PAUSA DE TRABALHO » Superbraga.com
You are using an outdated browser. For a faster, safer browsing experience, upgrade for free today.

PAUSA DE TRABALHO

PAUSA DE TRABALHO

O SC Braga conheceu os seus adversários para a fase de grupos da presente edição da Liga Europa. Ao que parece, a UEFA já deverá permitir a existência de público, cabendo a decisão às autoridades de cada país. Assim, o sorteio ditou o acompanhamento no grupo G das equipas do Leicester (Inglaterra), do AEK (Grécia) e do Zorya (Ucrânia), sendo notória alguma falta de sorte em comparação com as outras duas equipas portuguesas presentes na fase de grupos das competições da UEFA, onde estarão os melhores e não aqueles que se consideram melhores, e os Gverreiros do Minho voltarão a marcar presença na montra europeia. Agora, como diz o treinador, é encarar um jogo de cada vez, com a vontade de vencer e as contas far-se-ão no fim.

Na liga portuguesa, a equipa de Carlos Carvalhal deslocou-se a Tondela sem pontos conquistados, mas com a firme convicção de quem acredita que está no rumo certo, o que foi determinante na esclarecedora vitória conquistada, através de uma goleada de 4-0 que já se registava ao intervalo. Nota de destaque para Galeno que marcou dois golos e fez uma assistência, parecendo indicar que a recuperação do atraso na sua preparação é cada vez mais efetiva, o que é bom para a equipa que assim pode contar com a sua irreverência, capacidade e velocidade, que o tornam num jogador diferenciado e diferenciador. Os restantes golos foram obtidos por Bruno Viana, que assim pode ganhar ânimo que o leve a patamares de desempenho elevados do passado, e por Ricardo Horta, que deste modo continua a sua capacidade goleadora. O segundo período do jogo foi de alguma gestão, merecendo realce o penalti defendido por Matheus no último lance do jogo e para a estreia de Rodrigo Gomes, um menino da formação de apenas dezassete anos, cujo futuro promete sorrir. Para a história fica a goleada obtida com uma boa exibição, em especial no primeiro tempo, onde a eficácia fez toda a diferença em comparação com o jogo anterior, frente ao Santa Clara, que culminou numa derrota imerecida.

Espero agora que o treinador arsenalista sinta boas condições para implementar o que idealizou para a época em Braga, que se prevê longa e exigente, e que o tempo seja seu aliado na busca dos caminhos do sucesso. Assim, esta pausa destinada às seleções será de trabalho, com vista a recuperar o atraso de preparação que se observa ainda em alguns jogadores, com a vantagem de acontecer depois de uma vitória categórica, que coloca um sorriso maior nos rostos do grupo de trabalho.

A lista de convocados da seleção nacional inclui o nome de Sequeira, que assim se estreia nestas andanças, numa chamada que traz alguma justiça à carreira crescente que o atleta tem vivido em Braga. Que outros Gverreiros sirvam a nação em breve, é o meu desejo.

O fim do mercado de verão não trouxe mexidas de última hora em Braga, o que representa um sinal positivo que agrada a Carlos Carvalhal. A manutenção de Paulinho no plantel, assediado de modo indecente, é reveladora da estabilidade proporcionada pela estrutura bracarense.

In Diário do Minho de 08-10-2020

Partilhar

Anuncios G
Anuncios M