You are using an outdated browser. For a faster, safer browsing experience, upgrade for free today.
Que fazer para ter um EMB "à maneira"?
1091 Respostas
103778 Visualizações
0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Observador Juniores

  • ***
  • 538
  Re: Que fazer para ter um EMB "à maneira"?
« Responder #1060 em: 25 de Setembro de 2018, 14:35 »
Mais umas semanas e a entrada para nascente pelo bairro será cortada.....pelo silvado.

Este assunto já deixou de ser brincadeira e já cheira mal.....incrível o estádio ao abandono.
AMartins

AMartins Equipa Principal

  • *****
  • 1351
  Re: Que fazer para ter um EMB "à maneira"?
« Responder #1061 em: 26 de Setembro de 2018, 00:40 »
Ontem, a situação nos bares voltou a tocar no ridículo.

Falta de organização, falta de stock etc...e isto num jogo marcado para a hora de jantar. Acabar a água num bar, com uma bancada repleta num dia em que a temperatura estava perto dos 30 graus às 20h, revela uma incompetência e falta de condições  tremenda.

Alguém que aprenda a fazer dinheiro.

guerreiro1921 Equipa Principal

  • *****
  • 2522
  Re: Que fazer para ter um EMB "à maneira"?
« Responder #1062 em: 26 de Setembro de 2018, 01:31 »
Uma vergonha o que fizeram na entrada da Nascente.

Chega-se ao ponto de não ter qualquer rulote para comer/beber alguma coisa.
Pior ainda é ver um terço do parque de estacionamento transformado numa Alameda para os adeptos visitantante.
Esta inércia das forças de segurança é lamentável.

Quando os adeptos adversários têm melhores condições que os adeptos da casa.... Ridículos a gestão dos adeptos
Arsenalista

Arsenalista Equipa Principal

  • *****
  • 1464
  Re: Que fazer para ter um EMB "à maneira"?
« Responder #1063 em: 26 de Setembro de 2018, 10:55 »
Uma vergonha o que fizeram na entrada da Nascente.

Chega-se ao ponto de não ter qualquer rulote para comer/beber alguma coisa.
Pior ainda é ver um terço do parque de estacionamento transformado numa Alameda para os adeptos visitantante.
Esta inércia das forças de segurança é lamentável.

Quando os adeptos adversários têm melhores condições que os adeptos da casa.... Ridículos a gestão dos adeptos

Mas pelo que parece desta vez não houve problemas de maior na entrada principal(nascente), provavelmente a ideia foi mesmo criar um espaço confinado aos adeptos visitantes, a questão das roulottes não faço ideia o que se terá passado, mas também costumam ser foco de desacatos...
Nós a cantar por ti, tu por nós a vencer!
Old School

Old School Equipa Principal

  • *****
  • 8666
  • Mágico Braga, Amor Eterno
  Re: Que fazer para ter um EMB "à maneira"?
« Responder #1064 em: 26 de Setembro de 2018, 13:16 »
Vai de mal a pior, agora já nem roulottes temos nestes jogos, só quando os adeptos adversários forem para um canto da Poente e ficarmos com  a Alameda só para nós é que teremos a solução.

OBracarense Iniciados

  • *
  • 22
  Re: Que fazer para ter um EMB "à maneira"?
« Responder #1065 em: 27 de Setembro de 2018, 15:29 »
Mais uma etapa na saga deste estádio - >

Erros no estádio dão processo ao construtor
Autarquia desmente que haja perigo de queda da bancada, mas admite que problema é grave e caro

Problemas de ancoragem da bancada poente colocam segurança em risco. Amarrações estarão defeituosas

A Câmara de Braga vai processar judicialmente o consórcio ASSOC – Soares da Costa & Associados por erros graves na construção do estádio de futebol. Em causa estão 28 ancoragens do sistema de cabos de aço que segura a bancada poente ao granito da antiga pedreira, que colocarão em causa a segurança da estrutura.
Fonte empresarial garantiu ao JN que a degradação das ancoragens pode levar à queda da bancada. Uma tese que o presidente da Câmara, Ricardo Rio, rejeita: “É alarmismo! Só haveria problemas se a situação não fosse monitorizada, como temos feito. Não há perigo de ruína”, afirmou.
Ao que o JN apurou, quando tomou posse, em 2013, Rio mandou fazer uma inspeção às 2000 ancoragens e ordenou a reparação de quatro que estavam danificadas. Depois disso pediu uma peritagem à Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP) que concluiu que a degradação atinge 28 estruturas. É o custo das duas reparações e de danos futuros – alguns milhões de euros – que estará em causa na ação judicial.

DECISÕES A TOMAR
Ao JN, o jurista municipal Fernando Barbosa e Silva disse que ainda não decidiu qual a forma jurídica ou o tribunal, que pode ser o arbitral. A garantia da obra já caducou, pelo que – disse outra fonte – terá de ser invocado o “incumprimento do contrato”.
A mesma fonte afirmou que, além de problemas ligados ao emprego de técnicas deficientes na colocação das ancoragens, aquelas estão sujeitas ao esforço mecânico provocado pelas palas de cimento do estádio, que atingem milhares de toneladas. Acrescenta que, como as ancoragens foram mal feitas, a degradação vai continuar. A solução seria a sua substituição total (20 milhões de euros) ou a retirada das palas em cimento, substituindo-as por outras de materiais mais leves.
A ação surge após a Câmara de Braga ter perdido, no Tribunal Administrativo, duas ações da ASSOC, consórcio em que a Soares da Costa tem 40 por cento, sendo os restantes 60 por cento de seis empresas locais. Uma terceira está em recurso no Tribunal do Norte. Ao todo, são 18 milhões de euros.
A ASSOC pediu ao tribunal que executasse a última sentença, de quatro milhões, e aquele deu 20 dias à Câmara para pagar. Ontem, Ricardo Rio admitiu que não tem dinheiro nos cofres, pelo que, quer um pagamento faseado. Argumentando – disse o mesmo jurista – que “não tem cabimento” orçamental em 2018. O juiz pode agora tentar um acordo, sendo previsível que se discuta uma eventual indemnização – e acerto de contas – pelos defeitos nas ancoragens.

JN
AMartins

AMartins Equipa Principal

  • *****
  • 1351
  Re: Que fazer para ter um EMB "à maneira"?
« Responder #1066 em: 28 de Setembro de 2018, 13:30 »
É cada vez maior a nausea acerca todas as questões que envolvem o estádio!

Desde a desinformação, à falta de estratégia, à pretensa venda ao clube até à cor das cadeiras e etc..
Agora são as ancoragens e daqui a uns tempos vai ser o placard electrónico, a pala e as sanitas! Filmes atrás de filmes...

PAF Equipa Principal

  • *****
  • 3866
  Re: Que fazer para ter um EMB "à maneira"?
« Responder #1067 em: 28 de Setembro de 2018, 13:59 »
Vai ser dificil o estádio (e infelizmente muitas vezes o nome do clube) sair das bocas do mundo, sempre pela negativa.
O problema é que a Câmara ainda tem mais 15 a 20 anos para pagar do estádio...
Acresce a isso que ainda tem mais alguns processos em tribunal do estádio na ordem das dezenas de milhões, com o arquiteto e com os construtores.
Esta última noticia parece-me claramente para tentar diminuir pagamentos nestas ações.
Só não se percebe como no meio disto tudo ninguém vai preso... fala-se em milhões deitados ao lixo como se estivéssemos a falar de cêntimos. Toda a gente brinca com o nosso dinheiro.
Axa

Axa Juniores

  • ***
  • 446
  Re: Que fazer para ter um EMB "à maneira"?
« Responder #1068 em: 28 de Setembro de 2018, 16:03 »
Respondendo à pergunta original do tópico:

Seris antes de mais importante acabar com a tanga do Sr.Arquitecto. Seja qual for a cor camarária do momento concordo com qualquer processo que ponha as coisas no seu lugar. O Arquitecto Souto Moura ganhou mais com o estádio do que Braga, e muito mais do que os seus adeptos, que respeitou tanto como os antigos utilizadores do extinto mercado do Carandá(ou seja nada). Souto Moura é uma sanguessuga neste processo e francamente é preciso ter muito pouca vergonha para continuar a tentar lucrar com tudo isto, em vez de fazer emendas ao estádio original, e de graça, como seria sua obrigação. Recorde-se que os pressupostos que basearam a atribuição do próprio Pritzker e que matavilharam o júri (ver discurso de Obama) são tão verdadeiros quanto as agressões de Vandinho e Mossoró em 2010: tudo falso. Pedra aproveitada para construir bancadas e reutilizar material? Falso. Visão gratuita da montanha para quem não pode pagar? Falso além de ridículo. Visão sobre a cidade do outro lado, falso. No fundo fraude em toda a parte, prémio de arquitectura devia ser revisto. E os processados somos nós e a cidade? Espero ainda como adepto ainda um pedido de desculpas pelo frio que já rapei no Inverno naquelas bancadas. E que o clube/câmara possam começar a dispor da obra sem pedir autorização ao génio das relações públicas que é Souto Moura.


Apesar da má relação das instituições com o Arquitecto em causa, não se pode deixar de reconhecer a maravilha estética da mesma (sem contradição) e que não hesito em mostrar quando mostro Braga a visitantes. Seria muito mau para todos que apenas com 15 anos já se falasse num novo estádio sem ser a brincar. Faz lembrar o triste estádio Dell Alpi (Juventus), que curiosamente soube livrar-se bem do monstro também cerca de 15/20 anos depois (claro com outros recursos). É isto que o arquitecto e construtores querem, ficar para a posteridade com um estádio já desaparecido? Que ajude a fazer as alterações necessárias em vez de colocar entraves, e gratuitamente.

Quanto ao que tem sido anunciado, é assustador: não só não resolverá nada como nos dará mais 20 anos de queixas. Sugiro aos promotores da obra que vão vee meia dúzia de jogos. Misturem-se com a malta. Ouçam as queixas e deixem o gabinete. As propostas actuais, sobretudo colocação de adeptos visitantes, não prestam.

Sem ser eu arquirecto, apenas como adepto e Bracarense, algumas ideias, continuação de outras que se lêm por aqui:

- aproveitamento da lateral do lado de Dume. Uma pequena bancada com meia dúzia de lugares integrada se possível na pedra/monte, talvez para claques, sempre na estética actual do estádio

- na parte de cima desse pequeno monte/bancada, uma zona verde mais ou menos como ja existe, e com bares na parte posterior, com algum abrigo para chuva. De novo manter a estética na medida do possível, com um passadiço semelhante ao existente no cimo da pedreira. Esses bares/restaurantes seriam o mais discreto possível e semi escondidos do ponto de vista da tv etc

- no canto da poente junto a esse monte, uma nova pequena bancada com acesso por s.Martinho,para adeptos visitantes quase ou mesmo ao nível da superior. Com o menor 'enjaulamento' possível, mas com segurança e separação

- não estou a inventar muito, na verdade há algo semelhante a isto tudo no estádio australiano dos Newcastle Jets (refiro-me apenas a essa parte lateral do estádio, e esquecendo os mcdonalds)

- com o problema dos visitantes resolvido e mais restauração, e nova bancada lateral, resolvia-se outro problema, quanto a mim o maior do estádio, que é existirem dois estádios. Haveria união física entre as bancadas, com possibilidade de circulação entre as mesmas e para bares etc, impondo naturais restrições (diferentes lugares e sectores) com torniquetes ou de outra forma. Uma possível sede/escritórios do clube podia ser mesmo debaixo destes bares (e por cima da actual entrada automóvel para o túnel de estacionamento) e virada para a futura praça/pavilhão

- a pedreira devia também ser melhor tratada, às vezes parece estar abandonado. Limpa de ervas daninhas e afins e porque não com luzes, também vermelhas para entrada equipas festejo golos etc, com o bom gosto necessário

- cadeiras vermelhas? Mais alegres, mais animação, talvez placard electrónico a separar superior/inferior, tudo o que reduza o ambiente deprimente é bem vindo. O futebol é supostamente um desporto e uma festa...vejam espectáculos em novos estádio norte americanos (Atlanta, Las Vegas) e inspirem-se naquilo que valha a pena

- pessoalmente vejo vantagem na união das claques mas também se perderam outras coisas. Percebo que façam muito pelo Braga e nas deslocações mas vejo como um pouco exagerado o movimento dos jogadores (golos, fim dis jogos) num único ponto do estádio. Percebo que seja o sector mais animado mas se calhar o melhor teria sido mesmo ter mais do que uma zona animada. Já agora melhorava as condições de apoio das claques, com os lugares de pé (rebatíveis) como já há quase em todos estádios alemães, Celtic e outros, claro mediante entendimento com a liga e regulação existente

- bancada nascente superior de novo com adeptos do Braga, com os já falados acessos com elevadores, se possível as escadas rolantes embora ne deixem dúvidas de segurança. Retomar as promoções para essa parte superior, que é a melhor forma de cativar adeptos com campanhas sem pôr em causa o lugar de que já tem cadeira (maioritariamente bancadas inferiores)

- alameda dedicada unicamente ao Braga, com alguns pontos de projecto ms já existentes ('praça centenário'?) com uma maior união com poente via bancada lateral, teríamos aqui um caso sério de uma grande fan zone, transformando em força algumas daa fraquezas actuais do estádio

- finalmente na actual bancada poente superior talvez as ideias mais discutíveis mas se calhar boas dependendo da execução: transfornar a maioria da bancada (excluído umas poucas filas em baixo também para comunicação social) numa espécie de edifício único 'espelhado' de camarotes como se vê em muitos estádio agora (sem contradição com os lugares de bancada lateral para unir nascente e poente), claro sem destruir a estética do global estadio. A verdade é que temos demasiados lugares, e baixar para uns 23 ou 24000 desta forma faria os lugares existentes mais procurados e até quem sabe maus exclusivos caso a procura subisse (de novo a Juve e a maioria dos estádio ingleses são exemplo aqui)

- nesse novo 'edifício', para além de camarotes normais, muitas outras utilizações seriam possíveis para tomar partido realmente do Pritzker como deve ser, tais como: escritórios empresariais (mesmo sede de empresas locais), restaurantes e bares abertos regularmente e fora dias de jogo, estúdio de TV, e, do lado da pedreira, um pequeno hotel com vista privilegiada para um grande estádio. Seguramente estaria sempre cheio!

- claro que qualquer ideia ou plano depende em muito daquilo que seja a futura relação de propriedade do estádio/clube/câmara,etc

joelvm

joelvm Equipa Principal

  • *****
  • 1056
  • We are SCBraga!!!
  Re: Que fazer para ter um EMB "à maneira"?
« Responder #1069 em: 28 de Setembro de 2018, 16:30 »
Demolir este estádio era para ontem.
Se cair poupa-se nos custos de demolição.
Axa

Axa Juniores

  • ***
  • 446
  Re: Que fazer para ter um EMB "à maneira"?
« Responder #1070 em: 28 de Setembro de 2018, 16:51 »
Demolir este estádio era para ontem.
Se cair poupa-se nos custos de demolição.
Pois...é outra possibilidade... Mas como isso não irá acontecer neste século o ideal são ideias...tipo..construtivas...
Sérgio Gonçalves

Sérgio Gonçalves Equipa Principal

  • *****
  • 2575
  Re: Que fazer para ter um EMB "à maneira"?
« Responder #1071 em: 28 de Setembro de 2018, 23:32 »
O Braga ainda vai jogar em Fao
Sócio nº 2506
GALEGO

GALEGO Equipa Principal

  • *****
  • 4423
  Re: Que fazer para ter um EMB "à maneira"?
« Responder #1072 em: 04 de Outubro de 2018, 10:23 »
Capa hoje do "i"
O arquitecto Taveira e as suas opinioes sobre o estádio de Braga e o arquitecto Souto Moura

Old School

Old School Equipa Principal

  • *****
  • 8666
  • Mágico Braga, Amor Eterno
  Re: Que fazer para ter um EMB "à maneira"?
« Responder #1073 em: 04 de Outubro de 2018, 10:36 »

Não valerá a pena adquirir o estádio (se possível por 1€ como os outros) pagar os custos de manutenção anuais, ficar o estádio para património do clube, rentabiliza-lo a sério e colocá-lo a que sirva os sócios, adeptos e turistas que visitam a cidade da melhor forma?
joelvm

joelvm Equipa Principal

  • *****
  • 1056
  • We are SCBraga!!!
  Re: Que fazer para ter um EMB "à maneira"?
« Responder #1074 em: 04 de Outubro de 2018, 17:08 »
Demolir este estádio era para ontem.
Se cair poupa-se nos custos de demolição.
Pois...é outra possibilidade... Mas como isso não irá acontecer neste século o ideal são ideias...tipo..construtivas...
Eu pouco percebo de engenharia e arquitectura, mas percebo o suficiente para perceber que aquele monstro vai precisar de intervenções, e não falo de melhorias, falo de manutenção para que não caia.
Não dura mais 10 no máximo 15 anos, logo se é para cair, mas vale já
rpo.castro

rpo.castro Equipa Principal

  • *****
  • 10035
  Re: Que fazer para ter um EMB "à maneira"?
« Responder #1075 em: 04 de Outubro de 2018, 17:48 »
Demolir este estádio era para ontem.
Se cair poupa-se nos custos de demolição.
Pois...é outra possibilidade... Mas como isso não irá acontecer neste século o ideal são ideias...tipo..construtivas...
Eu pouco percebo de engenharia e arquitectura, mas percebo o suficiente para perceber que aquele monstro vai precisar de intervenções, e não falo de melhorias, falo de manutenção para que não caia.
Não dura mais 10 no máximo 15 anos, logo se é para cair, mas vale já
Tudo precisa de Manutenção. Se não fizeres manutenção ao teu carro, também não vai durar muito.

Existem 28 ancoragens em 2000 a  precisarem de manutenção. Ok. É para falar a sério ou para baixar o preço de indemnizações e processos em curso?
Se for pela segunda vou dizer que é chocante e que não me sinto nada seguro. Nem durmo. e sim as palas são muito pesadas. Quem fez não percebe nada, porque é que fez em betão em vez de plástico? Era muito mais leve!
Agora se aplicar conceitos de fadiga, frequências naturais, coeficiente de amortecimento isso já pia de outra forma.

O estádio é o que é, e o estranho nisto tudo é não existirem processos em tribunal a quem autorizou toda esta barbaridade e assistiu impávido e sereno aos descalabro das contas. Agora o choradinho do RR é politiquice bacoca, porque é realmente uma novidade esta situação do estádio. Apareceu tudo agora de repente.

É um atirar areia para os olhos, porque se é verdade que a herança é pesada, o que é que os actuais responsáveis pelo estádio (CMB e SCB) têm feito para tornar o estádio mais atractivo e rentável? Criar uma espécie de Amazónia low-cost para quem paga duplamente?
Quem não sente não é filho de boa gente.
joelvm

joelvm Equipa Principal

  • *****
  • 1056
  • We are SCBraga!!!
  Re: Que fazer para ter um EMB "à maneira"?
« Responder #1076 em: 04 de Outubro de 2018, 18:48 »
Fazes um asneira e compras um carro por 30k por 150k, de repente o teu carro começa a pedir manutenções de 10k, arranjas ou compras um novo de 30k?
AMartins

AMartins Equipa Principal

  • *****
  • 1351
  Que fazer para ter um EMB "à maneira"?
« Responder #1077 em: 04 de Outubro de 2018, 20:09 »
Temos um executivo camarário fraco! É um executivo que tem um estádio destes como património desde sempre e que simplesmente não sabe articular com o inquilino a melhor forma de o rentabilizar. Até hoje deve ter havido um único concerto por exemplo. Acima de tudo está à espera que um dia o clube se lembre de fazer uma proposta para a sua compra.

Até lá vai-se mantendo minimamente, vão-se cortando as ervas quando o pessoal se queixa muito e pouco mais...Diga-se que além do senhorio, o inquilino podia fazer mais por aqueles que lá vão. Que vão lá pelo inquilino e não pelo senhorio.

Quanto ao RR é um banana de primeira. À semelhança dos demagogos gosta é de aparecer e de se fazer ouvir, mesmo que na realidade nada faça. Sempre soube do “problema” do estádio, mas isso nunca o impediu de concorrer à presidência da autarquia, mesmo saindo derrotado mais do que uma vez.
É um calimero profundo (semelhança com sportinguista é só aparente) que se vitimiza sempre que pode, ele é com os autocarrros dos TUB, com a Confiança, com as Convertidas, com as piscinas....agora arregaçar as mangas é que não é com ele.
rpo.castro

rpo.castro Equipa Principal

  • *****
  • 10035
  Re: Que fazer para ter um EMB "à maneira"?
« Responder #1078 em: 04 de Outubro de 2018, 21:21 »
Fazes um asneira e compras um carro por 30k por 150k, de repente o teu carro começa a pedir manutenções de 10k, arranjas ou compras um novo de 30k?
Todas as estruturas precisam de manutenção. Uma super estrutura muito mais. Então se for algo inovador.
No estádio da luz tb voaram placas e não pediram a demolição. Não são burros. Em aveiro ou leiria só demagogos podem afirmar isso.

Podias comprar um renault por 30k ou um prototipo tesla por 150k (mas fingem que vai custar 75k pra enganar o cliente).
Agora tens de gastar 1k (com negociatas talvez 2) e dizes que preferes pagar mais umas dezenas de milhões pra mandar abaixo (a demolição não é barata) e outros 30k ou 40k para fazer o tal renault.

Se fosse no Qatar até era possível.

O gajo que comprou o tesla ainda foi re eleito por isso é porque a malta gostou.
Quem não sente não é filho de boa gente.
Old School

Old School Equipa Principal

  • *****
  • 8666
  • Mágico Braga, Amor Eterno
  Re: Que fazer para ter um EMB "à maneira"?
« Responder #1079 em: 11 de Outubro de 2018, 11:06 »
Os adeptos do Atlético queixam-se do frio que passam no estádio durante os jogos. Não sei de que média de valores estamos a falar para o clube investir numa solução deste género que vem na notícia que deixo abaixo mas nunca me tinha lembrado dela e se for eficaz parece-me boa.

Creio que um dos grandes problemas do nosso estádio está relacionado com as baixas temperaturas nomeadamente no inverno levando muitos adeptos a ficar em casa principalmente em jogos à noite (não estou a julgar se fazem bem ou mal mas acontece) eliminar esse problema com uma solução deste género creio que seria bastante proveitoso.

A ideia não é nova, segundo a notícia, já há outros estádios na Europa já o fazem.


Em Link Externo