You are using an outdated browser. For a faster, safer browsing experience, upgrade for free today.
Anuncios M
Estádio Municipal de Braga
1677 Respostas
167794 Visualizações
0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.
Enorme_Guerreiro
Enorme_Guerreiro Equipa Principal
  • *****
  • 2093
  • Sempre presentes!!!
  Re: Estádio Municipal de Braga
« Responder #1600 em: 21 de Outubro de 2019, 15:50 »
Ricardo Rio também já se pronunciou....


Link Externo

Ao menos não culpa o clube, menos mal...
Bracarense eu sou, onde tu fores eu vou
Banoffe
Banoffe Juniores
  • ***
  • 733
  Re: Estádio Municipal de Braga
« Responder #1601 em: 21 de Outubro de 2019, 16:12 »
Os únicos culpados aqui são facilmente identificados. Um fuma charuto e o outro dá exposições.
Anuncios M
Anuncios M
VERMELHO MAGICO
VERMELHO MAGICO Equipa Reservas
  • ****
  • 932
  • O BRAGA SOMOS NÓS
  Re: Estádio Municipal de Braga
« Responder #1602 em: 21 de Outubro de 2019, 16:58 »
Bem.
O estádio é o que todos já sabemos e foi muito caro. Mas uma coisa é certa, mal ou bem pelo menos temos onde jogar.
No 1º de Maio nem cadeiras se pode colocar. Não vamos chutar para canto nem brincar com as coisas.
E depois o lagarto não devia comparar obras com envergaduras totalmente dispares. Comparar com o PEB? Onde se gastaram 9 M em tinta e ripas de madeira? Aquilo está exactamente igual com as excepções que já mencionei. Comparar com as obras da rodovia? Está bem mais bonito mas não é comparável. E ainda falta o desfecho das investigações. Comparar com obras que ainda não estão feitas como o nó de enfias (e que falta faziam) e das quais só existem (das que existem) estimativas em papel?
O Braga não tinha na altura nem tem actualmente capacidade para construir um estádio seu. A forma de melhorar a situação foi esta. Podia ter sido melhor e mais barata? Claro que sim.
Vou só lembrar que há exemplos do euro 2004 bem piores que o de Braga e outros que aproveitaram para diminuir a capacidade de lugares em vez de aumentar e, embora de outras formas bem camufladas, ficaram com os estádios para os clubes depois de beneficiarem com permutas, trocas e baldrocas por parte dos respectivos municipios.
Agora com a cidade desportiva, vamos "fabricar" paletes de vedetas para vender por muitos milhões (10% para o Braga) e daqui a uns anitos temos graveto para o nosso proprio estádio.
Mas na altura dava para recuperar o 1º de maio, como dava para ter optado pela 1ª variante a concurso-estádio tradicional com 4 bancadas.
O Braga não tinha condições, como não tinha nenhum clube. Os 3 grandes receberam avultadas compensações financeiras do Estado Central, os outros foram os municípios a arcar com os custos, e estádio do Bessa enterrou o Boavista (não fosse a cruz errada nas provas do apito dourado...).
Os outros até diminuíram capacidade? Foi uma má escolha, pois vê-se os estádios a abarrotar de pessoas.
O Estádio de Braga do ponto visto financeiro é o maior aborto. Só que o Braga não tem outro sítio para onde jogar (ao contrário do Farense, do Leiria que faliu, reabriu e chegou a jogar noutro sítio, ou o Beira-Mar, que agora lá jogam ali porque a Câmara também baixou a renda).
Olhar para um exemplo bem feito é só olhar para aqui ao lado.

Sobre as obras mencionadas por RR, que vem mais uma vez sacudir a água do capote, e enquanto se fala nisto, não se fala no Firmino Marques que foi enfiado para a AR com a imunidade parlamentar, fazem todo sentido. São tudo obras que beneficiam uma franja maior de munícipes por um custo mais reduzido, ou obras que não podem ser executadas porque o orçamento está todo cativo.

Sim, realmente não se pode comparar a necessidade de um complexo para a prática desportiva pelo cidadão comum, ou ter um pavilhão em condições que permita ao cidadão comum deixar de se deslocar ao Porto a Lisboa, com uma infraestrutura feita para usufruto de uma empresa privada que movimenta milhões.

Lá vamos nós outra vez confundir "telepatia" com a "tia do pélé".

Alguém falou na "necessidade" do complexo da rodovia ou na utilidade do pavilhão? Não.
O complexo da rodovia, e já o disse acima, está mais bonito e mais completo mas tratou-se de um facelift do que já existia. Levou uns RR Leds e uns sinteticos novos e pouco mais. O resto (a infraestrutura principal e o espaço em si) já existiam.
Quanto ao pavilhão, que não passa disso mesmo, foi o mesmo, um facelift. E se por acaso já assistiu a algum concerto lá dentro como eu, deve ter reparado que está tudo na mesma incluindo as condições acústicas que são miseráveis. Daí eu ter dito que se gastaram, mesmo assim, 9 M em tinta e ripas de madeira.
COM RAÇA E LEALDADE
DEFENDO OS CLUBES DA MINHA CIDADE
Guerreiro03 Juniores
  • ***
  • 704
  Re: Estádio Municipal de Braga
« Responder #1603 em: 21 de Outubro de 2019, 17:52 »
Bem.
O estádio é o que todos já sabemos e foi muito caro. Mas uma coisa é certa, mal ou bem pelo menos temos onde jogar.
No 1º de Maio nem cadeiras se pode colocar. Não vamos chutar para canto nem brincar com as coisas.
E depois o lagarto não devia comparar obras com envergaduras totalmente dispares. Comparar com o PEB? Onde se gastaram 9 M em tinta e ripas de madeira? Aquilo está exactamente igual com as excepções que já mencionei. Comparar com as obras da rodovia? Está bem mais bonito mas não é comparável. E ainda falta o desfecho das investigações. Comparar com obras que ainda não estão feitas como o nó de enfias (e que falta faziam) e das quais só existem (das que existem) estimativas em papel?
O Braga não tinha na altura nem tem actualmente capacidade para construir um estádio seu. A forma de melhorar a situação foi esta. Podia ter sido melhor e mais barata? Claro que sim.
Vou só lembrar que há exemplos do euro 2004 bem piores que o de Braga e outros que aproveitaram para diminuir a capacidade de lugares em vez de aumentar e, embora de outras formas bem camufladas, ficaram com os estádios para os clubes depois de beneficiarem com permutas, trocas e baldrocas por parte dos respectivos municipios.
Agora com a cidade desportiva, vamos "fabricar" paletes de vedetas para vender por muitos milhões (10% para o Braga) e daqui a uns anitos temos graveto para o nosso proprio estádio.
Mas na altura dava para recuperar o 1º de maio, como dava para ter optado pela 1ª variante a concurso-estádio tradicional com 4 bancadas.
O Braga não tinha condições, como não tinha nenhum clube. Os 3 grandes receberam avultadas compensações financeiras do Estado Central, os outros foram os municípios a arcar com os custos, e estádio do Bessa enterrou o Boavista (não fosse a cruz errada nas provas do apito dourado...).
Os outros até diminuíram capacidade? Foi uma má escolha, pois vê-se os estádios a abarrotar de pessoas.
O Estádio de Braga do ponto visto financeiro é o maior aborto. Só que o Braga não tem outro sítio para onde jogar (ao contrário do Farense, do Leiria que faliu, reabriu e chegou a jogar noutro sítio, ou o Beira-Mar, que agora lá jogam ali porque a Câmara também baixou a renda).
Olhar para um exemplo bem feito é só olhar para aqui ao lado.

Sobre as obras mencionadas por RR, que vem mais uma vez sacudir a água do capote, e enquanto se fala nisto, não se fala no Firmino Marques que foi enfiado para a AR com a imunidade parlamentar, fazem todo sentido. São tudo obras que beneficiam uma franja maior de munícipes por um custo mais reduzido, ou obras que não podem ser executadas porque o orçamento está todo cativo.

Sim, realmente não se pode comparar a necessidade de um complexo para a prática desportiva pelo cidadão comum, ou ter um pavilhão em condições que permita ao cidadão comum deixar de se deslocar ao Porto a Lisboa, com uma infraestrutura feita para usufruto de uma empresa privada que movimenta milhões.

Lá vamos nós outra vez confundir "telepatia" com a "tia do pélé".

Alguém falou na "necessidade" do complexo da rodovia ou na utilidade do pavilhão? Não.
O complexo da rodovia, e já o disse acima, está mais bonito e mais completo mas tratou-se de um facelift do que já existia. Levou uns RR Leds e uns sinteticos novos e pouco mais. O resto (a infraestrutura principal e o espaço em si) já existiam.
Quanto ao pavilhão, que não passa disso mesmo, foi o mesmo, um facelift. E se por acaso já assistiu a algum concerto lá dentro como eu, deve ter reparado que está tudo na mesma incluindo as condições acústicas que são miseráveis. Daí eu ter dito que se gastaram, mesmo assim, 9 M em tinta e ripas de madeira.
Não entendo como é que o anterior executivo não presta contas pelo pessimo negócio. Gostava de saber qual vai ser a desculpa do edil para o trabalho mediano, para não dizer fraco , que tem feito , depois de o estádio ser vendido. A mudança não vai parar , porque nem sequer começou. Quanto ao Fórum do pouco que vi a acústica não é assim tão má , é razoável

Enviado do meu Redmi Note 7 através do Tapatalk

Anuncios V
PAF Equipa Principal
  • *****
  • 4460
  Re: Estádio Municipal de Braga
« Responder #1604 em: 21 de Outubro de 2019, 18:36 »
Em 2000 no estádio 1ªmaio dava para fazer o que se quisesse! E ainda hoje dá se assim houver interesse, mesmo sendo monumento nacional.
Convém referir que os valores apresentados são do estádio, mas não só, também da sua envolvência, incluindo por exemplo os terrenos, e até o campo de treinos e estradas. Valores grande parte que também já estavam englobados quando se falou nos valores de construção do estádio, que penso no início seria de 65milhões. No entanto o estádio sozinho teve um custo pornográfico. (alguém devia estar preso). Estamos a falar de juros no valor de 25milhões de euros por exemplo, dava para pagar um estádio. (o do Gil acho que custou metade disso)
Quanto às comparações servem apenas para se ter noção do que se poderia ter feito (e continuar a fazer no futuro) pela cidade, embora face ao circo dos últimos anos penso que nesta altura eram dispensáveis vindo da Câmara.

Não que interesse para o tema, mas em 1º lugar este assunto só surgiu agora porque a CDU pediu à Câmara para de uma vez por todas para esclarecer o assunto estádio, e finalmente isso foi feito. Houve hoje reunião de Câmara onde foi discutido o assunto. Quanto ao Firmino Marques por ser deputado não vai deixar de se apresentar perante a justiça, obviamente, nem sei de onde é que foram tirar essa ideia mirabolante. (tal como acontece com qualquer deputado), nem vejo que interesse isso possa ter para este tema.
anti-lampioes
anti-lampioes Equipa Principal
  • *****
  • 1128
  Re: Estádio Municipal de Braga
« Responder #1605 em: 21 de Outubro de 2019, 18:44 »
Bem.
O estádio é o que todos já sabemos e foi muito caro. Mas uma coisa é certa, mal ou bem pelo menos temos onde jogar.
No 1º de Maio nem cadeiras se pode colocar. Não vamos chutar para canto nem brincar com as coisas.
E depois o lagarto não devia comparar obras com envergaduras totalmente dispares. Comparar com o PEB? Onde se gastaram 9 M em tinta e ripas de madeira? Aquilo está exactamente igual com as excepções que já mencionei. Comparar com as obras da rodovia? Está bem mais bonito mas não é comparável. E ainda falta o desfecho das investigações. Comparar com obras que ainda não estão feitas como o nó de enfias (e que falta faziam) e das quais só existem (das que existem) estimativas em papel?
O Braga não tinha na altura nem tem actualmente capacidade para construir um estádio seu. A forma de melhorar a situação foi esta. Podia ter sido melhor e mais barata? Claro que sim.
Vou só lembrar que há exemplos do euro 2004 bem piores que o de Braga e outros que aproveitaram para diminuir a capacidade de lugares em vez de aumentar e, embora de outras formas bem camufladas, ficaram com os estádios para os clubes depois de beneficiarem com permutas, trocas e baldrocas por parte dos respectivos municipios.
Agora com a cidade desportiva, vamos "fabricar" paletes de vedetas para vender por muitos milhões (10% para o Braga) e daqui a uns anitos temos graveto para o nosso proprio estádio.
Mas na altura dava para recuperar o 1º de maio, como dava para ter optado pela 1ª variante a concurso-estádio tradicional com 4 bancadas.
O Braga não tinha condições, como não tinha nenhum clube. Os 3 grandes receberam avultadas compensações financeiras do Estado Central, os outros foram os municípios a arcar com os custos, e estádio do Bessa enterrou o Boavista (não fosse a cruz errada nas provas do apito dourado...).
Os outros até diminuíram capacidade? Foi uma má escolha, pois vê-se os estádios a abarrotar de pessoas.
O Estádio de Braga do ponto visto financeiro é o maior aborto. Só que o Braga não tem outro sítio para onde jogar (ao contrário do Farense, do Leiria que faliu, reabriu e chegou a jogar noutro sítio, ou o Beira-Mar, que agora lá jogam ali porque a Câmara também baixou a renda).
Olhar para um exemplo bem feito é só olhar para aqui ao lado.

Sobre as obras mencionadas por RR, que vem mais uma vez sacudir a água do capote, e enquanto se fala nisto, não se fala no Firmino Marques que foi enfiado para a AR com a imunidade parlamentar, fazem todo sentido. São tudo obras que beneficiam uma franja maior de munícipes por um custo mais reduzido, ou obras que não podem ser executadas porque o orçamento está todo cativo.

Sim, realmente não se pode comparar a necessidade de um complexo para a prática desportiva pelo cidadão comum, ou ter um pavilhão em condições que permita ao cidadão comum deixar de se deslocar ao Porto a Lisboa, com uma infraestrutura feita para usufruto de uma empresa privada que movimenta milhões.

Lá vamos nós outra vez confundir "telepatia" com a "tia do pélé".

Alguém falou na "necessidade" do complexo da rodovia ou na utilidade do pavilhão? Não.
O complexo da rodovia, e já o disse acima, está mais bonito e mais completo mas tratou-se de um facelift do que já existia. Levou uns RR Leds e uns sinteticos novos e pouco mais. O resto (a infraestrutura principal e o espaço em si) já existiam.
Quanto ao pavilhão, que não passa disso mesmo, foi o mesmo, um facelift. E se por acaso já assistiu a algum concerto lá dentro como eu, deve ter reparado que está tudo na mesma incluindo as condições acústicas que são miseráveis. Daí eu ter dito que se gastaram, mesmo assim, 9 M em tinta e ripas de madeira.
Não entendo como é que o anterior executivo não presta contas pelo pessimo negócio. Gostava de saber qual vai ser a desculpa do edil para o trabalho mediano, para não dizer fraco , que tem feito , depois de o estádio ser vendido. A mudança não vai parar , porque nem sequer começou. Quanto ao Fórum do pouco que vi a acústica não é assim tão má , é razoável

Enviado do meu Redmi Note 7 através do Tapatalk
o altice fórum não é exemplo para ninguém a derrapagem já vai no dobro mas presidente da câmara fala como a obra fosse feita por ele até agora ainda não vi nada a nascer de raiz mas ele acha que está a fazer um grande trabalho com umas festinhas e umas florzinhas quem leu o comunicado das cheias e sabe onde foi feita a nova fábrica da Bosch calava lo logo de caras.
« Última modificação: 21 de Outubro de 2019, 18:46 por anti-lampioes »
AMartins
AMartins Equipa Principal
  • *****
  • 2227
  Re: Estádio Municipal de Braga
« Responder #1606 em: 21 de Outubro de 2019, 21:06 »
Bem.
O estádio é o que todos já sabemos e foi muito caro. Mas uma coisa é certa, mal ou bem pelo menos temos onde jogar.
No 1º de Maio nem cadeiras se pode colocar. Não vamos chutar para canto nem brincar com as coisas.
E depois o lagarto não devia comparar obras com envergaduras totalmente dispares. Comparar com o PEB? Onde se gastaram 9 M em tinta e ripas de madeira? Aquilo está exactamente igual com as excepções que já mencionei. Comparar com as obras da rodovia? Está bem mais bonito mas não é comparável. E ainda falta o desfecho das investigações. Comparar com obras que ainda não estão feitas como o nó de enfias (e que falta faziam) e das quais só existem (das que existem) estimativas em papel?
O Braga não tinha na altura nem tem actualmente capacidade para construir um estádio seu. A forma de melhorar a situação foi esta. Podia ter sido melhor e mais barata? Claro que sim.
Vou só lembrar que há exemplos do euro 2004 bem piores que o de Braga e outros que aproveitaram para diminuir a capacidade de lugares em vez de aumentar e, embora de outras formas bem camufladas, ficaram com os estádios para os clubes depois de beneficiarem com permutas, trocas e baldrocas por parte dos respectivos municipios.
Agora com a cidade desportiva, vamos "fabricar" paletes de vedetas para vender por muitos milhões (10% para o Braga) e daqui a uns anitos temos graveto para o nosso proprio estádio.
Mas na altura dava para recuperar o 1º de maio, como dava para ter optado pela 1ª variante a concurso-estádio tradicional com 4 bancadas.
O Braga não tinha condições, como não tinha nenhum clube. Os 3 grandes receberam avultadas compensações financeiras do Estado Central, os outros foram os municípios a arcar com os custos, e estádio do Bessa enterrou o Boavista (não fosse a cruz errada nas provas do apito dourado...).
Os outros até diminuíram capacidade? Foi uma má escolha, pois vê-se os estádios a abarrotar de pessoas.
O Estádio de Braga do ponto visto financeiro é o maior aborto. Só que o Braga não tem outro sítio para onde jogar (ao contrário do Farense, do Leiria que faliu, reabriu e chegou a jogar noutro sítio, ou o Beira-Mar, que agora lá jogam ali porque a Câmara também baixou a renda).
Olhar para um exemplo bem feito é só olhar para aqui ao lado.

Sobre as obras mencionadas por RR, que vem mais uma vez sacudir a água do capote, e enquanto se fala nisto, não se fala no Firmino Marques que foi enfiado para a AR com a imunidade parlamentar, fazem todo sentido. São tudo obras que beneficiam uma franja maior de munícipes por um custo mais reduzido, ou obras que não podem ser executadas porque o orçamento está todo cativo.

Sim, realmente não se pode comparar a necessidade de um complexo para a prática desportiva pelo cidadão comum, ou ter um pavilhão em condições que permita ao cidadão comum deixar de se deslocar ao Porto a Lisboa, com uma infraestrutura feita para usufruto de uma empresa privada que movimenta milhões.

Lá vamos nós outra vez confundir "telepatia" com a "tia do pélé".

Alguém falou na "necessidade" do complexo da rodovia ou na utilidade do pavilhão? Não.
O complexo da rodovia, e já o disse acima, está mais bonito e mais completo mas tratou-se de um facelift do que já existia. Levou uns RR Leds e uns sinteticos novos e pouco mais. O resto (a infraestrutura principal e o espaço em si) já existiam.
Quanto ao pavilhão, que não passa disso mesmo, foi o mesmo, um facelift. E se por acaso já assistiu a algum concerto lá dentro como eu, deve ter reparado que está tudo na mesma incluindo as condições acústicas que são miseráveis. Daí eu ter dito que se gastaram, mesmo assim, 9 M em tinta e ripas de madeira.
Não entendo como é que o anterior executivo não presta contas pelo pessimo negócio. Gostava de saber qual vai ser a desculpa do edil para o trabalho mediano, para não dizer fraco , que tem feito , depois de o estádio ser vendido. A mudança não vai parar , porque nem sequer começou. Quanto ao Fórum do pouco que vi a acústica não é assim tão má , é razoável

Enviado do meu Redmi Note 7 através do Tapatalk
o altice fórum não é exemplo para ninguém a derrapagem já vai no dobro mas presidente da câmara fala como a obra fosse feita por ele até agora ainda não vi nada a nascer de raiz mas ele acha que está a fazer um grande trabalho com umas festinhas e umas florzinhas quem leu o comunicado das cheias e sabe onde foi feita a nova fábrica da Bosch calava lo logo de caras.

A inovação de montar tendas ($$) ninguém lhe tira!
rpo.castro
rpo.castro Equipa Principal
  • *****
  • 12537
  Re: Estádio Municipal de Braga
« Responder #1607 em: 22 de Outubro de 2019, 00:04 »
Em 2000 no estádio 1ªmaio dava para fazer o que se quisesse! E ainda hoje dá se assim houver interesse, mesmo sendo monumento nacional.
Convém referir que os valores apresentados são do estádio, mas não só, também da sua envolvência, incluindo por exemplo os terrenos, e até o campo de treinos e estradas. Valores grande parte que também já estavam englobados quando se falou nos valores de construção do estádio, que penso no início seria de 65milhões. No entanto o estádio sozinho teve um custo pornográfico. (alguém devia estar preso). Estamos a falar de juros no valor de 25milhões de euros por exemplo, dava para pagar um estádio. (o do Gil acho que custou metade disso)
Quanto às comparações servem apenas para se ter noção do que se poderia ter feito (e continuar a fazer no futuro) pela cidade, embora face ao circo dos últimos anos penso que nesta altura eram dispensáveis vindo da Câmara.

Não que interesse para o tema, mas em 1º lugar este assunto só surgiu agora porque a CDU pediu à Câmara para de uma vez por todas para esclarecer o assunto estádio, e finalmente isso foi feito. Houve hoje reunião de Câmara onde foi discutido o assunto. Quanto ao Firmino Marques por ser deputado não vai deixar de se apresentar perante a justiça, obviamente, nem sei de onde é que foram tirar essa ideia mirabolante. (tal como acontece com qualquer deputado), nem vejo que interesse isso possa ter para este tema.
Pois, se calhar Imunidade Parlamentar não significa Imunidade Parlamentar conforme Lei 7/93, mas como os nomes são parecidos fiz confusão.

E o facto de o tema custos do estádio vir à baila no dia em que sai uma notícia desfavorável para este executivo camarário deve ser só coincidência como existem tantas no mundo da política e futebol.

Enviado do meu SM-J610FN através do Tapatalk

Quem não sente não é filho de boa gente.
Anuncios M
Anuncios M
PAF Equipa Principal
  • *****
  • 4460
  Re: Estádio Municipal de Braga
« Responder #1608 em: 22 de Outubro de 2019, 00:39 »
Em 2000 no estádio 1ªmaio dava para fazer o que se quisesse! E ainda hoje dá se assim houver interesse, mesmo sendo monumento nacional.
Convém referir que os valores apresentados são do estádio, mas não só, também da sua envolvência, incluindo por exemplo os terrenos, e até o campo de treinos e estradas. Valores grande parte que também já estavam englobados quando se falou nos valores de construção do estádio, que penso no início seria de 65milhões. No entanto o estádio sozinho teve um custo pornográfico. (alguém devia estar preso). Estamos a falar de juros no valor de 25milhões de euros por exemplo, dava para pagar um estádio. (o do Gil acho que custou metade disso)
Quanto às comparações servem apenas para se ter noção do que se poderia ter feito (e continuar a fazer no futuro) pela cidade, embora face ao circo dos últimos anos penso que nesta altura eram dispensáveis vindo da Câmara.

Não que interesse para o tema, mas em 1º lugar este assunto só surgiu agora porque a CDU pediu à Câmara para de uma vez por todas para esclarecer o assunto estádio, e finalmente isso foi feito. Houve hoje reunião de Câmara onde foi discutido o assunto. Quanto ao Firmino Marques por ser deputado não vai deixar de se apresentar perante a justiça, obviamente, nem sei de onde é que foram tirar essa ideia mirabolante. (tal como acontece com qualquer deputado), nem vejo que interesse isso possa ter para este tema.
Pois, se calhar Imunidade Parlamentar não significa Imunidade Parlamentar conforme Lei 7/93, mas como os nomes são parecidos fiz confusão.

E o facto de o tema custos do estádio vir à baila no dia em que sai uma notícia desfavorável para este executivo camarário deve ser só coincidência como existem tantas no mundo da política e futebol.

Enviado do meu SM-J610FN através do Tapatalk
Outra vez arroz!! Não me digas que perdeste tempo a ler a lei e não viste que a imunidade parlamentar é levantada em casos de justiça semelhantes e por norma sempre a pedido do arguido ou acusado. Por isso essa tua teoria tem um fundamento vazio de conteúdo e acho que nem fazes a mínima ideia do que estás a dizer neste caso, mais ainda em relação à pessoa em causa. (não digo mais porque  isto nem é assunto que interesse para aqui).

Quanto aos valores saírem hoje, como disse isto saiu após um pedido da CDU e a reunião de hoje acontece de 15 em 15 dias... por isso o que disseste faz tanto sentido como batatas. Ou seja há uma reunião de 15 em 15 dias, havia 14 dias livres para sair a noticia, mas saiu hoje e curiosamente tu achas que a coincidência é os valores terem saído hoje. (e já agora porque não saíram os valores há 15 dias ou 3 semanas quando saíram noticias sobre Firmino Marques, mesmo na véspera das eleições?)
Se a noticia saísse amanhã ou tivesse saído ontem já não havia reunião. Estás a perceber o vazio da argumentação...
rpo.castro
rpo.castro Equipa Principal
  • *****
  • 12537
  Re: Estádio Municipal de Braga
« Responder #1609 em: 22 de Outubro de 2019, 15:16 »
Em 2000 no estádio 1ªmaio dava para fazer o que se quisesse! E ainda hoje dá se assim houver interesse, mesmo sendo monumento nacional.
Convém referir que os valores apresentados são do estádio, mas não só, também da sua envolvência, incluindo por exemplo os terrenos, e até o campo de treinos e estradas. Valores grande parte que também já estavam englobados quando se falou nos valores de construção do estádio, que penso no início seria de 65milhões. No entanto o estádio sozinho teve um custo pornográfico. (alguém devia estar preso). Estamos a falar de juros no valor de 25milhões de euros por exemplo, dava para pagar um estádio. (o do Gil acho que custou metade disso)
Quanto às comparações servem apenas para se ter noção do que se poderia ter feito (e continuar a fazer no futuro) pela cidade, embora face ao circo dos últimos anos penso que nesta altura eram dispensáveis vindo da Câmara.

Não que interesse para o tema, mas em 1º lugar este assunto só surgiu agora porque a CDU pediu à Câmara para de uma vez por todas para esclarecer o assunto estádio, e finalmente isso foi feito. Houve hoje reunião de Câmara onde foi discutido o assunto. Quanto ao Firmino Marques por ser deputado não vai deixar de se apresentar perante a justiça, obviamente, nem sei de onde é que foram tirar essa ideia mirabolante. (tal como acontece com qualquer deputado), nem vejo que interesse isso possa ter para este tema.
Pois, se calhar Imunidade Parlamentar não significa Imunidade Parlamentar conforme Lei 7/93, mas como os nomes são parecidos fiz confusão.

E o facto de o tema custos do estádio vir à baila no dia em que sai uma notícia desfavorável para este executivo camarário deve ser só coincidência como existem tantas no mundo da política e futebol.

Enviado do meu SM-J610FN através do Tapatalk
Outra vez arroz!! Não me digas que perdeste tempo a ler a lei e não viste que a imunidade parlamentar é levantada em casos de justiça semelhantes e por norma sempre a pedido do arguido ou acusado. Por isso essa tua teoria tem um fundamento vazio de conteúdo e acho que nem fazes a mínima ideia do que estás a dizer neste caso, mais ainda em relação à pessoa em causa. (não digo mais porque  isto nem é assunto que interesse para aqui).

Quanto aos valores saírem hoje, como disse isto saiu após um pedido da CDU e a reunião de hoje acontece de 15 em 15 dias... por isso o que disseste faz tanto sentido como batatas. Ou seja há uma reunião de 15 em 15 dias, havia 14 dias livres para sair a noticia, mas saiu hoje e curiosamente tu achas que a coincidência é os valores terem saído hoje. (e já agora porque não saíram os valores há 15 dias ou 3 semanas quando saíram noticias sobre Firmino Marques, mesmo na véspera das eleições?)
Se a noticia saísse amanhã ou tivesse saído ontem já não havia reunião. Estás a perceber o vazio da argumentação...
Sei qual é a lei mas não a conheço em detalhe, mas já que a conheces tão bem fico mais descansado. É que a imunidade parlamentar só pode ser levantada pela AR em casos de crimes graves ou de flagrante delito, fora nestes casos os deputados não podem ser sequer constituído arguidos mas enfim.

As noticias saiem em resposta a mais uma exposição/apresentação do Souto Mouro. Mas até me referia no geral. No dia em que sai a noticia das constituição dos elementos da CMB como arguidos, RR publicava mais uma intervenção sobre os custos do estádio.
Quem não sente não é filho de boa gente.
AMartins
AMartins Equipa Principal
  • *****
  • 2227
  Estádio Municipal de Braga
« Responder #1610 em: 22 de Outubro de 2019, 21:08 »
Em 2000 no estádio 1ªmaio dava para fazer o que se quisesse! E ainda hoje dá se assim houver interesse, mesmo sendo monumento nacional.
Convém referir que os valores apresentados são do estádio, mas não só, também da sua envolvência, incluindo por exemplo os terrenos, e até o campo de treinos e estradas. Valores grande parte que também já estavam englobados quando se falou nos valores de construção do estádio, que penso no início seria de 65milhões. No entanto o estádio sozinho teve um custo pornográfico. (alguém devia estar preso). Estamos a falar de juros no valor de 25milhões de euros por exemplo, dava para pagar um estádio. (o do Gil acho que custou metade disso)
Quanto às comparações servem apenas para se ter noção do que se poderia ter feito (e continuar a fazer no futuro) pela cidade, embora face ao circo dos últimos anos penso que nesta altura eram dispensáveis vindo da Câmara.

Não que interesse para o tema, mas em 1º lugar este assunto só surgiu agora porque a CDU pediu à Câmara para de uma vez por todas para esclarecer o assunto estádio, e finalmente isso foi feito. Houve hoje reunião de Câmara onde foi discutido o assunto. Quanto ao Firmino Marques por ser deputado não vai deixar de se apresentar perante a justiça, obviamente, nem sei de onde é que foram tirar essa ideia mirabolante. (tal como acontece com qualquer deputado), nem vejo que interesse isso possa ter para este tema.
Pois, se calhar Imunidade Parlamentar não significa Imunidade Parlamentar conforme Lei 7/93, mas como os nomes são parecidos fiz confusão.

E o facto de o tema custos do estádio vir à baila no dia em que sai uma notícia desfavorável para este executivo camarário deve ser só coincidência como existem tantas no mundo da política e futebol.

Enviado do meu SM-J610FN através do Tapatalk
Outra vez arroz!! Não me digas que perdeste tempo a ler a lei e não viste que a imunidade parlamentar é levantada em casos de justiça semelhantes e por norma sempre a pedido do arguido ou acusado. Por isso essa tua teoria tem um fundamento vazio de conteúdo e acho que nem fazes a mínima ideia do que estás a dizer neste caso, mais ainda em relação à pessoa em causa. (não digo mais porque  isto nem é assunto que interesse para aqui).

Quanto aos valores saírem hoje, como disse isto saiu após um pedido da CDU e a reunião de hoje acontece de 15 em 15 dias... por isso o que disseste faz tanto sentido como batatas. Ou seja há uma reunião de 15 em 15 dias, havia 14 dias livres para sair a noticia, mas saiu hoje e curiosamente tu achas que a coincidência é os valores terem saído hoje. (e já agora porque não saíram os valores há 15 dias ou 3 semanas quando saíram noticias sobre Firmino Marques, mesmo na véspera das eleições?)
Se a noticia saísse amanhã ou tivesse saído ontem já não havia reunião. Estás a perceber o vazio da argumentação...
No dia em que sai a noticia das constituição dos elementos da CMB como arguidos, RR publicava mais uma intervenção sobre os custos do estádio.

O chamado “timming perfeito”
« Última modificação: 22 de Outubro de 2019, 21:11 por AMartins »
Anuncios G
PAF Equipa Principal
  • *****
  • 4460
  Re: Estádio Municipal de Braga
« Responder #1611 em: 22 de Outubro de 2019, 22:48 »
Em 2000 no estádio 1ªmaio dava para fazer o que se quisesse! E ainda hoje dá se assim houver interesse, mesmo sendo monumento nacional.
Convém referir que os valores apresentados são do estádio, mas não só, também da sua envolvência, incluindo por exemplo os terrenos, e até o campo de treinos e estradas. Valores grande parte que também já estavam englobados quando se falou nos valores de construção do estádio, que penso no início seria de 65milhões. No entanto o estádio sozinho teve um custo pornográfico. (alguém devia estar preso). Estamos a falar de juros no valor de 25milhões de euros por exemplo, dava para pagar um estádio. (o do Gil acho que custou metade disso)
Quanto às comparações servem apenas para se ter noção do que se poderia ter feito (e continuar a fazer no futuro) pela cidade, embora face ao circo dos últimos anos penso que nesta altura eram dispensáveis vindo da Câmara.

Não que interesse para o tema, mas em 1º lugar este assunto só surgiu agora porque a CDU pediu à Câmara para de uma vez por todas para esclarecer o assunto estádio, e finalmente isso foi feito. Houve hoje reunião de Câmara onde foi discutido o assunto. Quanto ao Firmino Marques por ser deputado não vai deixar de se apresentar perante a justiça, obviamente, nem sei de onde é que foram tirar essa ideia mirabolante. (tal como acontece com qualquer deputado), nem vejo que interesse isso possa ter para este tema.
Pois, se calhar Imunidade Parlamentar não significa Imunidade Parlamentar conforme Lei 7/93, mas como os nomes são parecidos fiz confusão.

E o facto de o tema custos do estádio vir à baila no dia em que sai uma notícia desfavorável para este executivo camarário deve ser só coincidência como existem tantas no mundo da política e futebol.

Enviado do meu SM-J610FN através do Tapatalk
Outra vez arroz!! Não me digas que perdeste tempo a ler a lei e não viste que a imunidade parlamentar é levantada em casos de justiça semelhantes e por norma sempre a pedido do arguido ou acusado. Por isso essa tua teoria tem um fundamento vazio de conteúdo e acho que nem fazes a mínima ideia do que estás a dizer neste caso, mais ainda em relação à pessoa em causa. (não digo mais porque  isto nem é assunto que interesse para aqui).

Quanto aos valores saírem hoje, como disse isto saiu após um pedido da CDU e a reunião de hoje acontece de 15 em 15 dias... por isso o que disseste faz tanto sentido como batatas. Ou seja há uma reunião de 15 em 15 dias, havia 14 dias livres para sair a noticia, mas saiu hoje e curiosamente tu achas que a coincidência é os valores terem saído hoje. (e já agora porque não saíram os valores há 15 dias ou 3 semanas quando saíram noticias sobre Firmino Marques, mesmo na véspera das eleições?)
Se a noticia saísse amanhã ou tivesse saído ontem já não havia reunião. Estás a perceber o vazio da argumentação...
Sei qual é a lei mas não a conheço em detalhe, mas já que a conheces tão bem fico mais descansado. É que a imunidade parlamentar só pode ser levantada pela AR em casos de crimes graves ou de flagrante delito, fora nestes casos os deputados não podem ser sequer constituído arguidos mas enfim.

As noticias saiem em resposta a mais uma exposição/apresentação do Souto Mouro. Mas até me referia no geral. No dia em que sai a noticia das constituição dos elementos da CMB como arguidos, RR publicava mais uma intervenção sobre os custos do estádio.

Volto a repetir, isto não interessa nada para o tema em questão, mas convém ter a mínima noção daquilo que se está a falar.
Fica aqui uma noticia, para teres noção da falta de sentido daquilo que escreveste, desde 2016, 23 deputados perderam imunidade... (10% dos deputados)
Link Externo

Quanto à noticia, volto a repetir a reunião como a de ontem decorre de 15 em 15 dias sempre! Não houvesse essa reunião e o estádio não seria assunto sequer pelo menos ontem. A noticia é que saiu no dia da reunião, e não a reunião que foi feita por algo relacionado com a notícia.
Sendo que a noticia dos arguidos se é o mesmo que li por aí já tem 3 semanas/1mês.
joelvm
joelvm Equipa Principal
  • *****
  • 1320
  • We are SCBraga!!!
  Re: Estádio Municipal de Braga
« Responder #1612 em: 23 de Outubro de 2019, 10:41 »
Vender as 2 bancadas ao alto.
Demolir o 1º de Maio, não venham com a treta do património, campo da ponte e sá leite.
A câmara que construa um pavilhão digno ao ABC, que tanto tem elevado o nome da cidade, em outro local.
Oferecer os terrenos ao Braga, o Braga facilmente irá encontrar um patrocinador e construir isto Link Externo, um estádio moderno, de encontro as necessidades do clube, com outras valências.
Toda a gente fica a ganhar, a câmara livra-se de 2 encargos, os adeptos passam a ter um estádio, e não 2 bancadas ao alto, resolve-se o problemas dos adeptos visitantes, e o clube fica com património.
Além disso devolve-se o clube à cidade, que tem sido um dos principais entraves ao crescimento do mesmo
Bracarense
Bracarense Equipa Principal
  • *****
  • 1737
  Re: Estádio Municipal de Braga
« Responder #1613 em: 23 de Outubro de 2019, 10:59 »



Demolir o 1º de Maio, não venham com a treta do património,

Ignorante, Insultuoso ou ambos? Como classificar este comentário?

joelvm
joelvm Equipa Principal
  • *****
  • 1320
  • We are SCBraga!!!
  Re: Estádio Municipal de Braga
« Responder #1614 em: 23 de Outubro de 2019, 14:59 »



Demolir o 1º de Maio, não venham com a treta do património,

Ignorante, Insultuoso ou ambos? Como classificar este comentário?

Classifica como insultuoso, pois conheço bem a historia do estádio.
NightHawk
NightHawk Equipa Principal
  • *****
  • 2681
  Re: Estádio Municipal de Braga
« Responder #1615 em: 23 de Outubro de 2019, 18:20 »
...
 o Braga facilmente irá encontrar um patrocinador
...

Pois, só que não.

O Braga demorou 3 ou 4 anos a arranjar um patrocinador para as camisolas.
A Axa deixou o patrocínio do naming do estádio vencer e nunca mais ninguém lhe pegou.
Benfica, Porto, Sporting e Boavista (que em 2003 estava até acima do patamar que nós estamos agora) nenhum conseguiu um patrocinador para o seu estádio.
A CM de Faro e a CM Loulé, na região mais turística do país, não conseguiram arranjar um patrocinador ou eventos suficientes para pagar o investimento no estádio.

Mas nós vamos facilmente conseguir um patrocinador...
asdf Iniciados
  • *
  • 45
  Re: Estádio Municipal de Brauga
« Responder #1616 em: 23 de Outubro de 2019, 20:52 »
Penso que só existem 3 soluções: fica tudo como está, alguma entidade compra aquilo e o Braga continua a jogar lá, ou o estádio será utilizado para outro propósito e voltamos para o 1o de maio (fazendo apenas umas obras de restauro, adicionando umas cadeiras e cobertura que pode cobrir a totalidade das bancadas ou não) .Penso que a ideia de um novo estádio ou de um 1o de maio conpletamente novo e diferente são bastante improváveis.
anti-lampioes
anti-lampioes Equipa Principal
  • *****
  • 1128
  Re: Estádio Municipal de Brauga
« Responder #1617 em: 23 de Outubro de 2019, 21:31 »
Penso que só existem 3 soluções: fica tudo como está, alguma entidade compra aquilo e o Braga continua a jogar lá, ou o estádio será utilizado para outro propósito e voltamos para o 1o de maio (fazendo apenas umas obras de restauro, adicionando umas cadeiras e cobertura que pode cobrir a totalidade das bancadas ou não) .Penso que a ideia de um novo estádio ou de um 1o de maio conpletamente novo e diferente são bastante improváveis.
o Braga vai continuar a jogar no estádio até Dezembro de 2033 que é quando acaba o contrato de aluguer o resto é treta do presidente da câmara que até encomendou Noticias que que queriam comprar o estadio por 80milhoes.
asdf Iniciados
  • *
  • 45
  Re: Estádio Municipal de Braga
« Responder #1618 em: 23 de Outubro de 2019, 23:06 »
Desconfio que quando tivermos ps novamente na camara o problema já vai ser o PEB e não o estadio....
PAF Equipa Principal
  • *****
  • 4460
  Re: Estádio Municipal de Braga
« Responder #1619 em: 23 de Outubro de 2019, 23:51 »
Desconfio que quando tivermos ps novamente na camara o problema já vai ser o PEB e não o estadio....
O peb não foi um problema antes quando foi feito pelo PS e menos vai ser depois, pelo menos tendo em conta que a obra acabou há um ano e se não está pago, estara quase e tem tido uma ocupação que provavelmente nem a própria Câmara estava à espera.
O Peb é o melhor exemplo do que deveria ter sido feito no passado com o estádio. Uma remodelação a preços razoáveis ( embora alguns tentem passar ideia contrária, uma obra que se o concurso fosse feito hoje custaria mais 20 ou 30% no mínimo), tornou o espaço moderno e funcional, alargou muito o âmbito de eventos, aumentando também a sua ocupação que é praticamente diária.
O problema do estádio ainda o é por 3 motivos, ainda não está pago passado 20anos e ninguém sabe quando estará,  quem o utiliza também não vive satisfeito com o mesmo e no futuro ninguém sabe como se conseguirá minorar os custos de manutenção.
Se resolverem estes 3pontos o assunto estádio morre.
 

Anuncios M
Anuncios M