para começar em 2021/22 e durar pelo menos entre 2021 e 2024. O calendário completo será comunicado na devida altura.

Quem estará envolvido?

Nenhuma equipa se qualifica directamente. Os 32 participantes da fase de grupos serão decididos da seguinte forma:

• Dezessete equipas do caminho principal da UEFA Europa Conference League.

• Cinco equipas do caminho dos campeões da UEFA Europa Conference League.

• Dez equipas eliminadas no "play-off" da UEFA Europa League.

A lista completa dos clubes participantes será comunicada na devida altura.

Como vai funcionar?

Serão oito grupos de quatro equipas, seguidos por "play-offs" a eliminar, oitavos-de-final, quartos-de-final, meias-finais e final.

Os oito vencedores dos grupos avançam automaticamente para os oitavos-de-final. Será disputada uma ronda eliminatória adicional antes dos oitavos-de-final entre os oito segundos classificados dos grupos e as equipas que terminem no terceiro lugar da fase de grupos da UEFA Europa League.

A nova competição contará com 141 jogos em 15 semanas, exactamente como o novo figurino da UEFA Europa League.

O que os vencedores ganham?

O vencedor da nova competição terá direito a participar na fase de grupos da UEFA Europa League na temporada seguinte.

Por que está a ser introduzida esta nova competição?

A nova estrutura para as competições de clubes da UEFA garantirá que pelo menos 34 federações nacionais da UEFA estejam representadas na fase de grupos de uma ou mais competições.

Haverá um mínimo de 14 campeões nacionais na fase de grupos da UEFA Champions League, entre oito e 11 campeões nacionais na fase de grupos da UEFA Europa League e entre nove e 12 campeões nacionais na fase de grupos da UEFA Europa Conference League. Todas as federações-membro terão acesso às três competições de clubes e as quotas de todas as federações permanecerão inalteradas.

O presidente da UEFA, Aleksander Čeferin, afirmou: "A nova competição de clubes da UEFA torna as competições de clubes da UEFA mais inclusivas do que nunca. Haverá mais jogos para mais clubes, com mais federações representadas nas fases de grupos".

Irá afectar as outras competições?

A introdução da UEFA Europa Conference League não terá impacto na UEFA Champions League. No entanto, a fase de grupos da UEFA Europa League será reduzida de 48 para 32 equipas - oito grupos de quatro.

Os oito vencedores dos grupos da UEFA Europa League avançam automaticamente para os oitavos-de-final. Também haverá uma eliminatória adicional antes dos oitavos-de-final da UEFA Europa League, entre os oito finalistas dos grupos da UEFA Europa League e as oito equipas na terceira posição dos grupos da UEFA Champions League.

A lista de acesso da UEFA Europa League também mudará em conformidade, com os vencedores da UEFA Europa Conference League da temporada anterior a juntarem-se na fase de grupos a 11 equipas que se qualificam directamente através das suas federações nacionais. Adicionalmente, dez equipas irão apurar-se através da fase de qualificação da UEFA Europa League e outras dez oriundas da fase de qualificação da UEFA Champions League.

O que sabemos mais?

Os jogos da UEFA Europa League e UEFA Europa Conference League decorrerão às quintas-feiras. Os jogos das duas competições serão, em princípio, divididos igualmente entre os dois horários: 17h45 e 20h00 (Portugal Continental). Estes dois horários também se aplicam aos jogos da UEFA Champions League às terças e quartas-feiras.

em: https://pt-uefa-com.cdn.ampproject.org/v/s/pt.uefa.com/uefaeuropaleague/news/0256-0e9a0563461f-3fe886f99753-1000--uefa-europa-conference-league-tudo-o-que-precisa-de-saber/amp/?usqp=mq331AQHKAFQArABIA%3D%3D&amp_js_v=0.1#aoh=16069905260891&referrer=https%3A%2F%2Fwww.google.com&amp_tf=De%20%251%24s&ampshare=https%3A%2F%2Fpt.uefa.com%2Fuefaeuropaleague%2Fnews%2F0256-0e9a0563461f-3fe886f99753-1000--uefa-europa-conference-league-tudo-o-que-precisa-de-saber%2F
« Última modificação: 10 de Dezembro de 2020, 13:29 por Lipeste »
Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 18754
  Re: UEFA Europa Conference League
« Responder #1 em: 03 de Dezembro de 2020, 10:49 »
Actualização
Anuncios M
Anuncios M
SEMPRESCB
SEMPRESCB Equipa Principal
  • *****
  • 5238
  Re: UEFA Europa Conference League
« Responder #2 em: 03 de Dezembro de 2020, 12:27 »
Embora não querendo lá estar parece me que será a única competição europeia ao alcance de uma equipa tuga aliás nos próximos anos a Liga Europa ficará ainda mais forte e vencer a LC já é algo inatingível à muitos muitos anos.
Luís Duarte
Luís Duarte Equipa Principal
  • *****
  • 3291
  Re: UEFA Europa Conference League
« Responder #3 em: 03 de Dezembro de 2020, 14:35 »
Só espero que este tópico fique a aqui a ganhar pó, era bom sinal  ;D
Anuncios V
Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 18754
  Re: UEFA Europa Conference League
« Responder #4 em: 03 de Dezembro de 2020, 16:32 »
Também eu espero que o Braga cá não caia tão cedo...de preferência nunca mas infelizmente parece-me que esse nunca será muito pouco provável pois para aqui nunca cairmos teremos que ficar sempre no top 3, ou vencer a TP, ou na pior das hipóteses ficar no quarto lugar e esperar que quem ganhe a TP fique no top 3.

Se os prêmios na LE já são uma miséria (em comparação com a LC) os desta terceira liga europeia deverão dar para pouco mais que as despesas.

Interessante seria os prêmios monetários desta competição passarem a ser aqueles que agora vigoram na LE e os da LE passarem a ser o dobro daquilo que agora são (mesmo assim ainda ficavam a dezenas de milhões da LC mas sempre atenuava um bocadinho o fosso).
joaoPC Juniores
  • ***
  • 749
  Re: UEFA Europa Conference League
« Responder #5 em: 03 de Dezembro de 2020, 16:33 »
Também eu espero que o Braga cá não caia tão cedo...de preferência nunca mas infelizmente parece-me que esse nunca será muito pouco provável pois para aqui nunca cairmos teremos que ficar sempre no top 3, ou vencer a TP, ou na pior das hipóteses ficar no quarto lugar e esperar que quem ganhe a TP fique no top 3.

Se os prêmios na LE já são uma miséria (em comparação com a LC) os desta terceira liga europeia deverão dar para pouco mais que as despesas.

Interessante seria os prêmios monetários da LE passarem para esta competição e os da LE duplicaram (mesmo assim ainda ficavam a milhões da LC mas sempre atenuação um bocadinho o fosso).
O objetivo também é tornar a liga Europa mais atrativa por isso acredito que subam os prêmios. A juntar a isso, há menos equipas a participar logo o total dos prêmios é a dividir por menos
Enorme_Guerreiro
Enorme_Guerreiro Equipa Principal
  • *****
  • 2643
  • Sempre presentes!!!
  Re: UEFA Europa Conference League
« Responder #6 em: 03 de Dezembro de 2020, 17:49 »
Também eu espero que o Braga cá não caia tão cedo...de preferência nunca mas infelizmente parece-me que esse nunca será muito pouco provável pois para aqui nunca cairmos teremos que ficar sempre no top 3, ou vencer a TP, ou na pior das hipóteses ficar no quarto lugar e esperar que quem ganhe a TP fique no top 3.

Se os prêmios na LE já são uma miséria (em comparação com a LC) os desta terceira liga europeia deverão dar para pouco mais que as despesas.

Interessante seria os prêmios monetários da LE passarem para esta competição e os da LE duplicaram (mesmo assim ainda ficavam a milhões da LC mas sempre atenuação um bocadinho o fosso).
O objetivo também é tornar a liga Europa mais atrativa por isso acredito que subam os prêmios. A juntar a isso, há menos equipas a participar logo o total dos prêmios é a dividir por menos

Há menos equipas a participar na Liga Europa, mas há mais a participar nas competições europeias, o que pressupõe uma redução dos prémios nas outras duas para premiar nesta.
Eu sei bem o que fazia: reduzia drasticamente os prémios na Champions, subia os da Liga Europa e dava algo palpável na Conference League. Mas sei bem que dificilmente será isto, porque o caminho parece ser o de perpetuar os ricos no poleiro, como se faz aqui em Portugal. Podiam aprender com as ligas de desportos americanos (NBA, NFL, MLB,...), que são sempre super competitivas e em que os ciclos de vitória se renovam com muito mais rapidez. Pessoalmente, e sendo um bocado off-topic, acho irónico que o expoente máximo do capitalismo (EUA) sejam a casa dos modelos desportivos mais socialistas que há.
Bracarense eu sou, onde tu fores eu vou
rpo.castro
rpo.castro Equipa Principal
  • *****
  • 14276
  Re: UEFA Europa Conference League
« Responder #7 em: 03 de Dezembro de 2020, 18:30 »
Também eu espero que o Braga cá não caia tão cedo...de preferência nunca mas infelizmente parece-me que esse nunca será muito pouco provável pois para aqui nunca cairmos teremos que ficar sempre no top 3, ou vencer a TP, ou na pior das hipóteses ficar no quarto lugar e esperar que quem ganhe a TP fique no top 3.

Se os prêmios na LE já são uma miséria (em comparação com a LC) os desta terceira liga europeia deverão dar para pouco mais que as despesas.

Interessante seria os prêmios monetários da LE passarem para esta competição e os da LE duplicaram (mesmo assim ainda ficavam a milhões da LC mas sempre atenuação um bocadinho o fosso).
O objetivo também é tornar a liga Europa mais atrativa por isso acredito que subam os prêmios. A juntar a isso, há menos equipas a participar logo o total dos prêmios é a dividir por menos

Há menos equipas a participar na Liga Europa, mas há mais a participar nas competições europeias, o que pressupõe uma redução dos prémios nas outras duas para premiar nesta.
Eu sei bem o que fazia: reduzia drasticamente os prémios na Champions, subia os da Liga Europa e dava algo palpável na Conference League. Mas sei bem que dificilmente será isto, porque o caminho parece ser o de perpetuar os ricos no poleiro, como se faz aqui em Portugal. Podiam aprender com as ligas de desportos americanos (NBA, NFL, MLB,...), que são sempre super competitivas e em que os ciclos de vitória se renovam com muito mais rapidez. Pessoalmente, e sendo um bocado off-topic, acho irónico que o expoente máximo do capitalismo (EUA) sejam a casa dos modelos desportivos mais socialistas que há.
Não fazias nada disso. Fazias exatamente o que faz a UEFA ou fechavas portas.

A UEFA tenta encontrar o equilíbrio entre os grandes e os pequenos, pk se os grandes saem, e podem perfeitamente sair e ir para uma competição da FIFA ou deles, e ficas com uma competição que vale 0 ou perto disso.

Os prémios distribuídos na champions é pk a competição vale isso, e a liga europa distribui menos, pk vale menos.
Tb podias dizer que cortavas o salário da equipa masculina do SC Braga para metade e davas à feminina. Faz algum sentido? Não faz
Quem não sente não é filho de boa gente.
Anuncios M
Anuncios M
Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 18754
  Re: UEFA Europa Conference League
« Responder #8 em: 03 de Dezembro de 2020, 19:40 »
Os direitos televisivos da Conference League irão ser vendidos  e provavelmente parte do actual bolo total da presente LE, que passará a contar com menos emblemas, poderá ser encaminhado para essa terceira Liga europeia se a mesma não despertar grande interesse por parte dos investidores, das operadoras.

Gostaria que assim não viesse a ser e que os valores monetários da nova versão da LE, com um formato mais competitivo, fossem de facto inflacionados...veremos como irá ser mas não tenho qualquer dúvida que os valores da LC não irão diminuir para dessa forma beneficiar as duas provas secundárias da UEFA...os tubarões nunca o iriam permitir.
« Última modificação: 03 de Dezembro de 2020, 19:42 por Lipeste »
joaoPC Juniores
  • ***
  • 749
  Re: UEFA Europa Conference League
« Responder #9 em: 04 de Dezembro de 2020, 00:04 »
Também eu espero que o Braga cá não caia tão cedo...de preferência nunca mas infelizmente parece-me que esse nunca será muito pouco provável pois para aqui nunca cairmos teremos que ficar sempre no top 3, ou vencer a TP, ou na pior das hipóteses ficar no quarto lugar e esperar que quem ganhe a TP fique no top 3.

Se os prêmios na LE já são uma miséria (em comparação com a LC) os desta terceira liga europeia deverão dar para pouco mais que as despesas.

Interessante seria os prêmios monetários da LE passarem para esta competição e os da LE duplicaram (mesmo assim ainda ficavam a milhões da LC mas sempre atenuação um bocadinho o fosso).
O objetivo também é tornar a liga Europa mais atrativa por isso acredito que subam os prêmios. A juntar a isso, há menos equipas a participar logo o total dos prêmios é a dividir por menos

Há menos equipas a participar na Liga Europa, mas há mais a participar nas competições europeias, o que pressupõe uma redução dos prémios nas outras duas para premiar nesta.
Eu sei bem o que fazia: reduzia drasticamente os prémios na Champions, subia os da Liga Europa e dava algo palpável na Conference League. Mas sei bem que dificilmente será isto, porque o caminho parece ser o de perpetuar os ricos no poleiro, como se faz aqui em Portugal. Podiam aprender com as ligas de desportos americanos (NBA, NFL, MLB,...), que são sempre super competitivas e em que os ciclos de vitória se renovam com muito mais rapidez. Pessoalmente, e sendo um bocado off-topic, acho irónico que o expoente máximo do capitalismo (EUA) sejam a casa dos modelos desportivos mais socialistas que há.
Não acho que funcione assim
Os prêmios das competições europeias vêm dos patrocinadores e direitos televisivos que são vendidos, acredito eu que em separado para cada competição

Os prêmios da liga Europa têm vindo a aumentar porque esta ficou mais atrativa nos últimos anos e certamente surgiram novos patrocinadores e os direitos foram renegociados.
Tal como na liga dos campeões e por isso é que agora há jogos às 6 em vez de ser tudo á mesma hora.

Com esta nova liga europeia os jogos da liga Europa são mais apeteciveis quer para os patrocinadores quer para as TVs e uma televisão como por exemplo a SportTV que  tem 5 canais para dar jogos em vez de escolher 5 entre 12 escolhe 5 entre 6 ou 8 o que para eles não lhes faz diferença e como (em teoria claro) os jogos vão ser mais interessantes até teriam de pagar mais pelos direitos pois irão ter mais espectadores interessados.

Quanto á conference League terá de arranjar patrocinadores próprios e vender os seus direitos televisivos para ter dinheiro para os prêmios.

O que pode deitar abaixo a minha teoria é que já não há horários disponíveis para se jogar.
Terça e quarta-feira é dia de Champions e agora com jogos às 6 ainda fica mais difícil por jogos nesses dias e quinta-feira às 6 e às 8 é dia de liga Europa.
Não havendo mais horários para jogar fica difícil pedir às TVs dinheiro para transmitir a conference League quando há jogos de liga Europa ou Champions á mesma hora
NightHawk
NightHawk Equipa Principal
  • *****
  • 3754
  Re: UEFA Europa Conference League
« Responder #10 em: 04 de Dezembro de 2020, 13:14 »
É óbvio que não queremos que o Braga caia nesta competição, e se mantenha na Liga Europa e, quiçá, voltar à Champions. No entanto, tendo em conta quem vai participar nesta competição, caso o Braga participe nela é um candidato à vitória. Aliás, não me parece descabido que o 4º e o 5º classificados da liga tuga (ou 5º e 6º) possam perfeitamente chegar longe, inclusivamente à final. Pode ser uma boa competição para Rio Ave e Guimarães por exemplo. Tirando algum tubarão que caia nas pré-eliminatórias da Liga Europa (este ano os exemplos são Sporting, Wolfsburg, Basileia, Galatasaray) ou faça uma Liga Europa má (e fique em 3º) os grandes candidatos serão os 6ºs ou 7ºs classificados de Inglaterra, Espanha e Alemanha, o que deixa alguma margem para equipas tugas poderem chegar longe se não tiverem um sorteio complicado.

Por outro lado, a Liga Europa ficará ainda mais complicada para se chegar à fase a eliminar e ainda pior ir avançando nelas. Vai ficar bem mais competitiva.
« Última modificação: 04 de Dezembro de 2020, 13:28 por NightHawk »
Anuncios G
rpo.castro
rpo.castro Equipa Principal
  • *****
  • 14276
  Re: UEFA Europa Conference League
« Responder #11 em: 04 de Dezembro de 2020, 13:54 »
É óbvio que não queremos que o Braga caia nesta competição, e se mantenha na Liga Europa e, quiçá, voltar à Champions. No entanto, tendo em conta quem vai participar nesta competição, caso o Braga participe nela é um candidato à vitória. Aliás, não me parece descabido que o 4º e o 5º classificados da liga tuga (ou 5º e 6º) possam perfeitamente chegar longe, inclusivamente à final. Pode ser uma boa competição para Rio Ave e Guimarães por exemplo. Tirando algum tubarão que caia nas pré-eliminatórias da Liga Europa (este ano os exemplos são Sporting, Wolfsburg, Basileia, Galatasaray) ou faça uma Liga Europa má (e fique em 3º) os grandes candidatos serão os 6ºs ou 7ºs classificados de Inglaterra, Espanha e Alemanha, o que deixa alguma margem para equipas tugas poderem chegar longe se não tiverem um sorteio complicado.

Por outro lado, a Liga Europa ficará ainda mais complicada para se chegar à fase a eliminar e ainda pior ir avançando nelas. Vai ficar bem mais competitiva.
A Conference League não vai ser assim tão fraca que um rio ave ou Guimarães possam ganhar.
Aliás acho até que terão dificuldade emse apurar-o caminho qualificação será duro.

Depois a fase de grupos será mais acessivel. Pelas simulações que vi, os 2 últimos potes têm um valor igual ao inferior ao actual 4⁰, mas continuarás a ter equipas fortes no pote 1 e 2.

As equipas N6 e N7 de inglaterra espanha alemanha, irão para a qualificação da conference league,contra as quais teremos de qualificar. Para os campeões de países mais fracos ficará mais facil (terão caminho à parte) e são esses que irão preencher os potes mais baixos.

O Braga poderá ter algumas hipóteses de ganhar essa competição (neste momento ganhar a LE é quase impossível), mas longe de ser algo que se possa almejar facilmente, muito menos os restantes.
Fica a dúvida sobre os prémios e os pontos.

No entanto não tenho dúvidas que o Braga precisa de ir à champions para conseguir uma almofada financeira para realmente nos aproximarmos um pouco. Para isso convém acumular o máximo pontos na LE para melhorar nossa posição.

Sobre os horarios, são exactamente os mesmos da Liga europa: 5a às 18h00 e 20h00.
Para quem transmite os jogos, continuarão a escolher os jogos desse país. Ao contrário, da Liga dos Campeões, o interesse num jogo sem equipas nacionais, pelo menos nesta fase, é residual.

A questão estará no preço. Como temos 2 operadores, e um deles à 5a está a dar repetições, poderá comprar essa conteúdo, pk senão a sporttv iria ter de dar o dobro do dinheiro para transmitir o mesmo n⁰ jogos.
E na maior parte dos países há vários operadores (alguns até dividem entre si liga nacional, campeões ou mesmo F1 para baixar valor a pagar) pelo que haverá sempre espaço. Dependendo do preço claro.
Quem não sente não é filho de boa gente.
NightHawk
NightHawk Equipa Principal
  • *****
  • 3754
  Re: UEFA Europa Conference League
« Responder #12 em: 04 de Dezembro de 2020, 14:38 »
É óbvio que não queremos que o Braga caia nesta competição, e se mantenha na Liga Europa e, quiçá, voltar à Champions. No entanto, tendo em conta quem vai participar nesta competição, caso o Braga participe nela é um candidato à vitória. Aliás, não me parece descabido que o 4º e o 5º classificados da liga tuga (ou 5º e 6º) possam perfeitamente chegar longe, inclusivamente à final. Pode ser uma boa competição para Rio Ave e Guimarães por exemplo. Tirando algum tubarão que caia nas pré-eliminatórias da Liga Europa (este ano os exemplos são Sporting, Wolfsburg, Basileia, Galatasaray) ou faça uma Liga Europa má (e fique em 3º) os grandes candidatos serão os 6ºs ou 7ºs classificados de Inglaterra, Espanha e Alemanha, o que deixa alguma margem para equipas tugas poderem chegar longe se não tiverem um sorteio complicado.

Por outro lado, a Liga Europa ficará ainda mais complicada para se chegar à fase a eliminar e ainda pior ir avançando nelas. Vai ficar bem mais competitiva.
A Conference League não vai ser assim tão fraca que um rio ave ou Guimarães possam ganhar.
Aliás acho até que terão dificuldade emse apurar-o caminho qualificação será duro.

Depois a fase de grupos será mais acessivel. Pelas simulações que vi, os 2 últimos potes têm um valor igual ao inferior ao actual 4⁰, mas continuarás a ter equipas fortes no pote 1 e 2.

As equipas N6 e N7 de inglaterra espanha alemanha, irão para a qualificação da conference league,contra as quais teremos de qualificar. Para os campeões de países mais fracos ficará mais facil (terão caminho à parte) e são esses que irão preencher os potes mais baixos.

O Braga poderá ter algumas hipóteses de ganhar essa competição (neste momento ganhar a LE é quase impossível), mas longe de ser algo que se possa almejar facilmente, muito menos os restantes.
Fica a dúvida sobre os prémios e os pontos.

No entanto não tenho dúvidas que o Braga precisa de ir à champions para conseguir uma almofada financeira para realmente nos aproximarmos um pouco. Para isso convém acumular o máximo pontos na LE para melhorar nossa posição.

Sobre os horarios, são exactamente os mesmos da Liga europa: 5a às 18h00 e 20h00.
Para quem transmite os jogos, continuarão a escolher os jogos desse país. Ao contrário, da Liga dos Campeões, o interesse num jogo sem equipas nacionais, pelo menos nesta fase, é residual.

A questão estará no preço. Como temos 2 operadores, e um deles à 5a está a dar repetições, poderá comprar essa conteúdo, pk senão a sporttv iria ter de dar o dobro do dinheiro para transmitir o mesmo n⁰ jogos.
E na maior parte dos países há vários operadores (alguns até dividem entre si liga nacional, campeões ou mesmo F1 para baixar valor a pagar) pelo que haverá sempre espaço. Dependendo do preço claro.

Claro, não vai ser fácil para uma equipa tuga ganhar, não estou a dizer isso, mas por exemplo o Rio Ave esteve perto de eliminar o Milan, o Guimarães bateu-se bem com o Frankfurt e o Standard no ano passado, pelo que uma destas equipas estando num ano bom podem chegar aos quartos caso o sorteio não lhes seja nefasto (isto é, não apanhem logo um 6º ou 7º de Inglaterra, Espanha ou Alemanha). Até porque as equipas tugas vão muito provavelmente ser cabeças de série nas pré-eliminatórias e playoff.

Quanto ao Braga, os números dos últimos anos falam por si. Não seria fácil, obviamente, mas já ganhamos ou fizemos jogos muito equilibrados nos últimos 5 anos (nem é preciso ir buscar a campanha de 2011) frente a equipas que no próximo ano serão as grandes candidatas à vitória (os tais 6º ou 7º das 4 grandes ligas ou "grandes" das outras ligas): Wolves, Hoffenheim, Leicester, Marselha, Spartak, Besiktas, Fenerbahçe, AEK, pelo que num ano em que estejamos bem (como este) podemos perfeitamente chegar aos 4ºs ou meias finais com aspirações.

Financeiramente não é de todo atrativo. Temos mesmo que garantir no mínimo a Liga Europa e dar tudo nestas 2 épocas para tentar uma ida à Champions, mas desportivamente, se calharmos de cair nesta competição (e pode perfeitamente acontecer), podemos almejar um título Europeu se estivermos bem...
« Última modificação: 04 de Dezembro de 2020, 14:44 por NightHawk »
Eskol Equipa Principal
  • *****
  • 2770
  Re: UEFA Europa Conference League
« Responder #13 em: 04 de Dezembro de 2020, 14:49 »
As pré-eliminatórias serão o que já estamos habituados da LE. As equipas de países menos reputados que enchem as PE da LE vão passar a estar na Conference League. A diferença estará nos tubarões que atualmente caem lá de paraquedas (condenando quem tem o azar de se cruzar com eles) que agora praticamente não vão existir. Isso facilitará a vida às equipas portuguesas que estão abaixo de nós e que não são cabeças de série no Playoff, mas o resto mantém-se, a qualificação é uma maratona cheia de armadilhas e batalhas campais.
A4
A4 Equipa Principal
  • *****
  • 1930
  • Braga Sempre!
  Re: UEFA Europa Conference League
« Responder #14 em: 04 de Dezembro de 2020, 15:52 »
Algum tubarão há de sempre cair para esta prova, basta o ano anterior não ter corrido da melhor forma a nível interno que o único apuramento europeu que conseguem é para esta competição, a questão é saber se eles vão fazer de tudo para ganhar ou não.

Quase todos os anos algumas equipas consagradas das grandes ligas acaba por fazer uma época menos positiva e ficar à volta do 7º lugar, aliás, só nos últimos temos  vários exemplos disso: Napoles, Sevilha, Roma, Tottenham, Lyon, Leverkusen,... quase todos os anos acontecem surpresas, e este ano não será diferente.

Eu por acaso já joguei esta competição no FM 2020 com o nosso Braga  ;D , a nosso grupo era:
Braga
Besiktas
Bate Borisov
Skhendija

Ainda assim, penso que teremos sempre alguma chances de nos apurarmos para a Liga Europa, apesar de ser dificil, normalmente ficamos em quarto e normalmente o vencedor da taça de portugal é um dos 3 primeiros.
Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 18754
  Re: UEFA Europa Conference League
« Responder #15 em: 04 de Dezembro de 2020, 16:07 »
Poderiam trocar a presença na LE do vencedor da Taça de Portugal pela presença na CL que irá ser atribuída ao quarto classificado da Liga...dessa forma não se corria o risco de uma equipa de um escalão secundário ou do meio e final da tabela da I Liga entrar na LE e pouco ou nada pontuar para o Ranking de Portugal...em minha opinião seria uma medida estratégica na tentativa de potenciar ao máximo a nossa possibilidade de pontuar, tendo como objectivo, no curto/médio prazo, melhorar a posição no Ranking e alcançar o 5° lugar (será que os pontos por vitória e empate na CL irão ser iguais aos da LC e LE? 2 por vitória e 1 por empate?).

100%SCB Equipa Principal
  • *****
  • 6855
  • Quando o erro for só erro o SC Braga será campeão!
  Re: UEFA Europa Conference League
« Responder #16 em: 04 de Dezembro de 2020, 16:17 »
É quase impossível chegarmos ao quinto lugar.
O PSG irá pontuar sempre bastante, o Lyon (este ano não está) costuma ser sempre competitivo na Europa, o Lille está em claro crescimento, o Mónaco tem melhorado, o Marselha na LE costuma fazer boas campanhas. Ainda há outras equipas competitivas, como o Rennes.
O objetivo tem de ser segurar e cimentar o sexto lugar. A Russia, possivelmente, até vai ser ultrapassada pela Holanda.
FORÇA BRAGA
A4
A4 Equipa Principal
  • *****
  • 1930
  • Braga Sempre!
  Re: UEFA Europa Conference League
« Responder #17 em: 04 de Dezembro de 2020, 16:30 »
É quase impossível chegarmos ao quinto lugar.
O PSG irá pontuar sempre bastante, o Lyon (este ano não está) costuma ser sempre competitivo na Europa, o Lille está em claro crescimento, o Mónaco tem melhorado, o Marselha na LE costuma fazer boas campanhas. Ainda há outras equipas competitivas, como o Rennes.
O objetivo tem de ser segurar e cimentar o sexto lugar. A Russia, possivelmente, até vai ser ultrapassada pela Holanda.


Concordo completamente. Estamos na melhor posição possível, não temos qualidade para mais, temos é que segurar. A Rússia dificilmente nos apanha nos próximos tempos, o futebol lá tem caído a pique e hoje em dia vêm-se lixadas para passar a fase de grupos do quer que seja.
rpo.castro
rpo.castro Equipa Principal
  • *****
  • 14276
  Re: UEFA Europa Conference League
« Responder #18 em: 04 de Dezembro de 2020, 17:27 »
Poderiam trocar a presença na LE do vencedor da Taça de Portugal pela presença na CL que irá ser atribuída ao quarto classificado da Liga...dessa forma não se corria o risco de uma equipa de um escalão secundário ou do meio e final da tabela da I Liga entrar na LE e pouco ou nada pontuar para o Ranking de Portugal...em minha opinião seria uma medida estratégica na tentativa de potenciar ao máximo a nossa possibilidade de pontuar, tendo como objectivo, no curto/médio prazo, melhorar a posição no Ranking e alcançar o 5° lugar (será que os pontos por vitória e empate na CL irão ser iguais aos da LC e LE? 2 por vitória e 1 por empate?).
Para já as duas incógnitas são os pontos e o prize-money.
Julgo que os pontos por vitória e empate serão os mesmos, havendo diferença nos pontos de bónus (como há da CL para EL).

Sobre a luta do 5º lugar, temos conseguido fazer coisas interessantes porque os pontos são a dividir por 5. Ao passar a dividir por 6, volta a afastar. A França não tem feito muito mais pontos que nós. Tal como nós, não têm equipas com qualidade suficiente a pontuar, ao contrário das 4 primeiras ligas.
Nesse ponto de vista, o 6º é sempre um lugar precário: porque divide por 6, e não tem as equipas na fase de grupos que tem o 5.

Por exemplo pro ano ECL, assumindo que a taça é pra um dos 4 primeiros, o 5º disputa duas eliminatórias e o 6º três eliminatórias. É exactamente o mesmo que sporting e rio ave tiveram de fazer este ano (com diferença que eram 4º e 5º). Mais uma vez fico com ideia que é mais dificil chegar à fase de grupos do que passar a fase de grupos.

Mas como disse alguém, que este tópico fique a ganhar pó, e que se regaste um já com 8? anos.
Quem não sente não é filho de boa gente.
Enorme_Guerreiro
Enorme_Guerreiro Equipa Principal
  • *****
  • 2643
  • Sempre presentes!!!
  Re: UEFA Europa Conference League
« Responder #19 em: 04 de Dezembro de 2020, 17:30 »
Também eu espero que o Braga cá não caia tão cedo...de preferência nunca mas infelizmente parece-me que esse nunca será muito pouco provável pois para aqui nunca cairmos teremos que ficar sempre no top 3, ou vencer a TP, ou na pior das hipóteses ficar no quarto lugar e esperar que quem ganhe a TP fique no top 3.

Se os prêmios na LE já são uma miséria (em comparação com a LC) os desta terceira liga europeia deverão dar para pouco mais que as despesas.

Interessante seria os prêmios monetários da LE passarem para esta competição e os da LE duplicaram (mesmo assim ainda ficavam a milhões da LC mas sempre atenuação um bocadinho o fosso).
O objetivo também é tornar a liga Europa mais atrativa por isso acredito que subam os prêmios. A juntar a isso, há menos equipas a participar logo o total dos prêmios é a dividir por menos

Há menos equipas a participar na Liga Europa, mas há mais a participar nas competições europeias, o que pressupõe uma redução dos prémios nas outras duas para premiar nesta.
Eu sei bem o que fazia: reduzia drasticamente os prémios na Champions, subia os da Liga Europa e dava algo palpável na Conference League. Mas sei bem que dificilmente será isto, porque o caminho parece ser o de perpetuar os ricos no poleiro, como se faz aqui em Portugal. Podiam aprender com as ligas de desportos americanos (NBA, NFL, MLB,...), que são sempre super competitivas e em que os ciclos de vitória se renovam com muito mais rapidez. Pessoalmente, e sendo um bocado off-topic, acho irónico que o expoente máximo do capitalismo (EUA) sejam a casa dos modelos desportivos mais socialistas que há.
Não fazias nada disso. Fazias exatamente o que faz a UEFA ou fechavas portas.

A UEFA tenta encontrar o equilíbrio entre os grandes e os pequenos, pk se os grandes saem, e podem perfeitamente sair e ir para uma competição da FIFA ou deles, e ficas com uma competição que vale 0 ou perto disso.

Os prémios distribuídos na champions é pk a competição vale isso, e a liga europa distribui menos, pk vale menos.
Tb podias dizer que cortavas o salário da equipa masculina do SC Braga para metade e davas à feminina. Faz algum sentido? Não faz

Não, não fazia. E não, não tinha de fechar portas por causa disso.

Os grandes ameaçam sair na mesma e criar a tal Superliga europeia, e eu não sei até que ponto isso não poderá ter repercussões para esses clubes. O modelo da Superliga Europeia com 16/18 equipas, numa competição fechada (isto é, todos os anos jogam as mesmas equipas, não há subidas nem descidas, não há apuramentos nem nada do género), estima dar como prémio ao vencedor da competição a módica quantia de mil milhões de euros. Para se ter uma noção, o Liverpool, quando ganhou em 2019 a Champions, ganhou 111M€ no total. Ou seja, estamos a falar dum valor 10x superior. Se é esta a diferença e os clubes puderem de facto saltar fora da UEFA sem restrições, não vejo motivo nenhum para não fazer a alteração que eu sugeri. Porque vejamos: com a possibilidade de ganhar mil milhões, não é ganhar 100 ou 50 que faz a diferença. Mas estes 50M€ podem fazer a diferença para centenas de outros clubes na Europa. Se eles querem mesmo sair, não é isto que fará a diferença para os manter.

Depois, existe a questão das eventuais restrições. Até porque a ideia da Superliga Europeia é de jogar ao fim-de-semana, o que tornaria impraticável jogar nos campeonatos nacionais... Os clubes estão registados nas federações nacionais, que fazem parte da UEFA, que por conseguinte é uma confederação integrante da FIFA. Será que a FIFA faria isso a uma das suas confederações? Quais seriam as repercussões disso?

Outro ponto: a UEFA não fechava portas... Podia ter uma quebra grande de receitas, mas continuaria a ter centenas de clubes a querer participar nas suas provas, continuaria a ter a Liga das Nações e, acima de tudo, continuaria a ter os Europeus de seleções.

Outra questão interessante seria a reação dos adeptos. O futebol é um desporto do povo, e basta ver o tratamento que o Leipzig recebe na Alemanha, ou o PSG em França, para ver que certamente haveria muitos anticorpos a esta competição. Eu tenho muitas dúvidas que a cultura inglesa do que é o futebol, aceitasse isto de bom grado, tenho dúvidas que os adeptos do Bayern alinhassem nisto, e certamente muitos outros seriam contra. E se os adeptos estiverem contra, o produto desvaloriza... Isto é uma reformulação do modelo desportivo do futebol, não é apenas uma competição que substitui a outra... A UEFA tem milhares de clubes sobre a sua alçada, que certamente não permitiriam que isto acontecesse, porque mataria o futebol como o conhecemos. Essas 16/18 equipas poderiam ser forçadas a criar o seu próprio regulamento, a ter os seus próprios árbitros, a não poderem participar nos seus campeonatos nacionais até. Tudo isso retiraria valor à competição e retiraria interesse a muita gente. Um dos atrativos da Champions é permitir aos outros sonhar com estar ali... Fechando a competição a outras entradas, mata-se essa ilusão, que faz parte da maioria dos adeptos de futebol. Ou pelo menos é assim que eu vejo. Uma equipa que ganhasse mil milhões de euros por vencer uma competição não podia competir num campeonato onde os adversários jogam quase todos com menos de 10% desse valor como orçamento...

Se estas equipas saíssem, a competição não iria valer 0... Em países como Portugal, Holanda, Rússia, França, Bélgica, Polónia, Áustria, Dinamarca, Suécia, Hungria, Croácia, Escócia, etc., a competição iria disparar no interesse, porque os clubes destes países passariam a ser candidatos à vitória. Ou tu irias perder interesse se o Braga estivesse na Champions só porque não estava lá o Barcelona e o Real Madrid? E tu podes dizer: ah, mas os patrocinadores querem é os grandes clubes e é lá que investem o dinheiro. E eu digo-te: não, os patrocinadores querem é visibilidade que lhes dê retorno, e isso é igual se são ingleses a ver o Liverpool ou polacos a ver o Legia de Varsóvia... Iam baixar os valores porque se perderiam os mercados extra-europeus, mas não me parece que fosse para 0, até porque continuariam a haver equipas espanholas, inglesas, alemãs, italianas e francesas, todas elas com milhares e milhares de adeptos...

Respondendo à tua última pergunta: as modalidades dos clubes são todas auto-sustentáveis? Onde se foi buscar o dinheiro inicial para investir na equipa feminina? E essa comparação nem é justa, porque aqui estamos a falar de não aumentar ainda mais um fosso entre ricos e pobres. Esse teu raciocínio também se aplica à centralização dos direitos televisivos em Portugal... Os 3 estarolas provavelmente perderiam dinheiro com isso, e é por isso que não aconteceu, mas eu não deixo de ser a favor da centralização por causa disso, nem deixo de achar que a Liga deveria fazer diferente...

EDIT: esqueci-me de concluir... Para mim há 3 caminhos possíveis:
1) - Esses clubes saem das competições UEFA e a UEFA reconstrói as suas competições com os restantes clubes;
2) - Esses clubes ficam e há uma distribuição mais equilibrada dos prémios, com menos diferenças entre competições;
3) - Fica tudo como está;

Não acho que o 2 seja algo que leve ao 1, como expliquei. A diferença de valores entre a superliga e a Champions é tanta que não seria por aí.
O caminho 3 vai levar a que o 1 seja uma realidade, mesmo que se mantenham na Champions... São quase sempre os mesmos que vão às fases decisivas, e isso vai agudizar com este caminho. Além disso, o caminho 3 leva a que os campeonatos nacionais sejam cada vez piores. Basta ver as dinastias do PSG, Bayern e Juventus... E isto para não falar do impacto que prémios de 60/70 milhões têm numa equipa dum campeonato português, holandês, russo, o que seja... E isto chegará a um ponto em que os adeptos dessas próprias equipas deixarão de ter prazer com as vitórias das suas equipas...

Por tudo isto, acho que o status quo tem de mudar, por muito doloroso que isso possa ser, pelo bem do futebol e do seu futuro...
« Última modificação: 04 de Dezembro de 2020, 17:51 por Enorme_Guerreiro »
Bracarense eu sou, onde tu fores eu vou
 

Anuncios M
Anuncios M