Quantcast
Porque é que o S C Braga não comprou as acções que a CMB vendeu?
You are using an outdated browser. For a faster, safer browsing experience, upgrade for free today.
Anuncios M
Porque é que o S C Braga não comprou as acções que a CMB vendeu?
189 Respostas
14780 Visualizações
Luís Duarte e 1 Visitante estão a ver este tópico.
Carvalhux
Carvalhux Equipa Principal
  • *****
  • 1674
  Re: Porque é que o S C Braga não comprou as acções que a CMB vendeu?
« Responder #120 em: 08 de Março de 2021, 00:18 »
E neste momento de que forma é que o Cube detém a maioria, direta ou indireta, da SAD? Quando o município detinha as ações ainda podíamos considerar que mantínhamos indiretamente o controlo da SAD. Agora com os 37% não vejo de que forma tenhamos essa maioria no capital, e consequentemente não será uma violação do estatutos do Clube?.
rpo.castro
rpo.castro Equipa Principal
  • *****
  • 13585
  Re: Porque é que o S C Braga não comprou as acções que a CMB vendeu?
« Responder #121 em: 08 de Março de 2021, 09:38 »


A SAD foi criada com que ativos?
A quem pertenciam os ativos aquando da criação da SAD?
Enquanto o clube tinha a maioria com a Câmara, que era como se fosse o clube, o problema praticamente não se colocava. A partir do momento em que o clube passa a ser largamente minoritário, a preocupação cresce.
Com a criação da SAD até parece que o clube serve apenas para dar o nome...pois todos os negócios passam ao lado e não tendo maioria, pior ainda.
O clube devia ter a maioria na SAD, para poder controlar devidamente a atividade da SAD.
Os ativos principais, que eram e são os jogadores, deixaram de estar na esfera do clube e passaram a estar na esfera da SAD. O clube passou a ser uma espécie de barriga de aluguer da SAD, sem que esta (seus responsáveis) respondam perante o clube (seus sócios).
Aos dias de hoje parece que o clube tem muito pouco...
Já que estás a ir atrás conta a história toda: como aparecem as SAD's e porquê, como entra a CMB e outros acionistas, mudanças no regime das SAD's etc. O desfecho é o mesmo mas se é para contar a história, ao menos se conte tudo.

No entanto não percebo como é que isso levaria a que a SAD pudesse emprestar dinheiro ao clube para comprar ações da SAD. A não ser que seja o Berardo e os amigos dele da CGD.
O pé ligeiro, como de costume, conta a história à maneira dele, mas, uma coisa tem razão: não foi por não ter 200k que o Braga não comprou as ações.

Cometemos o """erro""" de não comprar (tenho mesmo que colocar muitas aspas na palavra erro). Em relação a isso, já não há nada a fazer.

Mas, podia haver uma atitude para tentar resolver que parece não existir. Não parece haver vontade (pela razão apontada pelo olho vivo??).

Em relação às ações de tipo A, para "acabar" com os privilégios dados pelas mesmas ao clube, tem que ser votado em assembleia do clube ou basta ser na assembleia da SAD? Parece a mesma coisa, mas não é! Numa tem que haver aprovação dos sócios do clube, na outra, basta a aprovação da direção do clube.

Enviado de meu POT-LX1 usando o Tapatalk

Assembleia do clube.
E se fosse assembleia da SAD não era à direção que bastava decidir isso, eram os acionistas que tinham de votar contra ou a favor
João, vai dar no mesmo. Bastava a decisão da direção, os acionistas privados nunca diriam que não a algo que os favorece.

Fico satisfeito se efetivamente é a assembleia do clube que tem esse poder.
Certo, aí tens razão
O que queria dizer é que a assembleia da SAD não se decide nada disso porque quem tem as ações de tipo A é o clube e não fazia sentido nenhum uma empresa que tem maioria de capital "forçar" a abdicar dessas ações.
Acho que a pergunta tem de ser: o presidente do clube pode tomar essa decisão sem sequer ir á assembleia ou tem de passar obrigatoriamente pelos sócios?
Era exatamente essa a minha questão.

Hipoteticamente, pode AS (ou outro presidente no futuro) em "conluio" com os acionistas privados, abdicar das ações tipo A sem autorização dos sócios?

Aceito quem tem opinião diferente, mas, para mim isto é muito mais importante para o futuro do clube do que a Ida ou não do Paulinho para os lagartos.



Enviado de meu POT-LX1 usando o Tapatalk
Estive a ler a revisão de 2015 dos estatutos (acho que é a última) e como suspeitava, pode. A direção está mandatada para esse tipo de decisões. Se a direção (não é o presidente) decidir, isso pode ser feito.

Julgo que mais do que andar com propostas de "comprar a todo o custo" ou "obrigar a ter 50%", deveria ficar no estatutos ser obrigatória aprovação em AG dos sócios alterações aos direitos das acções tipo A, e no caso de alienação de parte das acções que o clube detém.

O Boavista, por exemplo tb não tinha obrigatoriedade de consultar os sócios para ceder controlo da SAD.
Era aí que queria chegar!! Aí os sócios têm alguma coisa a dizer: alteração dos estatutos! Obrigar a que tenha que ir a AG do clube decisões sobre a venda de ações, aumentos de capital ou alterações nos direitos do clube na SAD.

Este deveria ser o nosso cavalo de batalha.

Se Salvador estiver de boa fé, não terá problemas com estas alterações.

Enviado de meu POT-LX1 usando o Tapatalk

Rpo.Castro podes pf dizer de onde tiraste essa parte onde a direcção do clube pode abdicar de ações do tipo A?
É que nos estatutos do clube, no capitulo XII, artigo 110º X diz "Em todas as sociedades desportivas em que o SCB participe (..) existentes ou futuras, será mantida, directa ou indirectamente, a maioria do capital social e número de votos correspondente a essa posição maioritária"
https://scbraga.pt/wp-content/uploads/2019/10/Estatutos_Ultimaversao.pdf

Portanto, só uma alteração dos estatutos permite à direção do CLUBE abdicar de ações que retirem a maioria directa ou indirecta do capital social, pois tal vai diretamente contra os estatutos do clube.

E já agora, a lei das SAD diz isto:

Citar
1 - Nos casos referidos na alínea c) do artigo 3.o, a participação direta do clube fundador na sociedade anónima desportiva não pode ser inferior a 10 % do capital social.
2 - No caso referido no número anterior, as ações de que o clube fundador seja titular conferem sempre:
a) O direito de veto das deliberações da assembleia geral que tenham por objeto a fusão, cisão, ou dissolução da sociedade a mudança da localização da sede e os símbolos do clube, desde o seu emblema ao seu equipamento; b) O poder de designar pelo menos um dos membros do órgão de administração, com direito de veto das respetivas deliberações que tenham objeto idêntico ao da alínea anterior.
3 - Os estatutos da sociedade desportiva podem subordinar determinadas deliberações da respetiva assembleia geral à autorização do clube fundador.
4 - O clube fundador pode também participar no capital social da respetiva sociedade desportiva através de uma sociedade gestora de participações sociais, sem prejuízo do disposto no n.o 1.

Tendo em conta que os estatutos do clube obrigam à maioria direta ou indireta na SAD, o clube não pode vender todas as ações. Sendo que a lei das SAD diz que quaisquer ações detidas pelo clube fundador dão os direitos descritos acima.
Secção III, artigo 65, alínea 27.

Os reuglamentos dizem que devemos deter a maioria, e não detemos.

A lei obriga a mantermos 10% no mínimo. São do tipo A? Clubes como o Belenenses, Aves e outros discordam. Nem todas as SAD's têm estas ações gold.
Quem não sente não é filho de boa gente.
Anuncios M
Anuncios M
NightHawk
NightHawk Equipa Principal
  • *****
  • 3417
  Re: Porque é que o S C Braga não comprou as acções que a CMB vendeu?
« Responder #122 em: 08 de Março de 2021, 11:58 »
Já falei nisto noutro tópico sobre o mesmo tema, os estatutos do SCB CLUBE dizem claramente que o SCB CLUBE tem que deter a maioria da participação da SAD seja direta ou indiretamente, e é essa parte que eu também tenho dúvidas. Como é que neste momento isso é assegurado? Acho que aqui a palavra indiretamente é chave.

É um facto que desde a criação da SAD até ao presente momento todas as reuniões do CA da SAD têm tido maioria de participação do clube. Todas. Porque para além dos 37,92% de ações pertencentes ao clube, há muitos acionistas que delegam no clube os seus votos e há 24,72% de votos espalhados por pessoas individuais que na maioria dos casos não têm representação no CA sendo que nesse lote estão também as ações detidas por administradores da SAD que penso que por inerência funcionam como detidas pelo clube (mas posso estar enganado).

Sobre a Secção III, artigo 65, alínea 27 dos estatutos apenas fala na gestão normal de ativos e património do SCB CLUBE. Não diz nada referente às ações detidas na SAD. É óbvio que tais ações podem ser vistas como património mobiliário do clube, mas tais ações de gestão não podem ferir, na minha ótica, outros pontos dos estatutos, mais concretamente o capitulo XII, artigo 110º.

Não sou jurista nem contabilista pelo que isto é apenas a minha leitura, de um leigo, a estatutos, leis e R&C.
« Última modificação: 08 de Março de 2021, 12:08 por NightHawk »
PedroAmarante Iniciados
  • *
  • 42
  Re: Porque é que o S C Braga não comprou as acções que a CMB vendeu?
« Responder #123 em: 19 de Março de 2021, 23:28 »


Aquele período de Março de 2015 até Setembro de 2016 é assustador. Um esquema da actual direção à cara podre com a conivência da Câmara Municipal.

Surreal como nem a própria oposição consegue teve coragem ou capacidade para expor este “assalto”!
« Última modificação: 19 de Março de 2021, 23:31 por PedroAmarante »
Anuncios V
Sérgio Gonçalves
Sérgio Gonçalves Equipa Principal
  • *****
  • 3304
  Re: Porque é que o S C Braga não comprou as acções que a CMB vendeu?
« Responder #124 em: 23 de Março de 2021, 00:10 »
Pedro, com todo o respeito mas se é para ter uma discussão sobre isto diz-me como é que o clube iria comprar as ações da SAD? Tinha o clube, (clube e não SAD!), 200 mil euros para comprar essas ações? Desconheço a realidade financeira do clube (clube e não SAD) mas desconfio que tal não seria possível, como também não é possivel que a compra de ações da SAD se faça através de financiamento da própria SAD para o clube. Se tiveres resposta para este ponto valerá a pena discutir, caso contrário é continuar a chover no molhado.
Sócio nº 2014
VERMELHO MAGICO
VERMELHO MAGICO Equipa Principal
  • *****
  • 1015
  • O BRAGA SOMOS NÓS
  Re: Porque é que o S C Braga não comprou as acções que a CMB vendeu?
« Responder #125 em: 23 de Março de 2021, 09:29 »
Pedro, com todo o respeito mas se é para ter uma discussão sobre isto diz-me como é que o clube iria comprar as ações da SAD? Tinha o clube, (clube e não SAD!), 200 mil euros para comprar essas ações? Desconheço a realidade financeira do clube (clube e não SAD) mas desconfio que tal não seria possível, como também não é possivel que a compra de ações da SAD se faça através de financiamento da própria SAD para o clube. Se tiveres resposta para este ponto valerá a pena discutir, caso contrário é continuar a chover no molhado.

Fácil.
A SAD tem vindo ao longo dos anos a esvaziar o CLUBE dos seus activos mais valiosos. Iniciou a operação com todo o plantel principal e o CLUBE recebeu (0). Criou a equipa B e foi "promovendo" atletas das camadas jovens e o CLUBE recebeu (0). Por fim, e mais ás claras, a SAD decidiu que abarbatar todo o futebol do CLUBE com excepção dos escalões mais baixos da formação e o CLUBE recebeu (0).

O Sporting Clube de Braga recebeu (0) por tudo isso que hoje é o patrimonio humano da SAD e nós somos sócios de um CLUBE que se dedica a modalidades amadoras sem interesse para a maioria dos associados.

O CLUBE não comprou as acções da CMB porque isso não era do interesse da SAD e de António Salvador (presidente dos dois)E a médio prazo iremos perceber porquê.
COM RAÇA E LEALDADE
DEFENDO OS CLUBES DA MINHA CIDADE
Guerreiro03 Equipa Reservas
  • ****
  • 974
  Re: Porque é que o S C Braga não comprou as acções que a CMB vendeu?
« Responder #126 em: 23 de Março de 2021, 09:31 »
Já andam a dizer isso ao tempo

Enviado do meu Redmi Note 7 através do Tapatalk

PAF Equipa Principal
  • *****
  • 4685
  Re: Porque é que o S C Braga não comprou as acções que a CMB vendeu?
« Responder #127 em: 23 de Março de 2021, 09:38 »
Toda a gente sabe que o Clube não comprou as ações porque não quis, foi propositado obviamente, não vejo onde estão as duvidas.
O porquê? Só Salvador e amigos sabem, mas envolve com certeza os interesses obscuros do futebol tuga, não fosse isso e não seria uma sociedade em Londres a comprar as ditas ações.

Aos sócios resta não deixar o clube ser tomado de assalto por esses senhores. (o que me parece fácil de dar a volta, basta umas vitórias e o pessoal vota tudo e mais alguma coisa)
Anuncios M
Anuncios M
Pé Ligeiro
Pé Ligeiro Equipa Principal
  • *****
  • 13684
  Re: Porque é que o S C Braga não comprou as acções que a CMB vendeu?
« Responder #128 em: 23 de Março de 2021, 09:41 »
Toda a gente sabe que o Clube não comprou as ações porque não quis, foi propositado obviamente, não vejo onde estão as duvidas.
O porquê? Só Salvador e amigos sabem, mas envolve com certeza os interesses obscuros do futebol tuga, não fosse isso e não seria uma sociedade em Londres a comprar as ditas ações.

Aos sócios resta não deixar o clube ser tomado de assalto por esses senhores. (o que me parece fácil de dar a volta, basta umas vitórias e o pessoal vota tudo e mais alguma coisa)

É óbvio...
BRAGA SEMPRE MAIS!
Layne Staley
Layne Staley Equipa Principal
  • *****
  • 4436
  Porque é que o S C Braga não comprou as acções que a CMB vendeu?
« Responder #129 em: 23 de Março de 2021, 10:58 »
Porque é que não se candidatam às próximas eleições?

Não tem havido alternativas credíveis à atual direção, a continuar a não haver, continuarão no poleiro.

Há sócios com boas ideias, candidatem se, nem que seja para promover discussões, de preferência saudáveis.
Sérgio Gonçalves
Sérgio Gonçalves Equipa Principal
  • *****
  • 3304
  Re: Porque é que o S C Braga não comprou as acções que a CMB vendeu?
« Responder #130 em: 23 de Março de 2021, 15:06 »
Atualmente, o clube tem uma divida para a SAD de 17M€. Em 2016 era de 6M€. A diferença justifica-se com a construção da Cidade Desportiva. A CMVM já disse que a SAD não pode financiar (direta ou indiretamente (seja que esquema for)) a compra de acções por parte do clube. Para mim, só havia uma solução. O Presidente deveria ter convocado a AG Extraordinária que promoteu e indicar aos sócios que iria cobrar mais X€/mês aos associados para que o clube pudesse adquirir as 200000 ações da CM (daria 1€/mês considerando 1 ano para "juntar" o dinheiro e 15000 sócios pagantes). Não o fez e agora que aguente o fardo. No entanto, não se pode dizer que clube não comprou açoes porque não quis, não comprou porque não tinha (e não tem) liquidez para isso. Poderia ter, mas não tem. Por fim, comprando essas ações o clube teria de lançar uma OPA aos restantes 40% das ações (Olivedesportos e Restantes Acionistas) pois teria mais de 50% dos direitos de voto com o risco de ter desembolsar mais 400000€ (ao preço de 1€/ação). Admitindo que Restantes Acionistas não vendiam (assumo que sejam sócios do Braga) há a forte probabilidade de clube ter de gastar 430000€ (200000 da CM e 230000 da Olivedesportos) para comprar ações. Normalmente, os valores das OPA obrigatorias apresentam valor acima do valor de mercado (que aqui assumo que sejam os 1€ pois foi a ultima transação feita). Mantendo exercicio simplista que apresentei em cima, nessa AG poderia ser proposto um aumento de 2,3€ na quota mensal dos associados. Admito que todos estejam na disposição de o aceitar. Eu estaria, mas eu nem sequer me preocupo que um fundo de investimento tenha 20% das ações do Braga.

Nota: Fiz mal as contas. Aumento mensal seria de 2,3€ e não 4,3€ que tinha inicialmente indicado.
« Última modificação: 23 de Março de 2021, 15:19 por Sérgio Gonçalves »
Sócio nº 2014
Anuncios G
PAF Equipa Principal
  • *****
  • 4685
  Re: Porque é que o S C Braga não comprou as acções que a CMB vendeu?
« Responder #131 em: 24 de Março de 2021, 10:54 »
Porque é que não se candidatam às próximas eleições?

Não tem havido alternativas credíveis à atual direção, a continuar a não haver, continuarão no poleiro.

Há sócios com boas ideias, candidatem se, nem que seja para promover discussões, de preferência saudáveis.
Ou seja o pessoal faz um comentário e a resposta iluminada é candidatem-se às próximas eleições? Grandes argumentos sem dúvida.
Cada pessoa que faz um comentário em que discorde da direção deve-se candidatar, por essa lógica vamos ter 5mil candidatos...

Cada um come aquilo que quiser, mas existir alguém neste fórum que acha que o Braga não comprou as ações da Câmara por causa de não ter 200 mil€ para mim só pode estar a gozar!
Se o clube tem uma divida à SAD de 17 milhões significa que também tem património (felizmente o acordo dos terrenos parece-me que protege o clube e a cidade e não a SAD). Essas dividas seja no Braga seja nas outras SAd são uma treta completa, os clubes foram completamente esvaziados, deixaram lá ficar só o que não interessa e não dá dinheiro, aqui só não foi também o estádio porque não é nosso.
Vir falar em aumento de quotas para pagar as ações enfim... não tem pés nem cabeça, mas se era esse o problema, na realidade as quotas até aumentaram, e até davam para pagar bem mais que as ações num único ano provavelmente! (só cá em casa foram mais 50€ ano).
A SAD não comprou as ações porque nunca as quis comprar.
Em todo o caso também já o disse antes, não é um problema enquanto o clube conseguir mandar na SAD. (esperemos que isso sim, não mude)
Sérgio Gonçalves
Sérgio Gonçalves Equipa Principal
  • *****
  • 3304
  Re: Porque é que o S C Braga não comprou as acções que a CMB vendeu?
« Responder #132 em: 24 de Março de 2021, 11:31 »
PAF, o aumento de quotas que mencionas foi realizado bem antes das acções da CM. Esse aumento foi feito para acabar com uma coisa que não tinha pés nem cabeça que era haver 2 tipos de sócios do Braga. Os da Poente e os da Nascente. Se isso foi bem feito, isso é outra historia. Essa situação vinha do tempo do 1º de Maio onde era mais comodo ver os jogos na Central do que no "Tribunal".

Esta frase é paradigmática da tua visão das coisas:
"Essas dividas seja no Braga seja nas outras SAd são uma treta completa, os clubes foram completamente esvaziados, deixaram lá ficar só o que não interessa e não dá dinheiro, aqui só não foi também o estádio porque não é nosso"

O Braga (clube!) no final do século XX não tinha património nenhum e eram recorrentes noticias de dividas a jogadores e fornecedores. O Braga vivia sempre no fio da navalha. O clube estava vazio desde meados dos anos 80 quando houve a ideia megalomana de tornar o Braga num grande contratando jogadores de gabarito nacional (final anos 70 e inicio dos anos 80). O resultado? Finais dos anos 80 e inicio dos anos 90 com clube falido e sempre a rezar a todos os santinhos para não descer de divisão. Isto aconteceu com o Braga e com muitos outros clubes. Foi após a formação da SAD (João Gomes Oliveira e mais tarde Salvador) que se conseguiram os equilibrios financeiros que vemos hoje. Se foi perfeito? Não, mas eu não ando à procura de algo que sei que não existe. Se reconheço competencia a quem gere o clube? Sim, muita! Se há trafulhice? Acredito que sim mas estranho que sendo algo tão fácil de provar (segundo os muitos comentários que vejo aqui) que AT/MP não tenham já atuado. Vão-me dizer que está tudo comprado. OK, aceito, mas então não vale a pena discutir mais nada.

Tal como já disse várias vezes, a mim, não me choca minimamente que um fundo de investimentos seja acionista da SAD.

Mas se quiseres eu partilho-te uma solução para esse problema. Não será barato mas também não creio que esse seja o problema. O problema é só falta de vontade e de honestidade e isso, felizmente, resolve-se mais facilmente do que arranjar 200mil €.
Sócio nº 2014
Sérgio Juniores
  • ***
  • 540
  Re: Porque é que o S C Braga não comprou as acções que a CMB vendeu?
« Responder #133 em: 24 de Março de 2021, 13:15 »
A pergunta inicial deveria ser por que motivo uma Câmara Municipal compra acções de uma SAD. Mas isso seria preciso recuar mais de 20 anos.
PAF Equipa Principal
  • *****
  • 4685
  Re: Porque é que o S C Braga não comprou as acções que a CMB vendeu?
« Responder #134 em: 24 de Março de 2021, 14:27 »
PAF, o aumento de quotas que mencionas foi realizado bem antes das acções da CM. Esse aumento foi feito para acabar com uma coisa que não tinha pés nem cabeça que era haver 2 tipos de sócios do Braga. Os da Poente e os da Nascente. Se isso foi bem feito, isso é outra historia. Essa situação vinha do tempo do 1º de Maio onde era mais comodo ver os jogos na Central do que no "Tribunal".

Esta frase é paradigmática da tua visão das coisas:
"Essas dividas seja no Braga seja nas outras SAd são uma treta completa, os clubes foram completamente esvaziados, deixaram lá ficar só o que não interessa e não dá dinheiro, aqui só não foi também o estádio porque não é nosso"

O Braga (clube!) no final do século XX não tinha património nenhum e eram recorrentes noticias de dividas a jogadores e fornecedores. O Braga vivia sempre no fio da navalha. O clube estava vazio desde meados dos anos 80 quando houve a ideia megalomana de tornar o Braga num grande contratando jogadores de gabarito nacional (final anos 70 e inicio dos anos 80). O resultado? Finais dos anos 80 e inicio dos anos 90 com clube falido e sempre a rezar a todos os santinhos para não descer de divisão. Isto aconteceu com o Braga e com muitos outros clubes. Foi após a formação da SAD (João Gomes Oliveira e mais tarde Salvador) que se conseguiram os equilibrios financeiros que vemos hoje. Se foi perfeito? Não, mas eu não ando à procura de algo que sei que não existe. Se reconheço competencia a quem gere o clube? Sim, muita! Se há trafulhice? Acredito que sim mas estranho que sendo algo tão fácil de provar (segundo os muitos comentários que vejo aqui) que AT/MP não tenham já atuado. Vão-me dizer que está tudo comprado. OK, aceito, mas então não vale a pena discutir mais nada.

Tal como já disse várias vezes, a mim, não me choca minimamente que um fundo de investimentos seja acionista da SAD.

Mas se quiseres eu partilho-te uma solução para esse problema. Não será barato mas também não creio que esse seja o problema. O problema é só falta de vontade e de honestidade e isso, felizmente, resolve-se mais facilmente do que arranjar 200mil €.
Não vou comentar o aumento de cotas, a minha posição é por demais conhecida, mas a desculpa arranjada não pega. Se o objetivo era o que dizes então deviam ter mantido a receita final, mas como bem sabes não foi isso que aconteceu, logo só posso deduzir que o objetivo foi unicamente e só aumentar a receita. Se foi antes ou de pois da venda das ações parece-me irrelevante. Passou a haver mais receita que o clube gasta onde quer e estamos a falar de centenas de milhares de euros ano.
O passado do Braga é por demais  conhecido, má gestão atrás de má gestão e negociatas que só serviram terceiros. Património teve muito na ordem das dezenas de milhões de euros, a valores atuais . Ainda há semanas foi discutido um terreno cedido ao Braga avaliado em 3 milhões euros que foi vendido 2 ou 3 dias depois de doado. Isto além de lugares de estacionamento no parque do campo da vinha, vendidos semanas depois, bombas gasolina, etc. E algumas destas coisas estamos a falar já com a  existência da SAD. Isto foi corrupção? Cada um acredito no que quer...
Quando alguém minimamente competente (joão Oliveira) pegou no clube as coisas mudaram em apenas 1 ou 2 anos e mudaram radicalmente. Isto não tem a ver com SAD ou não, tem apenas a ver com gestão. Na altura era um puto, hoje tenho uma visão das coisas que não é inocente até porque felizmente (ou infelizmente) passei a conhecer melhor a realidade de alguns desses processos.
E sim os clubes foram esvaziados dos seus valores que passaram todos para as SAD, o maior património são os jogadores... nunca perdi tempo a ler ao pormenor relatórios e contas, fui lendo por aqui e em jornais sobre o assunto, mas o mal é geral, tudo o que tem valor saiu dos clubes para manipular contas.

A mim não me chateia minimamente que as ações sejam do fundo, desde que se mantenha a situação atual do Braga ter poder de decisão e não um marmelo qualquer. Agora não aceito é que venham com a treta (para mim é isto) que o clube não comprou as ações porque não tinha dinheiro, porque isso nem como anedota serve. Acho até que salvador nunca utilizou este argumento.

Quanto às trafulhices, toda a gente sabe que existem, daí a provar vai um longo caminho, mais ainda quando as leis são feitas pelos próprios trafulhas!!
Tens uma lei anti corrupção que protege os corruptos (veja-se Sócrates, vai para 6 anos sem sequer haver acusação, se não fosse verdade dava para rir). E tens negócios no futebol que de sérios têm zero, um dos mais óbvios dos últimos tempos, Fábio Vieira do Porto para Inglaterra. è fácil provar que houve ali alguma marosca? Eu sinceramente acho que é impossível, mas alguém acredita naquilo?
É como provar que o arbitro Calheiros foi ao Brasil à custa do Porto, ou que Pinto da Costa pagou a árbitros com fruta. Em Portugal nada se consegue provar.
E se quiseres no que toca ao Braga fala com pessoal da década de 90 que andou pelo clube sobre a forma como milagrosamente o Braga dava 4 ao Boavista ou 5 ao desportivo de Chaves na última jornada. (curiosamente alguns dos jogos que mais alegria me deram na história do clube)

O Sérgio pergunta porquê que a Câmara meteu 1 milhão de euros no clube... as respostas estão acima.
Sérgio Gonçalves
Sérgio Gonçalves Equipa Principal
  • *****
  • 3304
  Re: Porque é que o S C Braga não comprou as acções que a CMB vendeu?
« Responder #135 em: 24 de Março de 2021, 16:35 »
Terrenos que o Clube teve de vender ao longo dos anos para fazer face às suas necessidades de tesouraria, porque estava falido. Não fossem essas doações da CM e o SC Braga, muito provavelmente, teria sido extinto entre meados dos anos 80 e inicio dos anos 90. Já que tens amigos da direção dessa altura pergunta-lhes se isto não é verdade.

Numa coisa eu concordo contigo, sem boa gestão nada se faz.

Nota: Ir buscar essa vitória contra o Boavista, enfim, nem sei se tu acreditas nisso. Não tenho a certeza, porque era miudo, mas acho que havia uns alguns jogos entre equipas que estavam abaixo de nós e ao Braga bastava o empate nesse jogo para se manter. Tenho ideia de que era matematicamente possivel descermos se perdessemos mas empantando não desciamos. E nesse famoso jogo acho que marcamos 2 golos nos descontos ou lá perto. É verdade que nesse ano acabamos a 1º volta em ultimo, mas depois vieram alguns jogadores (+ Carlos Garcia) que melhoraram o desempenho da equipa.
Sócio nº 2014
PAF Equipa Principal
  • *****
  • 4685
  Re: Porque é que o S C Braga não comprou as acções que a CMB vendeu?
« Responder #136 em: 24 de Março de 2021, 17:19 »
Terrenos que o Clube teve de vender ao longo dos anos para fazer face às suas necessidades de tesouraria, porque estava falido. Não fossem essas doações da CM e o SC Braga, muito provavelmente, teria sido extinto entre meados dos anos 80 e inicio dos anos 90. Já que tens amigos da direção dessa altura pergunta-lhes se isto não é verdade.

Numa coisa eu concordo contigo, sem boa gestão nada se faz.

Nota: Ir buscar essa vitória contra o Boavista, enfim, nem sei se tu acreditas nisso. Não tenho a certeza, porque era miudo, mas acho que havia uns alguns jogos entre equipas que estavam abaixo de nós e ao Braga bastava o empate nesse jogo para se manter. Tenho ideia de que era matematicamente possivel descermos se perdessemos mas empantando não desciamos. E nesse famoso jogo acho que marcamos 2 golos nos descontos ou lá perto. É verdade que nesse ano acabamos a 1º volta em ultimo, mas depois vieram alguns jogadores (+ Carlos Garcia) que melhoraram o desempenho da equipa.
O Braga estava falido como estavam todos os outros (como ainda continuam hoje incluindo os grandes por exemplo, só não se fala em salários em atraso porque arranjam esquemas que na altura não havia da forma que há hoje... diria que essa é uma das coisas que não mudou com o tempo) e os outros não fecharam portas, por isso acredito que Braga também não fecharia sem esses fretes da Câmara, pelo contrário acredito que esses fretes a médio e longo  prazo só prejudicaram o clube e muito.
Quanto aos jogos foram uma festa e isso é o que fica...
Sérgio Gonçalves
Sérgio Gonçalves Equipa Principal
  • *****
  • 3304
  Re: Porque é que o S C Braga não comprou as acções que a CMB vendeu?
« Responder #137 em: 24 de Março de 2021, 18:31 »
Não fecharam portas? Só dessa época de 1991, já estiveram nos distritais o Salgueiros, Amadora, Farense, Tirsense, Beira Mar e Famalicão, ou seja, 30% dos clubes. Se isto não é fechar as portas...Há os casos do União e Setubal que ainda se podem juntar a estes pois estão na 3ª Divisão. Para mim, que não sou historiador do clube, o grande problema do Braga não foram as doações da CM mas sim a gestão do clube no final dos anos 70 até meados dos anos 80 onde vinham cá parar grandes craques como Chico Gordo, Nelinho, João Cardoso, etc. Só para se ter ideia nessa altura fomos buscar ao Benfica o Nelinho pagando-lhe 4x mais do que o Benfica lhe pagava!
Sócio nº 2014
PAF Equipa Principal
  • *****
  • 4685
  Re: Porque é que o S C Braga não comprou as acções que a CMB vendeu?
« Responder #138 em: 24 de Março de 2021, 23:49 »
Não fecharam portas? Só dessa época de 1991, já estiveram nos distritais o Salgueiros, Amadora, Farense, Tirsense, Beira Mar e Famalicão, ou seja, 30% dos clubes. Se isto não é fechar as portas...Há os casos do União e Setubal que ainda se podem juntar a estes pois estão na 3ª Divisão. Para mim, que não sou historiador do clube, o grande problema do Braga não foram as doações da CM mas sim a gestão do clube no final dos anos 70 até meados dos anos 80 onde vinham cá parar grandes craques como Chico Gordo, Nelinho, João Cardoso, etc. Só para se ter ideia nessa altura fomos buscar ao Benfica o Nelinho pagando-lhe 4x mais do que o Benfica lhe pagava!
Esses clubes fecharam todos já depois do ano 2000 quando as gestões passaram a ser "profissionais" e alguns continuaram a gerir como a mercearia do bairro, e mais cairão com certeza. Nenhum deles está ou esteve sequer perto de ser um Braga, excepção do Setúbal que caiu este ano e está a ser mal gerido desde que me lembro, ou seja há décadas.
O problema foram as doações porque ajudaram a alimentar o monstro, é como teres alguém a alimentar financeiramente um drogado. Quem estava no clube sabia que tinha ali um saco sem fundo. Foram as câmaras durante décadas, depois foram os bancos (esses clubes todos que falas deixaram milhões para trás que saíram dos nossos bolsos, sendo o caso mais recente o Sporting) e agora têm sido as Tvs, vamos ver até quando.
rpo.castro
rpo.castro Equipa Principal
  • *****
  • 13585
  Re: Porque é que o S C Braga não comprou as acções que a CMB vendeu?
« Responder #139 em: 25 de Março de 2021, 17:20 »
Estava para aqui a ler esta troca de palavras distraído até que me lembrei de um pequeno pormaior que arruma com o argumento de o clube ter ou não 200 k€ para gastar em acções: Publicamente AS disse que quando o clube foi para comprar as acções, estas já tinham sido vendidas. Ou seja não foi problema de dinheiro, apenas um atraso (deve ter sido o despertador que não tocou).
Está explicado, ainda que a explicação ainda rime mais com várias palavras terminadas em "ice", do que se tivesse dito que o clube não tinha dinheiro.
Quem não sente não é filho de boa gente.
 

Anuncios M
Anuncios M