Feito europeu » Superbraga.com
You are using an outdated browser. For a faster, safer browsing experience, upgrade for free today.

Feito europeu

Feito europeu

O SC Braga foi a primeira equipa portuguesa a efectuar 12 jogos europeus sem conhecer o sabor da derrota, tudo começou a 22 de Fevereiro de 2018, dia em que o SC Braga derrotou o Marselha na segunda mão dos dezasseis-avos da Liga Europa, no entanto insuficiente para continuar em prova, dada a derrota na primeira mão, no entanto deu inicio a uma sequência de 12 jogos sem perder, com oito triunfos e 4 empates, cimentando assim o estatuto europeu do SC Braga.

Contrastando com a sua má prestação no campeonato nacional, no qual já conta com quatro derrotas, outras tantas vitórias e três empates, no entanto convém referir que o SC Braga já defrontou o SCP e o SLB.

Se me dissessem que o Braga seria a primeira equipa a tingir esta marca eu não acreditaria, em os melhores palpites de futebol adivinhariam que o SC Braga seria a primeira equipa portuguesa a atingir este número.

O SC Braga alcançou um nível europeu digno de destaque, tendo também sido uma das equipas que mais contribui para o ranking nacional na UEFA. Alias Portugal está no bom caminho para conseguir colocar 3 equipas na Liga dos Campeões na época desportiva 2021/2022, apresentando neste momento vantagem sobre a Russia.

Com a continuidade garantida do SC Braga e o SCP em prova e a possibilidade de outras equipas se lhes juntarem, poderá ser o que Portugal necessita para fazer regressar mais uma equipa à competição milionária.

No entanto para que este ranking se mantenha estável é necessário dotar as equipas de condições para que tal aconteça, A Liga Portuguesa de Futebol, dominada pelas vontades dos 3 estarolas, nada tem feito para aumentar a competitividade do campeonato, depois assistimos a péssimas participações de FCP e SLB na Europa, que, quando confrontados com equipas que praticam bom futebol mostram o quão errada é a estratégia nacional.

Não é difícil perceber que o Futebol se tornou um negócio e mais que os resultados desportivos o que interessa são os resultados financeiros, pelo menos aqueles que permitam garantir bons rendimentos a quem manda no futebol. 

Na pratica temos video-arbitro mas depois temos lances de fora de jogo de 5cm, continuamos a ter o critério do Arbitro em lances capitais, continuamos a ter jogos entre compromissos Europeus importantíssimos, e vemos ainda a Liga a sobrepor-se à vontade dos clubes agendando jogos para data diferente da acordada entre os clubes.

Há muita coisa mal no futebol nacional, já no futebol internacional só ficam os melhores.

Partilhar

Anuncios G
Anuncios M