Quantcast
NOTÍCIAS DO SPORTING CLUBE DE BRAGA
You are using an outdated browser. For a faster, safer browsing experience, upgrade for free today.
Anuncios M
NOTÍCIAS DO SPORTING CLUBE DE BRAGA
12162 Respostas
608718 Visualizações
0 Membros e 3 Visitantes estão a ver este tópico.
Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 24230
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #120 em: 20 de Abril de 2020, 17:37 »
Raúl Silva pensou acabar a carreira aos 17 anos

Raúl Silva abriu as páginas da sua vida ao scbraga.pt. O defesa-central brasileiro começa por contar todas as histórias que o marcaram desde os tempos do colégio, onde se assumiu como o "carregador do piano" da equipa, ele que chegou a pensarq ue seria um médio promissor e também chegou a equacionar colocar o ponto final da carreira quando ainda tinha 17 anos. E aos 18 anos ainda temeu pela vida quando foi vítima de um assalto!

Paixão pelo futebol desde criança: 
"O gosto pelo futebol começou desde criança, a minha primeira paixão foi a bola de futebol. Comecei a jogar numa escola sem objetivo nenhum, apenas para me divertir. Depois, com 16 anos, notei que tinha qualidade e fui fazer um teste a uma equipa profissional".

A rebeldia: 
"Era muito rebelde quando jogava, era um pouco descontrolado… queria muito ganhar (risos). Fora do campo sempre fui muito tranquilo, agora dentro de campo desde criança sempre me meti em confusões (risos)".

Os golos de cabeça começaram na infância: 
"Quando era criança brincava com os meus amigos aos "cruzamentos e cabeceamentos". Éramos 6 pessoas a jogar, um ia a guarda-redes, outro ia cruzar e os restantes iam cabecear. Essas tardes em casa do meu amigo Charles permitiram-me desde muito novo treinar o meu gesto técnico de cabeceamento. Acredito que isso fez com que hoje deixasse a minha marca por isso".

Carregador de piano na equipa do colégio: 
"Chegava sempre atrasado às aulas, perdia sempre a primeira aula e era sempre o primeiro a sair. Jogava na equipa do meu colégio, não era a estrela da equipa, já nessa altura era o carregador de piano".

As férias escolares: 
"O meu passatempo preferido nas férias era jogar futebol nos campos perto da casa da minha avó. Jogava das 8 da manhã até à meia noite, a minha avó nem via a minha cara. Saía de manhã e só voltava à noite com uma bola de futebol na mão".

Temeu pela vida com 18 anos: 
"A voltar para casa numa van, entraram dois casais e passados dois minutos anunciaram um assalto. Roubaram-me a mochila e tudo a todas as pessoas que estavam lá dentro, ameaçaram que nos matavam a todos se não déssemos tudo. Foram 10 minutos em que temi pela minha vida. Tinha 18 anos e nunca mais me vou esquecer".

Lesão colocou em equação carreira no futebol: 
"Nem sempre a minha família me incentivou a ser jogador de futebol. Com os meus 17 anos tive uma lesão muito grave no joelho, rompi o ligamento cruzado. Nessa altura a minha família pediu-me muito para não continuar a jogar. O coordenador da equipa onde jogava tratou da minha cirurgia e pediu-me para voltar. Foi um momento complicado em que acreditei sozinho. Felizmente consegui ultrapassar aquela situação e hoje sou jogador profissional".

Passagem pela ala e pelo meio-campo: 
"Tive um treinador que me obrigou a conhecer outras posições. Já joguei a defesa esquerdo e a médio centro. Gostei de jogar a defesa esquerdo, é por isso que sempre que tenho uma oportunidade para ir à linha e cruzar lá vou eu (risos). São coisas que acontecem na formação que levamos para sempre, foi muito bom conhecer outras posições".

O pedido de um colega que irritou Raúl: 
"Lembro-me que na minha formação existiu um jogo em que já tinha levado um cartão amarelo e um colega meu (Jorge Santos), que agora é como um irmão para mim, pediu ao treinador para me tirar do campo. Estava descontrolado, era um clássico, e lembro-me de ele gritar: "mister tire o Raul por favor, ele vai ser expulso". Ainda fiquei muito bravo com ele por ter tido aquela atitude (risos)".

em: https://www.record.pt/futebol/futebol-nacional/liga-nos/sp--braga/detalhe/raul-silva-pensou-acabar-a-carreira-aos-17-anos?ref=Sp.%20Braga_DestaquesPrincipais


A promessa de Raúl Silva: «Se o Braga for campeão vou tatuar o Bom Jesus»

Raúl Silva fala de uma carreira que começou no Remo, onde teve uma lesão grava logo no primeiro ano, mas que teve uma subida a pulso até chegar ao Sp. Braga, com uma passagem marcante pelo Marítimo.

O início da carreira no Brasil: 
"Comecei no Remo e no meu primeiro ano tive uma lesão grave. Mesmo depois daquela lesão fui para o Sport Recife da primeira divisão. Eles acreditavam em mim, mas disseram que tinham de me emprestar para ganhar ritmo. Fui para o Paysandu e fiz a minha melhor época no Brasil, que até me permitiu ir para o Figueirense que estava na primeira divisão. Aquele ano no Paysandu foi essencial para a minha carreira".

Jogar na Europa sempre foi uma ambição: 
"Sempre tive vontade de jogar na Europa. Na altura em que vim para o Marítimo já tinha tudo acertado com o ABC para jogar na Série B do Brasil. Quando soube da oportunidade do Marítimo liguei logo para o diretor do ABC e disse-lhe que não podia desperdiçar a oportunidade de vir para a Europa".

Do que sentiu mais falta do Brasil na Madeira: 
"Principalmente, senti falta da família. Também senti falta do clima e da comida. O macarrão não é igual ao do Brasil (risos). No entanto, a Madeira também tem coisas maravilhosas: o bolo do caco e a poncha são imperdíveis".

As melhores recordações da ilha: 
"Guardo as melhores recordações da Madeira e do Marítimo. As pessoas são extraordinárias, o clube era fantástico. Infelizmente, só tenho jeito para o samba, não consegui dançar o bailinho. Tenho amigos que ‘acabavam com a sola do sapato’ e tentavam-me ensinar, mas nunca consegui (risos)".

Empréstimo encaminhou Raúl para o sucesso: 
"Agradeço ao presidente Carlos Pereira por me ter dado a mão muitas vezes. Aquele empréstimo ao Ceará foi das coisas melhores que me aconteceu. Percebi que me tinha de dedicar mais e que os vários puxões de orelha do presidente do Marítimo eram para me fazer crescer como profissional e como pessoa".

A fase das expulsões no Marítimo: 
"Infelizmente tive uma época em que fiquei conhecido pelas expulsões. Foi muito complicado limpar essa imagem. Era uma questão de mentalidade, vi sempre o jogo desde pequeno como: ‘ou matas ou morres’. Felizmente já vejo o jogo de outra forma".

A oportunidade de representar o SC Braga: 
"Lembro-me como fosse hoje, pensei que estavam a brincar comigo. Desde o primeiro ano que joguei em Portugal, achei o SC Braga um clube espetacular. Comentava com os meus amigos que um clube que eu escolhia de olhos fechados era o SC Braga. Tive outras propostas, mas nem quis ouvir, o SC Braga era um desejo meu".

Primeiro ano no SC Braga foi o melhor da carreira: 
"Só faltou um título àquela equipa. Sabia tudo o que tinha de fazer de olhos fechados. A nossa equipa era só craques, eu até dizia para mim mesmo: ‘o que estou aqui a fazer?’. Ia para os jogos e já sabia que ia ganhar só não sabia quem ia fazer os golos. Graças a essa equipa consegui adaptar-me facilmente ao SC Braga. Acredito que foi o melhor ano da minha carreira".

A brincadeira com os avançados que faziam menos golos: 
"Na primeira época ainda brinquei com os avançados que tinham de aprender comigo a fazer golos. Eu falava para eles: ‘só fala comigo quem tiver mais golos que eu’ (risos)".

Promessa se o SC Braga for campeão nacional: 
"Prometi que se o SC Braga for campeão vou tatuar o Bom Jesus no meu corpo. Sou muito católico e, caso aconteça, vou fazer isso para agradecer a Deus e para ficar registado esse momento importante da minha carreira. Sinto que isso vai acontecer mais tarde ou mais cedo".

A alcunha de Sid: 
"Porque eu sou muito bonito (risos). Foi um apelido que me deram em 2012, de uma das personagens da Idade do Gelo. Nunca entendi, mas acho a personagem muito bonita, é um bichinho muito engraçadinho, muito bonito".

A conquista da Taça da Liga: 
"Era o que faltava para esta geração de jogadores. Nestes últimos três anos demos muitas alegrias aos adeptos, mas nunca tínhamos ganho nada. Ter conseguido roubar a Taça da Liga aos grandes era tudo o que ambicionávamos. Conseguimos concretizar um dos desejos do presidente para esta temporada, foi um momento especial".

em: https://www.record.pt/futebol/futebol-nacional/liga-nos/sp--braga/detalhe/-a-promessa-de-raul-silva-se-o-braga-for-campeao-vou-tatuar-o-bom-jesus?ref=Sp.%20Braga_DestaquesPrincipais
Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 24230
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #121 em: 20 de Abril de 2020, 17:41 »


"'Roubar' a Taça da Liga aos grandes era tudo o que ambicionávamos", realça Raul

Central assume estar feliz em Braga


Raul Silva assume estar feliz em Braga e não espera deixar tão cedo o emblema que, desde que chegou a Portugal, lhe cativou o olhar.

"Desde o primeiro ano que joguei em Portugal, achei o SC Braga um clube espetacular. Comentava com os meus amigos que um clube que eu escolhia de olhos fechados era o SC Braga. Tive outras propostas, mas nem quis ouvir, o SC Braga era um desejo meu", afirmou Raul Silva.

O central explica ainda que quando soube do interesse dos minhotos quis logo assinar.

"Lembro-me como fosse hoje, pensei que estavam a brincar comigo", realça Raul Silva.

Em entrevista ao site oficial do SC Braga, o central deixou ainda uma promessa aos adeptos, na eventualidade dos minhotos conquistarem o título de campeão nacional.

"Prometi que se o SC Braga for campeão vou tatuar o Bom Jesus no meu corpo. Sou muito católico e, caso aconteça, vou fazer isso para agradecer a Deus e para ficar registado esse momento importante da minha carreira. Sinto que isso vai acontecer mais tarde ou mais cedo".

Há várias épocas na 'Pedreira' Raul Silva destaca a importância da vitória na Taça da Liga, em janeiro, quando a competição se despediu da cidade bracarense.

"Nestes últimos três anos demos muitas alegrias aos adeptos, mas nunca tínhamos ganho nada", lembra o central brasileiro.

Por isso, ter conseguido "roubar a Taça da Liga aos grandes era tudo o que ambicionávamos".

"Conseguimos concretizar um dos desejos do presidente para esta temporada, foi um momento especial", destaca Raul Silva, que falou também sobre o começo da carreira, os primeiros anos no Marítimo e até a forma como gosta de passar os tempos livres.

em: https://bancada.pt/futebol/portugal/tive-outras-propostas-mas-nem-quis-ouvir-pensei-que-estavam-a-brincar-comigo
Anuncios M
Anuncios M
Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 24230
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #122 em: 21 de Abril de 2020, 07:23 »
Pisar o relvado na segunda-feira

Regresso aos treinos num regime limitado está a ser considerado para o próximo dia 27


Os jogadores do Sp. Braga devem voltar a sentir o cheiro da relva cortada na próxima 2ª feira, dia 27. De acordo com as informações recolhidas por Record, esta é uma possibilidade que está a ser considerada pelos (...)

em: https://www.record.pt/futebol/futebol-nacional/liga-nos/sp--braga/detalhe/pisar-o-relvado-na-segunda-feira?ref=Sp.%20Braga_DestaquesPrincipais
Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 24230
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #123 em: 21 de Abril de 2020, 09:34 »
A nova fortaleza de Braga (SC Braga)

Foi preciso esperar 23 jornadas e assistir à aposta em nove conjugações de duplas ou trios de centrais para ver, juntos no eixo defensivo de um onze inicial, os três gigantes Bruno Viana (1,87 m), Raul Silva (1,87 m) e David Carmo (1,96).

Aconteceu frente ao Marítimo (vitória bracarense por 2-1), no Funchal, naquele que seria o último duelo com Rúben Amorim no comando; e aconteceu, novamente, na 24.ª ronda, na vitória em casa diante do Portimonense (3-1), naquele que seria o primeiro encontro de Custódio Castro como treinador principal, o seu único jogo, uma vez que logo depois todas as competições foram suspensas devido ao Covid-19.

Antes, como já referido, o SC Braga experimentara nove conjugações diferentes, primeiro nas duplas de Sá Pinto, depois nos trios de Amorim, tendo sido usados oito centrais no total, isto contabilizando somente as partidas da Liga - Bruno Viana é  que soma mais jogos (21), seguido de Pablo Santos (10) e David Carmo (8).

Tendo em conta o valor dos três centrais atuais, tudo indica que está encontrada a nova fortaleza de Braga, sendo verdade que parte da explicação para só mais recentemente terem ido a jogo também se deveu a lesões e castigos.

em: https://www.abola.pt/Clubes/2020-04-21/sc-braga-a-nova-fortaleza-de-braga/840666/471
Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 24230
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #124 em: 21 de Abril de 2020, 14:45 »
«Sinto que isso vai acontecer mais tarde ou mais cedo»

Estará para breve segundo Raul Silva. Numa entrevista ao jornal O Jogo, o defesa-central brasileiro confessou sentir que o primeiro campeonato da história do SC Braga está perto de chegar ao Minho. Depois de recuperar outros momentos da sua vida, o jogador de 30 anos admitiu que fez mesmo uma jura caso se suceda o tão ansiado título:

«Prometi que se o Braga for campeão vou tatuar o Bom Jesus no meu corpo. Sou muito católico e, caso aconteça, vou fazer isso para agradecer a Deus e para ficar registado esse momento importante da minha carreira.  Sinto que isso vai acontecer mais cedo ou mais tarde», proferiu. 

O defesa recuperou ainda a conquista mais recente dos guerreiros, dizendo tratar-se de um feito que coroou um trabalho continuado:  «Era o que faltava para esta geração de jogadores. Nestes últimos três anos demos muitas alegrias aos adeptos, mas nunca tínhamos ganho nada. Ter conseguido roubar a Taça da Liga aos grandes era tudo o que ambicionávamos. Conseguimos concretizar um dos desejos do presidente para esta temporada, foi um momento especial».

Sobre a sua primeira época, com Abel Ferreira no leme, Raul Silva foi objetivo no que à qualidade daquele plantel diz respeito: «Só faltou um título àquela equipa, sabia de olhos fechados tudo o que tinha a fazer. A nossa equipa era só craques, até dizia para mim mesmo: ´o que estou aqui a fazer?`. Ia para os jogos e já sabia que ia ganhar, só não sabia quem ia fazer os golos. Acredito que foi o melhor ano da minha carreira», completou.

em: https://www.zerozero.pt/news.php?id=282939
Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 24230
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #125 em: 22 de Abril de 2020, 06:31 »
Wallace doa cabazes de alimentos no Brasil

Defesa-central do Sp. Braga enviou ajuda para a sua terra natal, que tem sido distribuída por familiares


Wallace, defesa-central do Sp. Braga, juntou-se à grande onda de solidariedade que se tem verificado um pouco por todo o Mundo, numa altura em que a humanidade luta para vencer o coronavírus. 

O jogador brasileiro, de 25 anos, tomou a iniciativa de ajudar famílias necessitadas na região onde cresceu. Uma vez que se encontra em Braga, têm sido os seus familiares a distribuir cabazes de alimentos por quem mais precisa.

"Hoje foi dia de doar e entregar cestas básicas na nossa área. Feliz pelo trabalho! Neste momento são 2.655 quilos de alimentos. Se Deus quiser não paramos por aqui", escreveu, na sua conta do Instagram. "Obrigado família por abraçar essa causa ao meu lado, feliz por ver que a nossa boa ação foi realizada com sucesso. Com as nossas doações espero ter ajudado muitas famílias. Obrigado meu Deus. Não paramos por aqui", escreveu ainda, já num 'insta story'.

Wallace é natural do Rio de Janeiro e tem 16 jogos realizados ao longo desta temporada ao serviço do Sp. Braga. O defesa está no Minho emprestado pelos italianos da Lazio.

Por André Gonçalves

em: https://www.record.pt/futebol/futebol-nacional/liga-nos/sp--braga/detalhe/wallace-doa-cabazes-de-alimentos-no-brasil?ref=Sp.%20Braga_DestaquesPrincipais
Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 24230
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #126 em: 22 de Abril de 2020, 08:30 »
Trincão cumprirá as ‘horas extras’ em Braga

Só rumará a Barcelona depois de terminada a época, mesmo que esta se prolongue até julho


É um dado adquirido que Trincão só irá para o Barcelona após o final da presente temporada, mesmo que isso venha a acontecer apenas já no decurso do próximo mês de julho, pelo que irá dar (...)

em: https://www.record.pt/futebol/futebol-nacional/liga-nos/sp--braga/detalhe/trincao-cumprira-as-horas-extras-em-braga?ref=Sp.%20Braga_DestaquesPrincipais
Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 24230
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #127 em: 22 de Abril de 2020, 12:51 »
"Medo de perder é maior do que a coragem em ganhar com qualidade", diz Paulinho

"Medo de perder é maior do que a coragem em ganhar com qualidade", diz Paulinho

Avançado do SC Braga fala ainda do impacto no grupo por ser treinado numa só época por vários técnicos

Referência atacante do SC Braga, Paulinho concorda que não é uma situação normal ser treinado numa só época por vários técnicos como tem acontecido aos minhotos. Ainda assim, o avançado destaca a qualidade do plantel bracarense para enfrentar os desafios.

"Não é a situação mais desejável para todos, isso está à vista de toda a gente, mas os jogadores de futebol têm de estar preparados para isso", refere Paulinho, ciente de que o futebol "é uma indústria em que, a qualquer momento, o treinador é vendido".

"Este ano, o clube já vendeu dois [ri-se]" Paulinho, falando depois sobre a forma como se joga futebol na Liga portuguesa.

"O medo de perder é maior do que a coragem e a crença em ganhar com qualidade", analisa, aconselhando os clubes em Portugal a apostarem num futebol mais atrativo até porque, diz, "nenhum jogador gosta de estar 90 minutos a correr atrás da bola".

"Nenhum fez formação para isso", realça o avançado do SC Braga, em entrevista à 'Tribuna Expresso', destacando ser necessário "mudar a mentalidade de alguns clubes".

"Acredito que, quando começam a carreira, os treinadores querem praticar bom futebol e ter as equipas a jogarem bom futebol. Agora, é preciso também dar confiança aos jogadores e ao treinador para porem isso em prática", explica Paulinho.

em: https://bancada.pt/futebol/portugal/medo-de-perder-e-maior-do-que-a-coragem-em-ganhar-com-qualidade-diz-paulinho
Anuncios M
Anuncios M
Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 24230
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #128 em: 23 de Abril de 2020, 10:54 »
Heróis da resistência apontam à retoma (SC Braga)

Estiveram em quase todas as lutas até ao momento e estarão, decerto, no campo de batalha quando, enfim, chegar a tão desejada retoma. Cinco guerreiros do Minho estão entre os mais utilizados por todos os treinadores que passaram pelo SC Braga na presente temporada. Eram imprescindíveis para Sá Pinto, foram-no, também, para Rúben Amorim e estiveram entre as opções do único duelo comandado por Custódio.

E à cabeça desta lista de resistentes surge o nome do defesa-central Bruno Viana, 41 vezes titular (28 com Sá Pinto, 12 com Rúben Amorim e 1 com Custódio Castro) na presente temporada, entre Liga, Taças da Liga e de Portugal e Liga Europa. Logo depois, vem Ricardo Horta, no onze inicial 39 vezes (28 SP, 10 RA e 1 CC), e o incansável lateral Ricardo Esgaio, com 38 titularidades (25 SP, 12 RA e 1 CC). A fechar este conjunto de cinco magníficos estão o médio João Palhinha, com 34 (24 SP, 9 RA e 1 CC), e o atacante Paulinho, com 33 (21 SP, 11 RA e 1 CC).

Pelo meio, uns houve que perderam espaço na equipa, após a passagem de testemunho de Ricardo Sá Pinto para Rúben Amorim - casos dos defesas Pablo Santos e Lucas, do lateral Diogo Viana, do extremo Galeno ou do médio-ofensivo André Horta -, enquanto outros conquistaram lugar - como o jovem defesa David Carmo e o atacante Trincão, ambos da formação bracarense, ou o regressado Fransérgio.

A luzinha ao fundo do túnel começa a ser visível. Na mente de todos está o regresso à competição para o ataque final ao objetivo de terminar em terceiro lugar. E o núcleo duro composto por Bruno Viana, Ricardo Horta, Esgaio, Palhinha e Paulinho, seguramente, lá estará. Para já, ao que tudo indica, a próxima segunda-feira poderá ficar marcada pelo regresso aos treinos, obviamente com vários condicionamentos.

em: https://www.abola.pt/Clubes/2020-04-23/sc-braga-herois-da-resistencia-apontam-a-retoma/841058/471
Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 24230
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #129 em: 23 de Abril de 2020, 11:46 »
Definido protocolo para regresso ao trabalho

De férias em confinamento social desde o passado dia 6 de abril, o plantel do SC Braga regressa na próxima segunda-feira ao trabalho, fazendo uso exclusivo da Cidade Desportiva.

Para o efeito, foi estabelecido um protocolo de retoma, que prevê a realização de dois testes a jogadores, treinadores e staff já esta sexta-feira.

«O resultado destes dois tipos de testes, a realizar por laboratório externo e certificado para o efeito, é condição essencial para o regresso ao trabalho de cada jogador e de cada membro do staff», lê-se no protocolo publicado no site do clube.

Protocolo do SC Braga:

Concluído o período de férias em confinamento social que decorre desde 6 de abril e termina esta sexta-feira, a equipa principal de futebol do SC Braga vai regressar aos treinos na próxima segunda-feira, dia 27, tendo estabelecido para o efeito um protocolo de retoma em total concordância com o decreto-lei n.º 14-A/2020, que à luz da revisão de 2 de abril permite a prática desportiva para os atletas profissionais.

O protocolo de retoma do SC Braga tem ainda em conta todas as recomendações das autoridades sanitárias e garante a jogadores, treinadores e ao staff necessário para as atividades da equipa totais condições de higiene e segurança em toda a Cidade Desportiva, que passa a ser a estrutura de trabalho da equipa principal e que no futuro próximo funcionará de forma exclusiva e dedicada para esta formação.

Antes do regresso aos treinos individualizados, o SC Braga vai proceder, esta sexta-feira, ao rastreio de todos os atletas e funcionários a envolver na logística de treino, de forma a validar a sua reintegração na retoma da atividade. O resultado destes dois tipos de testes, a realizar por laboratório externo e certificado para o efeito, é condição essencial para o regresso ao trabalho de cada jogador e de cada membro do staff, procedendo-se da seguinte forma:

·         Teste da Zaragatoa/PCR com colheita nasofaríngea (para testar infeção ativa) e teste serológico/picada de sangue (para testar imunidade);

·         No piso superior da Cidade Desportiva (junto ao parque de estacionamento) haverá três bancas de colheita, amplamente separadas entre si para permitir a segregação dos elementos a testar. Todos os jogadores e elementos do staff receberão previamente a informação da banca de colheita à qual se devem dirigir e após a realização dos testes aguardarão na viatura pelo resultado do teste serológico, recebendo mais tarde o resultado do teste da zaragatoa.

Sendo o resultado negativo nos testes condição essencial para o regresso, o protocolo de retoma prevê ainda um vasto conjunto de medidas para assegurar que a logística em torno da equipa garante totais condições higiénicas e sanitárias e respeita as orientações da Direção-Geral da Saúde.

Assim, será feita a higienização prévia e regular de todo o edifício da Cidade Desportiva, bem como dos circuitos externos e das instalações de treino, respeitando-se ainda as normas de distanciamento social e o uso de material de proteção individual. Não será permitida a utilização de elevadores, pelo que serão abertos todos os circuitos de passagem (para evitar contacto com puxadores e interruptores) e colocados pontos de gel desinfetante em vários locais estratégicos.

Estando obviamente proibido o acesso à Cidade Desportiva por elementos externos à estrutura profissional do SC Braga, haverá também áreas restritas e serão definidos circuitos para reduzir ao máximo as áreas de contacto dos atletas. Para além de sinalética e fitas delimitadoras, todos os atletas saberão previamente os circuitos que devem efetuar à chegada, no percurso para o campo de treino e no regresso do mesmo, que prevê ainda áreas de depósito do calçado e diferentes escadas de acesso.

Todos os jogadores preencherão questionários regulares para avaliar sinais de infeção relativos aos próprios e aos elementos próximos ou coabitantes e serão sujeitos, diariamente, a medição da temperatura corporal à entrada na Cidade Desportiva, para registo e controlo do Departamento Médico e com protocolo estabelecido em função de eventual situação anómala.

A Cidade Desportiva dispõe de dez balneários, mas nesta primeira fase os treinos de campo serão individualizados. Para tal, estão definidos dois horários de treino (9h30 e 11h15) e serão utilizados sete campos, dois deles para treino específico de guarda-redes e para trabalho muscular, sempre que necessário. Cada jogador receberá, de véspera, informação precisa sobre o seu horário de treino e o seu campo.

A distância mínima de 10 metros entre jogadores/treinadores será sempre verificada, sendo que cada atleta terá a sua própria bola e o seu próprio material de treino. Para reposição hídrica, serão colocadas garrafas individuais em cada canto dos campos de treino.

Durante este período, o SC Braga vai manter o serviço de entrega de refeições no domicílio e continuará a prestar todo o auxílio logístico de que os jogadores e as suas famílias necessitem. O cumprimento do protocolo de retoma elimina o potencial de contágio nas instalações do Clube, mas para a eficácia do mesmo é fundamental que fora do período de treino os atletas e os membros do staff cumpram o isolamento social.

O SC Braga respeitará as deliberações legislativas e as indicações das autoridades sanitárias para a transição, logo que possível, para a fase de treinos de grupo com contacto.

A equipa principal de futebol é a única estrutura do SC Braga a regressar ao trabalho nesta fase, recorrendo apenas a um grupo de funcionários muito restrito para a logística dos treinos. Toda a restante estrutura do Clube e da SAD, incluindo todos os departamentos e todas as equipas desportivas, continuarão a cumprir, até final do mês de maio, as normas em vigor para isolamento social.

em: https://www.abola.pt/Clubes/2020-04-23/sc-braga-definido-protocolo-para-regresso-ao-trabalho/841105/471
Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 24230
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #130 em: 23 de Abril de 2020, 11:48 »
Braga prestes a voltar aos treinos: conheça todas as limitações e medidas preparadas

Na sexta-feira todos os atletas e funcionários farão testes de infeção e imunidade. Na segunda-feira arranca o trabalho individualizado na Cidade Desportiva.

O Braga vai regressar aos treinos na segunda-feira, 27 de abril, e há uma série de medias que vão ser tomadas de modo a cumprir as recomendações das autoridades sanitárias face à pandemia da covid-19.

Ainda antes do regresso ao trabalho no relvado, todos os jogadores e funcionários do clube vão realizar testes para "validar a sua reintegração na retoma da atividade": Teste da Zaragatoa/PCR com colheita nasofaríngea (para testar infeção ativa) e teste serológico/picada de sangue (para testar imunidade).

Estes testes serão feitos no piso superior da Cidade Desportiva (junto ao parque de estacionamento), onde haverá três bancas de colheita.

As instalações da Cidade Desportiva dos arsenalistas , bem como os circuitos externos e as instalações de treino, serão higienizadas, as regras de distanciamento social serão cumpridas e também será utilizado material de proteção individual por parte dos elementos da estrutura do clube. Elevadores não poderão ser utilizados, pelo que serão abertos todos os circuitos de passagem (para evitar contacto com puxadores e interruptores), e vão ser colocados pontos de gel desinfetante em vários locais estratégicos.

No regresso ao trabalho, serão definidos circuitos específicos para reduzir ao máximo as áres de contacto entre as pessoas e os jogadores serão previamente informados dos circuitos que devem efetuar à chegada, no percurso para o campo de treino e no regresso. Haverá também uma área para o depósito de calçado.

Os jogadores terão de responder a questionários regulares para avaliar sinais de infeção e vão ser sujeitos a medições diárias de temperatuca corpoal.

Relativamente aos horários dos treinos, haverá um a começar às 9h30 e outro às 11h15, sendo que serão utilizados sete campos - dois deles para trabalho dos guarda-redes e trabalho muscular -, de forma a permitir o trabalho individualizado e o mínimo de contacto entre os profissionais, que se pretende que seja sempre de, pelo menos, dez metros. Cada jogador terá direito a uma bola e ao próprio material de treino.

Os bracarenses informam ainda que, logo que possível, será feita a transição para a fase de treinos em grupo, mas, por enquanto, apenas um grupo muito restrito de funcionários estára envolvido no processo.

em: https://www.ojogo.pt/futebol/1a-liga/braga/noticias/braga-prestes-a-voltar-aos-treinos-conheca-todas-as-limitacoes-e-medidas-preparadas-12106999.html
Anuncios G
Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 24230
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #131 em: 23 de Abril de 2020, 11:49 »
Sp. Braga prepara-se para regressar ao trabalho: rastreios aos jogadores na sexta e treinos na 2.ª

O Sp. Braga revelou, esta quinta-feira, que irá regressar aos treinos nos relvados já na próxima segunda-feira, confirmando a notícia que Record tinha avançado há alguns dias. Mas esse regresso aos treinos será marcado por fortes medidas de segurança, necessárias devido à pandemia do coronavírus.

O protocolo dos minhotos passa pela realização de dois testes a jogadores, treinadores e staff já amanhã, sexta-feira: "o teste da Zaragatoa/PCR com colheita nasofaríngea (para testar infeção ativa) e teste serológico/picada de sangue (para testar imunidade)", conforme explica a nota divulgada no site dos arsenalistas.

O Sp. Braga assegura que "o resultado negativo nos testes é condição essencial para o regresso" e lembra que, mesmo assim, serão sempre tomadas medidas adicionais que assegurem todas as condições higiénicas e sanitárias.

"Todos os jogadores preencherão questionários regulares para avaliar sinais de infeção relativos aos próprios e aos elementos próximos ou coabitantes e serão sujeitos, diariamente, a medição da temperatura corporal à entrada na Cidade Desportiva", refere o comunicado do Sp. Braga.

O trabalho da equipa de Custódio será realizado na Cidade Desportiva, que ficará reservada a este conjunto. Será feita uma higienização de todos os espaços e circuitos exteriores, os elevadores não poderão ser utilizados e serão colocados depósitos de gel desinfetante em vários pontos.

O Sp. Braga pretende reduzir ao máximo o contacto entre jogadores, pelo que serão definidas "áreas restritas e circuitos" e cada jogador saberá de véspera que circuito terá de fazer e em que campo e horário irá treinar.

Isto porque os treinos serão individualizados, entre dois horários (9h30 e 11h15) e serão utilizados sete campos distintos. "A distância mínima de 10 metros entre jogadores/treinadores será sempre verificada, sendo que cada atleta terá a sua própria bola e o seu próprio material de treino", explica o Sp. Braga.

"O cumprimento do protocolo de retoma elimina o potencial de contágio nas instalações do clube, mas para a eficácia do mesmo é fundamental que fora do período de treino os atletas e os membros do staff cumpram o isolamento social", reforça o clube.

em: https://www.record.pt/futebol/futebol-nacional/liga-nos/sp--braga/detalhe/sp-braga-prepara-se-para-regressar-ao-trabalho-rastreios-aos-jogadores-na-sexta-e-treinos-na-2?ref=Sp.%20Braga_DestaquesPrincipais
Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 24230
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #132 em: 23 de Abril de 2020, 11:51 »
SC Braga volta aos treinos segunda-feira e todo o plantel vai realizar testes à Covid-19

O SC Braga vai regressar aos treinos na próxima segunda-feira, dia 27 de abril. Segundo o comunicado enviado pelo emblema bracarense, toda a comitiva bracarense vai ser alvo de rastreio à Covid-19.

«Concluído o período de férias em confinamento social que decorre desde 6 de abril e termina esta sexta-feira, a equipa principal de futebol do SC Braga vai regressar aos treinos na próxima segunda-feira, dia 27 [...]. O protocolo de retoma do SC Braga tem ainda em conta todas as recomendações das autoridades sanitárias e garante a jogadores, treinadores e ao staff necessário para as atividades da equipa totais condições de higiene e segurança em toda a Cidade Desportiva, que passa a ser a estrutura de trabalho da equipa principal e que no futuro próximo funcionará de forma exclusiva e dedicada para esta formação.

Antes do regresso aos treinos individualizados, o SC Braga vai proceder, esta sexta-feira, ao rastreio de todos os atletas e funcionários a envolver na logística de treino, de forma a validar a sua reintegração na retoma da atividade. O resultado destes dois tipos de testes, a realizar por laboratório externo e certificado para o efeito, é condição essencial para o regresso ao trabalho de cada jogador e de cada membro do staff, procedendo-se da seguinte forma:

Teste da Zaragatoa/PCR com colheita nasofaríngea (para testar infeção ativa) e teste serológico/picada de sangue (para testar imunidade);

Sendo o resultado negativo nos testes condição essencial para o regresso, o protocolo de retoma prevê ainda um vasto conjunto de medidas para assegurar que a logística em torno da equipa garante totais condições higiénicas e sanitárias e respeita as orientações da Direção-Geral da Saúde».

No que respeita à realização dos treinos, estes serão, para já, individuais, com distância de 10 metros entre os jogadores, e divididos em sete campos.

«A Cidade Desportiva dispõe de dez balneários, mas nesta primeira fase os treinos de campo serão individualizados. Para tal, estão definidos dois horários de treino (9h30 e 11h15) e serão utilizados sete campos, dois deles para treino específico de guarda-redes e para trabalho muscular, sempre que necessário. Cada jogador receberá, de véspera, informação precisa sobre o seu horário de treino e o seu campo.

A distância mínima de 10 metros entre jogadores/treinadores será sempre verificada, sendo que cada atleta terá a sua própria bola e o seu próprio material de treino. Para reposição hídrica, serão colocadas garrafas individuais em cada canto dos campos de treino.

Durante este período, o SC Braga vai manter o serviço de entrega de refeições no domicílio e continuará a prestar todo o auxílio logístico de que os jogadores e as suas famílias necessitem. O cumprimento do protocolo de retoma elimina o potencial de contágio nas instalações do Clube, mas para a eficácia do mesmo é fundamental que fora do período de treino os atletas e os membros do staff cumpram o isolamento social».

em: https://www.zerozero.pt/news.php?id=283081


---------------------


Eis o plano do SC Braga para regressar aos treinos

O SC Braga vai regressar aos treinos no relvado na segunda-feira, individualizados nesta fase, após interrupção de quase um mês e meio devido à pandemia de covid-19, anunciou hoje o terceiro classificado da I Liga de futebol.

Antes do regresso aos treinos individualizados, após um período de férias em confinamento social desde 06 de abril, o clube vai proceder, já na sexta-feira, ao rastreio de todos os atletas e funcionários a envolver na logística de treino, de forma a validar a sua reintegração na retoma da atividade.

O resultado dos dois tipos de testes a efetuar (com zaragatoa para testar infeção ativa e serológico para testar imunidade), a realizar por laboratório externo e certificado para o efeito, é "condição essencial para o regresso ao trabalho de cada jogador e de cada membro do staff", frisa o clube, em nota publicada no sítio oficial na Internet.

O SC Braga informa ainda que "todos os jogadores preencherão questionários regulares para avaliar sinais de infeção relativos aos próprios e aos elementos próximos ou coabitantes e serão sujeitos, diariamente, a medição da temperatura corporal à entrada na cidade desportiva".

A cidade desportiva do SC Braga dispõe de dez balneários, mas nesta primeira fase os treinos de campo serão individualizados, estando definidos dois horários (09:30 e 11:15), e serão utilizados sete campos, dois deles para treino específico de guarda-redes e para trabalho muscular, sempre que necessário.

"A distância mínima de 10 metros entre jogadores/treinadores será sempre verificada, sendo que cada atleta terá a sua própria bola e o seu próprio material de treino. Para reposição hídrica, serão colocadas garrafas individuais em cada canto dos campos de treino", detalha.

A transição para "a fase de treinos de grupo com contacto" acontecerá após "deliberações legislativas e as indicações das autoridades sanitárias".

Todo o edifício da cidade desportiva será higienizado previamente, bem como os circuitos externos e as instalações de treino, e serão respeitadas as normas de distanciamento social e o uso de material de proteção individual, impedindo-se a utilização de elevadores e mantidos abertos todos os circuitos de passagem para evitar contacto com puxadores e interruptores, assim como colocados pontos de gel desinfetante em vários locais estratégicos.

O protocolo de retoma do SC Braga abrange jogadores, treinadores e staff necessário para as atividades da equipa, garantindo-lhes "totais condições de higiene e segurança em toda a cidade desportiva, que passa a ser a estrutura de trabalho da equipa principal e que no futuro próximo funcionará de forma exclusiva e dedicada para esta formação".

O SC Braga vai manter o serviço de entrega de refeições no domicílio durante este período e continuará a prestar todo o auxílio logístico aos jogadores e respetivas famílias.

O clube liderado por António Salvador refere ainda que a equipa principal de futebol é a única estrutura do SC Braga a regressar ao trabalho nesta fase, recorrendo apenas a um grupo de funcionários muito restrito para a logística dos treinos.

"O cumprimento do protocolo de retoma elimina o potencial de contágio nas instalações do clube, mas para a eficácia do mesmo é fundamental que fora do período de treino os atletas e os membros do staff cumpram o isolamento social", alerta.

Portugal regista 785 mortos associados à covid-19 em 21.982 casos confirmados de infeção, segundo o boletim diário da Direção-Geral da Saúde (DGS) sobre a pandemia.

Portugal cumpre o terceiro período de 15 dias de estado de emergência, iniciado em 19 de março, e o decreto presidencial que prolongou a medida até 02 de maio prevê a possibilidade de uma "abertura gradual, faseada ou alternada de serviços, empresas ou estabelecimentos comerciais".

em: https://bancada.pt/futebol/portugal/sc-braga-regressa-na-segunda-feira-aos-treinos
« Última modificação: 23 de Abril de 2020, 14:14 por Lipeste »
Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 24230
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #133 em: 23 de Abril de 2020, 11:57 »
SC BRAGA REGRESSA COM PROTOCOLO DE RETOMA


Concluído o período de férias em confinamento social que decorre desde 6 de abril e termina esta sexta-feira, a equipa principal de futebol do SC Braga vai regressar aos treinos na próxima segunda-feira, dia 27, tendo estabelecido para o efeito um protocolo de retoma em total concordância com o decreto-lei n.º 14-A/2020, que à luz da revisão de 2 de abril permite a prática desportiva para os atletas profissionais.

O protocolo de retoma do SC Braga tem ainda em conta todas as recomendações das autoridades sanitárias e garante a jogadores, treinadores e ao staff necessário para as atividades da equipa totais condições de higiene e segurança em toda a Cidade Desportiva, que passa a ser a estrutura de trabalho da equipa principal e que no futuro próximo funcionará de forma exclusiva e dedicada para esta formação.

Antes do regresso aos treinos individualizados, o SC Braga vai proceder, esta sexta-feira, ao rastreio de todos os atletas e funcionários a envolver na logística de treino, de forma a validar a sua reintegração na retoma da atividade. O resultado destes dois tipos de testes, a realizar por laboratório externo e certificado para o efeito, é condição essencial para o regresso ao trabalho de cada jogador e de cada membro do staff, procedendo-se da seguinte forma:

Teste da Zaragatoa/PCR com colheita nasofaríngea (para testar infeção ativa) e teste serológico/picada de sangue (para testar imunidade);

No piso superior da Cidade Desportiva (junto ao parque de estacionamento) haverá três bancas de colheita, amplamente separadas entre si para permitir a segregação dos elementos a testar. Todos os jogadores e elementos do staff receberão previamente a informação da banca de colheita à qual se devem dirigir e após a realização dos testes aguardarão na viatura pelo resultado do teste serológico, recebendo mais tarde o resultado do teste da zaragatoa.

Sendo o resultado negativo nos testes condição essencial para o regresso, o protocolo de retoma prevê ainda um vasto conjunto de medidas para assegurar que a logística em torno da equipa garante totais condições higiénicas e sanitárias e respeita as orientações da Direção-Geral da Saúde.

Assim, será feita a higienização prévia e regular de todo o edifício da Cidade Desportiva, bem como dos circuitos externos e das instalações de treino, respeitando-se ainda as normas de distanciamento social e o uso de material de proteção individual. Não será permitida a utilização de elevadores, pelo que serão abertos todos os circuitos de passagem (para evitar contacto com puxadores e interruptores) e colocados pontos de gel desinfetante em vários locais estratégicos.

Estando obviamente proibido o acesso à Cidade Desportiva por elementos externos à estrutura profissional do SC Braga, haverá também áreas restritas e serão definidos circuitos para reduzir ao máximo as áreas de contacto dos atletas. Para além de sinalética e fitas delimitadoras, todos os atletas saberão previamente os circuitos que devem efetuar à chegada, no percurso para o campo de treino e no regresso do mesmo, que prevê ainda áreas de depósito do calçado e diferentes escadas de acesso.

Todos os jogadores preencherão questionários regulares para avaliar sinais de infeção relativos aos próprios e aos elementos próximos ou coabitantes e serão sujeitos, diariamente, a medição da temperatura corporal à entrada na Cidade Desportiva, para registo e controlo do Departamento Médico e com protocolo estabelecido em função de eventual situação anómala.

A Cidade Desportiva dispõe de dez balneários, mas nesta primeira fase os treinos de campo serão individualizados. Para tal, estão definidos dois horários de treino (9h30 e 11h15) e serão utilizados sete campos, dois deles para treino específico de guarda-redes e para trabalho muscular, sempre que necessário. Cada jogador receberá, de véspera, informação precisa sobre o seu horário de treino e o seu campo.

A distância mínima de 10 metros entre jogadores/treinadores será sempre verificada, sendo que cada atleta terá a sua própria bola e o seu próprio material de treino. Para reposição hídrica, serão colocadas garrafas individuais em cada canto dos campos de treino.

Durante este período, o SC Braga vai manter o serviço de entrega de refeições no domicílio e continuará a prestar todo o auxílio logístico de que os jogadores e as suas famílias necessitem. O cumprimento do protocolo de retoma elimina o potencial de contágio nas instalações do Clube, mas para a eficácia do mesmo é fundamental que fora do período de treino os atletas e os membros do staff cumpram o isolamento social.

O SC Braga respeitará as deliberações legislativas e as indicações das autoridades sanitárias para a transição, logo que possível, para a fase de treinos de grupo com contacto.

A equipa principal de futebol é a única estrutura do SC Braga a regressar ao trabalho nesta fase, recorrendo apenas a um grupo de funcionários muito restrito para a logística dos treinos. Toda a restante estrutura do Clube e da SAD, incluindo todos os departamentos e todas as equipas desportivas, continuarão a cumprir, até final do mês de maio, as normas em vigor para isolamento social.

em: www.scbraga.pt
Guerreiro03 Equipa Principal
  • *****
  • 1352
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #134 em: 24 de Abril de 2020, 15:12 »
"Tal como anunciado, o SC Braga levou a cabo, esta sexta-feira, a realização de dois testes aos jogadores, treinadores e staff de apoio à logística diária da equipa principal de futebol. O rastreio contemplou o teste da zaragatoa/PCR com colheita nasofaríngea e o teste serológico com picada de sangue.

No final das colheita, o Diretor Clínico do SC Braga, Dr. Vítor Moreira, detalhou o protocolo de retoma e a exaustiva preparação levada a cabo para o regresso do plantel aos treinos, ainda de forma individualizada, já na próxima segunda-feira, dia 27.

“O que estamos a fazer é a pedagogia do exemplo e o SC Braga quer ser o exemplo, não só porque está a cumprir escrupulosamente todas as recomendações das autoridades sanitárias como está a ser ainda mais ambicioso e rígido, numa opção consciente e que tem em conta que neste momento o mais importante é salvaguardar a segurança de todos: dos atletas, dos elementos do clube e das respetivas famílias”, anunciou o responsável clínico, resumindo: “O que estamos a fazer, fazemo-lo por todos: por nós, SC Braga, mas por toda a comunidade.”

Nesse sentido, o protocolo de retoma – documento entregue a todos os jogadores, treinadores e staff – é um manual de boas práticas que o Clube instituiu e que baliza os comportamentos a adoptar dentro e fora da Cidade Desportiva. “Criámos um documento com mais de uma dezena de páginas onde estão descritas as medidas que todos os atletas e todos os departamentos devem adoptar”, referiu o Dr. Vítor Moreira, que detalhou as regras a cumprir: “Readaptamos as instalações da Cidade Desportiva no sentido de minimizar o contacto e de impor restrição física. É sabido que todos os elementos só retomarão na 2ª feira mediante negatividade nos testes, pelo que criámos aqui um espaço esterilizado e de ambiente de contágio mínimo. E queremos mantê-lo. Nessa medida, houve uma higienização profunda das instalações, fizemos um briefing individual e distribuímos também a cada um o documento do protocolo de retoma que serve como manual de boas práticas.”

O dia de cada atleta começa com o preenchimento de um questionário e prossegue com um controlo de temperatura corporal na chegada à Cidade Desportiva, essencial para que se possa iniciar o circuito interno, também ele adaptado à nova realidade: “O circuito interno é unidirecional, não há qualquer cruzamento entre pessoas, mas todos os elementos estão também impedidos de contactar com qualquer corrimão e não vão ter igualmente necessidade de contactar com puxadores ou interruptores, porque o circuito está desimpedido e não há qualquer porta fechada.”

Para a direção do Departamento Médico do SC Braga, terá que haver “um grande reforço do código de conduta. O comportamento aqui dentro vai ter de mudar, não há partilhas de materiais desportivos e cada jogador terá a sua própria bola, higienizada, e que não pode ser partilhada. Também não faremos uso do ginásio, vamos colocar equipamento individual num dos campos, ao ar livre”, detalhou, sublinhando que até a saída do treino se fará com total segurança e sem circuitos cruzados: “No regresso, não sairão pela entrada, terão escadas laterais, precisamente para garantir o circuito unilateral e sem cruzamento entre pessoas.”

Perante um quadro progressivo, é salientada a obrigatoriedade de um comportamento social responsável. “O código de conduta não se aplica só aqui. Há que manter as medidas de proteção individual, essa é uma regra de ouro e mantém-se, o isolamento social é para cumprir e é importante que todos se mantenham em casa fora do momento do treino. A estrutura de apoio que temos garante que nada falta aos atletas, à imagem do que aconteceu até aqui, concluiu."



Enviado do meu Redmi Note 7 através do Tapatalk
Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 24230
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #135 em: 24 de Abril de 2020, 16:28 »
Jogadores já fizeram testes de Covid-19

O SC Braga pôs em prática na manhã desta sexta-feira o protocolo de retoma aos treinos, na próxima segunda-feira, que prevê a realização de dois testes a jogadores, treinadores e staff.

«O resultado destes dois tipos de testes, a realizar por laboratório externo e certificado para o efeito, é condição essencial para o regresso ao trabalho», lê-se no protocolo publicado no site do clube.

em: https://www.abola.pt/Clubes/2020-04-24/sc-braga-jogadores-ja-fizeram-testes-de-covid-19-fotos/841313/471
Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 24230
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #136 em: 24 de Abril de 2020, 16:32 »
Médico do Sp. Braga garante que clube está a "cumprir escrupulosamente as recomendações"

Os jogadores e treinadores da equipa principal do Sp. Braga, bem como os elementos do staff, realizaram hoje os testes à Covid-19, nas instalações da Cidade Desportiva: o teste da zaragatoa e o serológico. Vítor Moreira, diretor clínico dos arsenalistas, enaltece que o clube está a cumprir "escrupulosamente" as medidas de segurança.

"O que estamos a fazer é a pedagogia do exemplo e o Sp. Braga quer ser o exemplo, não só porque está a cumprir escrupulosamente todas as recomendações das autoridades sanitárias como está a ser ainda mais ambicioso e rígido, numa opção consciente e que tem em conta que neste momento o mais importante é salvaguardar a segurança de todos: dos atletas, dos elementos do clube e das respetivas famílias. O que estamos a fazer, fazemo-lo por todos: por nós, Sp. Braga, mas por toda a comunidade", referiu, aos meios de comunicação do clube.

Plantel do Sp. Braga faz testes ao Covid-19 para voltar ao trabalho

1 / 11 Plantel do Sp. Braga faz testes ao Covid-19 para voltar ao trabalho


O Sp. Braga entregou a cada jogador, técnicou ou funcionário o documento "com mais de uma dezena de páginas" onde constam todas as medidas de segurança que devem ser adotadas nesta fase em que os guerreiros se preparam para retomar os treinos no relvado, já esta segunda-feira.

"Readaptamos as instalações da Cidade Desportiva no sentido de minimizar o contacto e de impor restrição física. É sabido que todos os elementos só retomarão na 2.ª feira mediante negatividade nos testes, pelo que criámos aqui um espaço esterilizado e de ambiente de contágio mínimo. E queremos mantê-lo. Nessa medida, houve uma higienização profunda das instalações, fizemos um briefing individual e distribuímos também a cada um o documento do protocolo de retoma que serve como manual de boas práticas", explicou o médico arsenalista.

"O circuito interno é unidirecional, não há qualquer cruzamento entre pessoas, mas todos os elementos estão também impedidos de contactar com qualquer corrimão e não vão ter igualmente necessidade de contactar com puxadores ou interruptores, porque o circuito está desimpedido e não há qualquer porta fechada. O comportamento aqui dentro vai ter de mudar, não há partilhas de materiais desportivos e cada jogador terá a sua própria bola, higienizada, e que não pode ser partilhada. Também não faremos uso do ginásio, vamos colocar equipamento individual num dos campos, ao ar livre", referiu Vítor Moreira.

A forma como são estruturados os circuitos de circulação leva a que a saída, depois dos treinos, seja por outro lado. "No regresso, não sairão pela entrada, terão escadas laterais, precisamente para garantir o circuito unilateral e sem cruzamento entre pessoas."

"O código de conduta não se aplica só aqui. Há que manter as medidas de proteção individual, essa é uma regra de ouro e mantém-se, o isolamento social é para cumprir e é importante que todos se mantenham em casa fora do momento do treino. A estrutura de apoio que temos garante que nada falta aos atletas, à imagem do que aconteceu até aqui", assinalou ainda Vítor Moreira.

em: https://www.record.pt/futebol/futebol-nacional/liga-nos/sp--braga/detalhe/medico-do-sp-braga-garante-que-clube-esta-a-cumprir-escrupulosamente-as-recomendacoes?ref=Sp.%20Braga_DestaquesPrincipais
Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 24230
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #137 em: 26 de Abril de 2020, 11:29 »
Testes ao Covid-19 deram negativo, treinos retomados segunda-feira

Plantel, treinadores e staff de apoio do SC Braga submeteram-se esta semana a testes ao Covid-19, tanto para deteção do vírus como para avaliação de anticorpos e os dois tipos de testagem deram negativo.

Assim, refere o clube, há condições para recomeçar treinos na segunda-feira, com dois grupos «com treinos individuais e amplas medidas de proteção do grupo de trabalho». Antes de serem retomados os treinos coletivos haverá novos testes.

Eis o comunicado na íntetra: 

«Na sequência dos dois testes efetuados aos jogadores, treinadores e staff de apoio à logística da equipa principal de futebol, o SC Braga comunica que todos os resultados foram negativos, tanto no teste de infeção (zaragatoa/PCR) como no teste serológico de imunidade (IgC/IgM).

Os resultados obtidos permitem que todos os elementos possam reintegrar os trabalhos na Cidade Desportiva, já a partir desta segunda-feira, com o regresso da equipa principal aos treinos individuais e com amplas medidas de proteção do grupo de trabalho.

A operação de rastreio do plantel, dos técnicos e dos funcionários esteve a cabo do Laboratório de Análises Clínicas S. Lázaro, entidade externa e certificada para o efeito.

Recorde-se que o SC Braga elaborou um exaustivo protocolo de retoma, explicado também pelo Diretor Clínico, Dr. Vítor Moreira, e que aponta o Clube como um exemplo no regresso à atividade desportiva e no respeito para com todas as normas de segurança.

Na segunda-feira, e como já foi informado, o plantel será dividido em dois grupos e com sessões marcadas para as 9h30 e as 11h15, utilizando os sete campos à disposição na Cidade Desportiva, estrutura dedicada em exclusivo à equipa principal de futebol e onde não será permitida a entrada de qualquer elemento externo à mesma.

Plantel, treinadores e staff voltarão a ser testados antes da transição para a fase de treinos coletivos.»

em: https://www.abola.pt/Clubes/2020-04-25/sc-braga-testes-ao-covid-19-deram-negativo-treinos-retomados-segunda-feira/841461/471
Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 24230
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #138 em: 26 de Abril de 2020, 11:32 »
Braga dá conta dos resultados dos testes: tudo a postos para o regresso

Plantel volta aos treinos segunda-feira, rodeado de muitas medidas de proteção.


O plantel do Braga prepara o regresso aos treinos, agendado para segunda-feira, e ontem realizou um teste da zaragatoa/PCR com colheita nasofaríngea (para testar infeção ativa) e teste serológico/picada de sangue (para testar imunidade).

Este sábado, o clube minhoto deu conta que todos os resultados foram satisfatórios . "Na sequência dos dois testes efetuados aos jogadores, treinadores e staff de apoio à logística da equipa principal de futebol, o Braga comunica que todos os resultados foram negativos, tanto no teste de infeção (zaragatoa/PCR) como no teste serológico de imunidade (IgC/IgM)", surge escrito no site oficial.

"Os resultados obtidos permitem que todos os elementos possam reintegrar os trabalhos na Cidade Desportiva, já a partir desta segunda-feira, com o regresso da equipa principal aos treinos individuais e com amplas medidas de proteção do grupo de trabalho", acrescenta o Braga.

Segunda-feira, o plantel será dividido em dois grupos e com sessões marcadas para as 9h30 e as 11h15, utilizando os sete campos à disposição na Cidade Desportiva. Não será permitida a entrada de qualquer elemento externo à mesma.

"Plantel, treinadores e staff voltarão a ser testados antes da transição para a fase de treinos coletivos", recorda o clube.

em: https://www.ojogo.pt/futebol/1a-liga/braga/noticias/braga-da-conta-dos-resultados-dos-testes-todos-a-postos-para-o-regresso-12116398.html
Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 24230
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #139 em: 26 de Abril de 2020, 11:32 »
Galeno: o reforço que faltava em Braga

Estabilidade era a prioridade. Consolidar, ganhar rotinas, potencializar talento de um plantel equilibrado. Esta, de forma clara, a intenção dos dirigentes bracarenses aquando da construção do renovado plantel de 2019/2020. A missão foi cumprida sem reservas. Contratar de forma cirúrgica, promover jovens e fazer regressar algumas referências do passado.

Pois bem, hoje, olhando para o rendimento da equipa, a estrutura de um plantel onde o equilíbrio é uma das suas imagens de marca um nome se destaca dos restantes: Galeno. Por várias razões. É um nome que não fazia parte do figurino do passado recente, um reforço que chegou para se afirmar e… acrescentar qualidade no imediato.

Uma contratação eficaz, há muito referenciada pelos minhotos, que foram pacientes na hora de avançar pelo brasileiro que deixou o FC Porto - onde nunca se chegou a afirmar - e rubricar um contrato de longa duração com o SC Braga, de cinco épocas e com uma cláusula de 15 milhões de euros.

Aposta ganha. Galeno não necessitou de muitos jogos para conquistar um espaço. Tanto que é (de longe…) o reforço mais utilizado de 2019/2020. Cinco golos em 34 jogos. Distante de quem se segue nessa mesma lista, que é Rui Fonte com 29 partidas. Galeno poderá, ainda esta época, ultrapassar o melhor registo da carreira, números esses alcançados em Vila do Conde, na temporada anterior, na qual somou nove golos em 36 jogos.

Entre os 13 jogadores mais utilizados esta temporada pelo conjunto agora de Custódio Castro apenas o extremo Galeno entra na condição de reforço. Um sinal claro da linha de estabilidade idealizado no clube e que vem de anos anteriores.

Olhando para estes dados, podemos dizer que Galeno era o reforço que faltava em Braga. Outras novas armas também são justificadas por outros objetivos. Nomes como Eduardo, guarda-redes de 37 anos, que é uma referência no balneário, um importante elo com os mais novos, passando pelo regresso de Bruno Wilson a meio da temporada, um central formado em Braga que ganhou ritmo em Tondela, ou Tormena e Diogo Viana, contratados para serem alternativas a Sequeira ou Ricardo Esgaio nas laterais.

em:https://www.abola.pt/Clubes/2020-04-26/sc-braga-galeno-o-reforco-que-faltava-em-braga/841587/471
 

Anuncios M
Anuncios M