You are using an outdated browser. For a faster, safer browsing experience, upgrade for free today.
Anuncios
NOTÍCIAS DO ENORME SC BRAGA DO DIA 31/07
2 Respostas
587 Visualizações
0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.
Bruno3429 Equipa Principal
  • *****
  • 12976
  NOTÍCIAS DO ENORME SC BRAGA DO DIA 31/07
« em: 31 de Julho de 2019, 09:15 »
Mais dois Guerreiros de futuro
Joana Russo Belo

SC Braga assinou contrato profissional com mais duas jovens promessas: Nuno Teixeira e João Santos. Atletas da equipa sub-17 confessam cumprir sonho de criança ao serviço do clube bracarense.

Mais duas apostas de futuro. Nuno Teixeira e João Santos juntam-se a Pedro Martins e são os mais recentes Guerreiros do Minho a assinarem o primeiro contrato profissional com o SC Braga. Consideradas jovens promessas, os dois atletas são colegas de equipa no escalão sub-17, sendo que o central Nuno Teixeira veste a camisola arsenalista há quatro épocas e conta no currículo com chamadas às selecções jovens nacionais.

“Estou muito feliz, esperava por este momento desde que cheguei. Foram quatro anos de trabalho e sinto que foi reconhecido. É um grande orgulho. Realizei um sonho e agora é trabalhar cada vez mais para ser cada dia melhor”, referiu o central, garantindo que quer “ajudar a equipa a chegar à terceira fase do campeonato”. “Aqui é ganhar, ganhar, ganhar, ambicionamos espalhar a nossa magia por Portugal inteiro”, frisou.

João Santos confessa que concretizou “um sonho que tinha desde criança”, num clube “tão grande como o SC Braga”. “Não esperava que acontecesse tão cedo, mas agora que aconteceu é desfrutar do momento e continuar a trabalhar para conseguir mais objectivos. A responsabilidade aumenta. Exige mais rigor nas tarefas, trabalhar ainda mais diariamente para ajudar a equipa a atingir os objectivos”.

SC Braga terceiro em masculinos e quarto classificado em femininos no Campeonato Nacional de Clubes em Pista
Rui Serapicos

Campeonato Nacional de clubes em pista decorreu no fim-de-semana em Leiria. Sob domínio de Sporting e Benfica, o Sporting Clube de Braga foi terceiro em masculinos e quarto em femininos.

O Sporting Clube de Braga terminou o Campeonato Nacional de Clubes em Pista - I Divisão, em terceiro lugar no sector masculinos, com 105,50 pontos, atrás do Benfica, que venceu com 162 pontos e do Sporting que foi segundo com 151.
Em femininos, as ‘guerreiras’ terminaram no quarto lugar, com 89 pontos, numa classificação colectiva ganha pelo Sporting, com 161, seguido do Benfica com 135 e Juventude Vidigalense com 97 pontos.

Para o terceiro lugar colectivo da equipa masculina de Braga, que deixou o quarto classificado Juventude Vidigalense, a 13,5 pontos, foi determinante a presença quase constante de atletas arsenalistas nos pódios.
Segundo classificado nos 3000 metros, Hugo Almeida contribuiu com sete pontos. Mais frequentes, foram terceiros lugares que rendem seis pontos.
Nessa posição classificou-se a estafeta de 4x100 metros, que foi constuída por Luís Machado, João Ferreira, Valter Pinto e Edi Sousa, após cumprir a distância em 42,32 segundos, atrás de Benfica (40,27s) e Sporting (40,55s).
Também em terceiro terminou Edi Sousa nos 100 metros, com 10,93 segundos, atrás de Carlos Nascimento (Sporting) e Diogo Antunes (Benfica).
João Ferreira foi terceiro nos 400 m (48.94 s), atrás de Rafael Acea (47,05 s) e Omar Elkhatib (48,46s).

Outro ‘guerreiro’ em terceiro foi, no peso, com 15,97 metros, Adriano Lopes, atrás de Tsanko Arnaudov (Benfica) e Marco Fortes (Sporting).
Luís Saraiva foi terceiro nos 5000 metros, com 14.19,62 minutos, atrás de Edward Zakayo (Benfica) e de Eduardo Mbengani (Sporting).
Pedro Vilas Boas foi terceiro nos 800 metros, com 2.00,31 minutos, a seguir a Nuno Pereira (Sporting) e José Carlos Pinto (Benfica).
Ricardo Lima foi terceiro nos 400 m barreiras, com 52,68 segundos, atrás de Lucílio Garrido (Benfica) e Jordin Andrade (Sporting).
Edi Sousa foi terceiro nos 200 metros, com 22,22 segundos, atrás de Frederico Curvelo (Benfica) e Carlos Nascimento (Sporting).

Em quarto lugar (cinco pontos) posicionaram-se Mário Marques no lançamento do dardo (61,81 metros), Tomás Marreiros no salto com vara (4,40 metros), João Venade no martelo (52,07 metros), Adriano Lopes no disco (45,86 m), Rafael Vilas Boas no triplo salto (14,44 m). A formação feminina, para ser quarta, teve competição renhida, batendo por quatro pontos o quarto classificado, o Jardim da Serra.
No plano individual, no sector feminino, contribuíram para a pontuação das guerreiras várias subidas ao pódio.
Na estafeta de de 4x100 metros, o quarteto constituído por Ana Mendes, Maraia Costa, Jéssica Neto e Shaina Mags terminou em terceiro lugar, com 48,36 segundos, atrás do Sporting, que fez a distância em 45,56 segundos e do Benfica, que fez 45,79.

Shaina Mags obteve no triplo salto o segundo lugar, com 12,79 metros, apenas superada pela campeã nacional Patrícia Mamona (Sporting) que saltou 14,10 metros. Shaina Mags contribuiu ainda, com um terceiro lugar no salto em comprimento, ao obter a marca de 5,62 metros, atrás de Evelise Veiga (Sporting), que saltou 6,18 metros e de Fatumata Balde (Benfica) que saltou 5,79.
Mariana Machado, que ainda é júnior, foi segunda nos 3000 metros com o tem de 9.21,86 minutos, atrás de Marta Pen (Benfica) que venceu com 9.21,55. Mariana terminou a prova dos 1500 metros no terceiro lugar, cm 4.21,90 minutos, atrás de Marta Pen (Benfica), que venceu com 4.21,52 e de Salomé Afonso (Sporting) , que foi segunda com 4.21,59.

No lançamento do dardo, Marlene Araújo foi terceira com 43,71 metros, atrás de Cláudia Ferreira (Sporting) que venceu com 50,69 metros e de Flávia Costa (Juventude Vidigalense), que fi segunda com 44,69 m.
Para a classificação das bracarenses contribuíram ainda os quartos lugares de Ana Silva, no salto em altura com 1,64 metros e Vanessa Carvalho foi quarta classificada com 17.05,61 minutos, numa prova ganha pela bracarense que corre pelo Sportingf, Jéssica Augisto, que cumpriu a distância em 16.22,72 minutos, bem como vários quintos lugares:
Andreia Venade, no martelo, com 46,14 metros; Elsa Cruz,no disco, com 36,43 m e no peso com 10,97 m; Daniela Stoffel nos 3000 marcha, com 15.00,23 minutos; Sónia Ferreira nos 3000 m obstáculos, com 10.48,70 minutos; Vera Castro, nos 400 m barreiras, com 67,66 segundos.

Correio do Minho
Bruno3429 Equipa Principal
  • *****
  • 12976
  Re: NOTÍCIAS DO ENORME SC BRAGA DO DIA 31/07
« Responder #1 em: 31 de Julho de 2019, 12:34 »
TRIO AINDA POR COLOCAR
Pascoal Sousa

A SAD liderada por António Salvador espera, ainda esta semana, encontrar destino para os três últimos jogadores excedentários dos quadros profissionais do clube. 

Diogo Figueiras, lateral-direito,  três vezes campeão da Liga Europa pelo Sevilha, Andrej Lukic, central croata de 25 anos e Eduardo Teixeira, médio brasileiro dispensado por Sá Pinto, são nomes bem cotados no mercado.


Todos eles receberam nos últimos dias ofertas concretas para continuarem as respetivas carreiras fora de Braga e é provável que estes dossiês estejam encerrados até ao fim de semana. Diogo Figueiras tem contrato até 2022 e em época e meia somou apenas oito desafios pelos arsenalistas. Uma discussão com um adepto do SC Braga, nas redes sociais, há um ano, representou  o início do calvário do defesa.

A última partida de Diogo Figueiras com a camisola do SC Braga aconteceu a 26 de agosto, na 3.ª jornada da Liga - cinco minutos frente ao Aves. Nunca mais foi utilizado por Abel Ferreira e também não foi repescado por Sá Pinto, isto porque quando o técnico chegou ao SC Braga tinha já Esgaio e Diogo Viana em luta acesa pela asa direita da defesa dos minhotos.

O croata Andrej Lukic é outro futebolista com muita procura. O central jogou na época passada nos gregos do Apollon Smyrnis e mudou-se em janeiro para os holandeses do FC Emmen - clube que pediu a renovação do empréstimo do defesa, mas sem sucesso.

Por fim, Eduardo Teixeira. Antes de ser chamado por Sá Pinto para participar no estágio do SC Braga no Algarve, o médio tinha um convite do Fortaleza, do Brasil. No intervalo em que se empenhou em convencer o treinador, surgiram mais propostas potencialmente interessantes para o criativo, nomeadamente, de emblemas árabes.

A Bola
Bruno3429 Equipa Principal
  • *****
  • 12976
  Re: NOTÍCIAS DO ENORME SC BRAGA DO DIA 31/07
« Responder #2 em: 31 de Julho de 2019, 22:58 »
SC BRAGA DEFRONTOU FC PORTO
 
O SC Braga deu esta quarta-feira continuidade à sua preparação para a UEFA Europa League, tendo disputado um jogo-treino com o FC Porto, no Olival.

Mais um desafio de alto nível de exigência, mas no qual a equipa de Ricardo Sá Pinto demonstrou grande consistência competitiva, dispondo mesmo das melhores oportunidades. No último minuto, porém, o FC Porto faria o único golo, numa fase em que ambas as equipas se ajustavam às várias alterações efetuadas.

A preparação dos Gverreiros continua, estando o primeiro jogo oficial agendado para dia 8 de agosto. O duelo relativo à 3ª pré-eliminatória da UEFA Europa League vai opor o SC Braga aos polacos do Legia Gdansk ou aos dinamarqueses do Brondby.

Esta quarta-feira, o SC Braga utilizou os seguintes jogadores: Matheus, Sequeira, Wilson, Pablo, André Horta, Paulinho, R. Horta, Fransérgio, Bruno Viana, R. Esgaio, Palhinha, Caju, Trincão, Murilo, Xadas, Stojiljkovic, João Novais, Claudemir e Diogo Viana.

SUB-23 SOFREM PRIMEIRO DESAIRE
 
Os Sub-23 somaram, esta quarta-feira, o primeiro desaire da pré-temporada. Diante do S. Martinho – emblema do Campeonato de Portugal – os Gverreiros do Minho perderam por 3-4, em jogo realizado na Cidade Desportivo.

À semelhança dos testes anteriores, a equipa de José Carvalho Araújo voltou a apresentar boas ideias a nível ofensivo, mas os erros no setor mais recuado acabaram por comprometer o resultado final.

Rui Ribeiro, Pedro Costa, Bernardo, Jovicic, Baldé, Vasco, Felipe Borges, Eduardo Ribeiro, Pelegrini, Pedro Santos, Guilherme, Vilela, Pedro Martins, Kaito, Renato Neto, Sanca, Eynel, Xavier, Jailson, Willian foram os jogadores utilizados.

Edu Ribeiro (12’), Willian (28’) e Pedro Santos (60′) apontaram os golos do SC Braga no primeiro teste do dia.

Na tarde desta quarta-feira há novo teste com o Berço SC.

‘BÊS’ EMPATAM COM A AD SANJOANENSE

O SC Braga B empatou sem golos no particular com a AD Sanjoanense, disputado na manhã desta quarta-feira em S. João da Madeira.

Depois de quatro triunfos consecutivos – sobre Rio Ave FC, Lusitânia Lourosa, Amarante FC e CD Trofense -, os comandados de Rui Santos veem terminada a série vitoriosa que vinham apresentando na pré-temporada.

Porém, fica mais um excelente teste diante de um emblema do Campeonato de Portugal, onde os Gverreiros do Minho voltaram a deixar boas indicações.

O arranque oficial aproxima-se – está agendado para o dia 18 de agosto – e Rui Santos deu minutos de jogo aos seguintes jogadores: Velho, Fabiano, Bruno Rodrigues, Rodrigo Borges, Fábio Vianna, David Veiga, Makouta, Schurrle, Kiki, Paulinho, Elias, Rogério, Xico, Zé Pedro, Villagrán, Rodrigo, Afonso Caetano, André Ribeiro, Marna e Álvaro.

Sábado, às 10h30, à novo teste com o CD Tenerife no Complexo Desportivo de Fão.

SAMUEL COSTA REGRESSA AO TRABALHO
 
“The boy is here!”
Samuel Costa já trabalha na Cidade Desportiva, depois da participação no Campeonato da Europa de Sub-19.

O vice-campeão europeu integrou os trabalhos dos Sub-23 e, na hora de regressar à ação, mostrou-se extremamente motivado para a nova temporada.

Orgulhoso pelo percurso feito com a Seleção Nacional, garante o mesmo Samuel de sempre ao serviço da equipa e do clube.

Toulon e Europeu deixam orgulho

“Foram dois torneios fantásticos, ao serviço de uma seleção fantástica. Fica o sentimento de que poderíamos ter ganho o Europeu, mas saio orgulhoso daquilo que fizemos. Trabalhei muito para lá estar”.

Um percurso que deu ‘muito trabalho’

“Trabalhámos muito para estar no Europeu. Ficamos inseridos num grupo muito complicado, com três seleções de grande qualidade. Depois, com a união e trabalho do grupo, conseguimos atingir a final”.

Gosto pelo trabalho e… pela liderança

“Vai ser mais uma época de grande exigência. Estou focado em trabalhar. Sou um jogador que trabalha muito para a equipa e que gosta de ajudar a liderar. É um papel que me sinto bem a desempenhar”.

No lote de capitães

“É algo que me orgulha. Na época passada fui capitão dos Sub-19 e penso que correu tudo muito bem. Se as pessoas acham que o devo voltar a ser, encaro-o com toda a naturalidade”.

Na luta por um lugar

“Todos os jogadores querem jogar. Neste momento partimos todos em pé de igualdade e resta-me trabalhar para merecer a confiança. Quero muito jogar e ajudar a equipa”.

O mesmo Samuel

“Podem esperar o mesmo Samuel de sempre. Um jogador muito trabalhador, que dá a vida pelos colegas e pelo clube”.

SC Braga